Autoconhecimento

Expressar a gratidão está em alta

Chirles de Oliveira
Escrito por Chirles de Oliveira

Várias datas no calendário celebram o ato do agradecimento. Dia 6 de janeiro, comemoramos o Dia da Gratidão. Dia 11, o Dia Internacional do Obrigado e, por fim, no dia 21 de setembro o Dia Mundial da Gratidão.

Fico muito feliz em ver esse tema sendo propagado abertamente nas redes sociais, pois a #gratidão é uma das mais compartilhadas, e também ganhando espaço na mídia tradicional. No último domingo, 6 de janeiro, estreou um quadro no Fantástico demonstrando o quão importante é expressar o sentimento da gratidão.

A virtude da gratidão é uma das emoções positivas que devemos cultivar frequentemente no nosso cotidiano. Sabe por quê? Por que a Ciência da Felicidade já desenvolveu pesquisas e conseguiu validar que sentir gratidão e alegria em resposta ao recebimento de um “presente”, bênção ou ação de outra pessoa eleva o nível de satisfação, trazendo a sensação de bem-estar e contentamento.

Sabe aquela metáfora de você olhar o copo e decidir se ele está “meio cheio” ou “meio vazio”? Pois bem, com um mindset positivo e, consequentemente, grato, a vida vai ganhando um colorido todo especial.

Homem com fones de ouvido sorrindo em uma rua.

Quando aprendemos a agradecer com nosso sentir (com o coração), e não apenas mecanicamente, como um ato de educação, nos nutrimos de um sentimento que nos traz vários benefícios, segundo os estudos da Psicologia Positiva:

– Valorizamos nossas conquistas por apreciar as bênçãos recebidas;

– Vivemos com menos estresse, pois a gratidão possibilita maior vitalidade, um sono reparador e a recuperação de doenças de forma mais rápida;

– Atraímos pessoas que nos ajudam, pois estamos abertos a receber gestos de gratidão e sintonizamos com mais gentilezas;

Enfim, a vida fica muito mais leve, alegre e abundante, e ainda mais saudável, pois a gratidão, por estar ligada a inúmeras emoções positivas, traz também muitos benefícios físicos.

Então, temos ou não inúmeros motivos para sermos pessoas gratas?

Um indivíduo agradecido é aquele que valoriza muito tudo aquilo que ele tem, tudo aquilo que os outros fizeram e fazem para ele e isso traz a sensação de bem-estar, e até de sorte, pois magicamente, mais e mais coisas boas são atraídas para suas vidas.

Agora me conta. Você costuma agradecer pessoalmente toda boa ação direcionada a você? Sente que tem uma mentalidade grata?

Pote de vidro com papeizinhos coloridos dentro dele.

Gostaria de convidá-lo a praticar o exercício das três bênçãos diárias. Para isso, reserve um bloco de notas, um caderno ou até o pote da gratidão e, antes de dormir, escreva pelo menos três fatos, pessoas ou coisas boas que aconteceram no seu dia. Com o passar de uma semana, você perceberá uma sensação de bem-estar, de contentamento e alegria.

Se você gostar da prática e desejar continuar, será lindo ver esse caderno ou pote cheio de apontamentos pelos quais você conseguiu agradecer no decorrer de um período.

Sim, coisas boas acontecem em sua vida, o que faltava, talvez, era você observar, anotar, contemplar e agradecer os “pequenos milagres” cotidianos.

Para mim, é muito bonito observar o crescimento do número de pessoas que usam hastags como #gratidão, #muitoobrigado, #namastê, #gentilezageragentileza e #maisamorporfavor. Acredito que é um belo sinal de uma mudança de consciência na valorização do que realmente importa nessa vida: O AMOR.


Você também pode gostar de outro artigo dessa autora. Acesse: Despedindo-se de 2018

Sobre o autor

Chirles de Oliveira

Chirles de Oliveira

Sou jornalista de formação, mestre em Comunicação e Práticas de Consumo pela ESPM/SP, pós-graduada em Marketing e Propaganda e atuo como docente do ensino superior na graduação e pós-graduação.

Na minha busca pela sustentabilidade e felicidade experiencial, fiz a certificação em Ciências Holísticas e Economia para Transição pela Escola Schumacher Brasil, trabalhei como voluntária na comunidade Schumacher College, sou facilitadora em Felicidade Interna Bruta pelo FIB-Feliciência e tenho formação em Psicologia Positiva pelo IBC - Instituto Brasileiro de Coaching. Sou professora e praticante de Yoga.

Busco o autoconhecimento e penso que o grande desafio da vida é equilibrar o lado profissional, pessoal, social e espiritual. Eu, sinceramente, acredito no poder da transformação, da ressignificação das experiências da vida, da resiliência, da gratidão, da gentileza e compaixão. Eu acredito que podemos desenvolver um mindset da felicidade e desmistificar os preconceitos em relação ao tema.

E assim, por inspiração, surgiu o blog Felicidade Sustentável em março de 2015, cuja missão é informar, inspirar, compartilhar as boas práticas, agregar valor à vida e senti-la pulsando em alta potência! É vida que flui e promove sempre bons encontros!

Agora o blog transforma-se em um portal com conteúdos online e ofertas de cursos, workshops e palestras com embasamento na Ciência da Felicidade, na Psicologia Positiva, na Neurociência, no Sistema FIB e pela história de vida (Walk the Talk).

Não damos receitas de felicidade (só receitas saborosas e saudáveis! rsrs), mas esperamos que cada um encontre aqui algumas “pílulas” ou trilhas para viver a Felicidade Sustentável, no seu tempo, respeitando a sua individualidade e despertar… Porque, como canta Caetano Veloso, “cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é”.

Vamos juntos por uma vida mais feliz e sustentável?

Email: [email protected]
Site: felicidadesustentavel.com.br Facebook: blogfelicidadesustentavel
Instagram: @felicidade_sustentavel
href="https://www.youtube.com/channel/UC8zFsDGrCfJppf9mtotcz4Q">
Felicidade Sustentável