Linguagem do Corpo Saúde Integral

O que a coriza pode significar emocionalmente?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Esse é o nome correto para o popularmente conhecido “nariz escorrendo”. O fluído expelido pelo nariz possui uma coloração transparente, quando se trata de processos alérgicos, ou verde e amarelado quando é causada por alguma infecção viral ou bacteriana. Nesses casos, o catarro é criado pelo próprio organismo a fim de expelir vírus e bactérias do corpo.

shutterstock_171517784-2Para curar a coriza é preciso cuidar do seu agente causador. Normalmente o escorrimento do nariz é causado por crises de rinite. Por isso deve-se tratar do problema com antialérgicos, corticoides ou antibióticos. Assim, a coriza tende a desaparecer consequentemente.

Cristina Cairo afirma em seu livro que a coriza pode aparecer em pessoas muito sensíveis e que precisam constantemente de aprovação.

Coriza segundo Cristina Cairo:

É a inflamação catarral da membrana mucosa das fossas nasais. Ocorre em pessoas extremamente sensíveis, que acham que só se pode conseguir o que se quer se alguém o permitir. Você, que tem coriza, cresça e pare de sentir-se como criança chorosa e vá à luta. Com lágrimas você não vai à lugar algum.

Tenha vontade de criar suas próprias coisas e sentir prazer por elas e com elas. Participe ativamente e aceite a si mesmo com amor e sabedoria. Saiba amadurecer com alegria e dinamismo, sem perder a juventude. Perca o hábito de sentir-se vítima e enxergue que você tem capacidade e argumentos para agir diferente quando sente-se acuado.

livro 1

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]