Autoconhecimento Coaching

Copo cheio ou vazio?

Sergio Giavoni
Escrito por Sergio Giavoni

Uma pesquisa realizada por Peter Diamandis, fundador da Singularity University, na Califórnia (EUA), nos relata que nunca vivemos em uma época de tantas oportunidades no nosso planeta.

A pesquisa explica a questão que deve estar na maioria das mentes das pessoas: mas, se tudo está mudando para melhor, por que então só há más notícias nos jornais e o sentimento é de que estamos nos afundando na areia movediça?

A culpa é do nosso cérebro! Graças a um mecanismo de defesa comandado por uma parte do cérebro, chamada amígdala cerebral, somos direcionados a dar mais atenção a tudo aquilo que representa uma ameaça à nossa sobrevivência. É assim desde nossas origens. Todos os acontecimentos soavam como uma sentença de morte. Sendo assim o nosso cérebro se acostumou a esse mecanismo alarmista e nos orienta até hoje a preferir sempre “ver o copo mais vazio do que cheio”.

Para burlar esse sistema, temos de ser mais espertos do que o nosso próprio cérebro. Já que estamos falando de otimismo, aqui vai uma boa notícia: dá para trocar a escuridão das cavernas pelo brilho do sol.

Nossa tendência natural é ver o lado ruim das coisas. Mas podemos escolher: ficar com a má notícia ou procurar saídas.

Ser pessimista é deixar que o medo do pior bloqueie a busca de soluções. Isso não pode ser confundido com o ato de analisar os pontos negativos e riscos da situação. Informar-se é sempre prudente, mesmo que a análise só gere informações ruins.

Existe uma espécie de pessimismo positivo, que é quando projetamos o pior cenário a fim de evitá-lo. Existem pessoas que funcionam desta maneira, e até poderíamos chamar esse estilo de otimismo pragmático. Neste caso, trata-se de um falso pessimista.
Temer riscos é normal, mas, muitas vezes, as pessoas buscam uma notícia ruim só para deixar de encarar um desafio. Analise-se. Se sentir que você está se sabotando, procure informações positivas para equilibrar a balança. Ao contrário é só preguiça. Preguiça não é doença, mas estado de espírito.

shutterstock_229727257-2Se olhar para o futuro e ver uma luz no fim do túnel não está funcionando para reverter sua falta de estímulo, tente olhar para o mesmo túnel e imaginá-lo em completa escuridão. O futuro virá de qualquer jeito. Melhor com luz, certo?!

Adote uma frase para a sua vida, como por exemplo: “Não existe derrota para quem não desiste da luta”. Trace um plano e entre em ação. Faça ajustes temporários. Tente diversas maneiras. O foco deve ser melhorar a situação.

Não conte com o otimismo coletivo para começar a agir. As pessoas são diferentes e vivem diferentes contextos. Portanto, não deixe o pessimismo alheio te influenciar. Saiba o que esperar de cada parceiro, independentemente do astral deles.

Se você deseja mudanças significativas em sua vida e não sabe por onde começar, o Coaching é uma solução e pode te ajudar.

Sucesso! Felicidades! Vamos em frente!

Sobre o autor

Sergio Giavoni

Sergio Giavoni

Sócio Diretor da Harmonia Consultoria e Assessoria em Pessoas. É Economista com MBA Executivo em Administração de Empresas, Certificado em Capacitação Gerencial, Gestão Estratégica das Pessoas, Gestão Estratégica de Negócios, Palestrante Profissional, Personal & Profissional Coach, Leadership Coach, Carrer Coach, Alpha Coach, Executive Coach, Business Coach, e Analista PDA – Personal Development Analysis (Avaliação de Perfil Comportamental).

Experiência profissional executiva em bancos, ocupando por último o cargo de Superintendente Comercial da rede de agências.

Desempenha a função de Coach Pessoal, Profissional, Executivo e Business, com diversas atuações no desenvolvimento de objetivos, resultados e performance de pessoas, equipes e empresas.

Desempenha também a função de palestrante e instrutor em assuntos pertinentes à Liderança, Motivação, Engajamento, Atendimento à Clientes e Vendas.

Coordenador de Mentoria do Grupo BNI (Business Network International) Exponencial – São Bernardo do Campo – SP.

Coautor do livro “Planejamento Estratégico para a Vida” – Editora Ser Mais – Dez/2015.

Telefone: 11 4427-9604 e 11 99979-7050
E-mail
[email protected]
Sites
www.harmoniaconsultoria.com.br/
Blog
www.harmoniaconsultoriaeassessoria.com.br
LinkedIN
Sergio Giavoni
Instagram
@sergiogiavoni
Facebook
facebook.com/sergiogiavoni
Twitter
@SGiavoni