Maternidade Consciente Saúde Integral

Massagem para Bebês

Bebê deitado
Paula Viana
Escrito por Paula Viana
O toque é a base de ligação dos laços emocionais e quando o bebê é estimulado desde cedo, essas ligações podem ajudar no bem-estar da relação mãe e filho. O sistema nervoso é responsável pela comunicação com o mundo exterior, os receptores enviam mensagens para todos os órgãos do corpo, por isso a massagem é uma técnica de relaxamento por meio dos estímulos sensoriais.

A Massagem pode ser introduzida antes do banho e deve ser feita com suavidade, coloque o bebê em contato com você em um local seguro para que seja confortável na hora de fazer as manobras. Prepare o ambiente, coloque uma música relaxante, use roupas confortáveis e deixe o Bebê em contato visual para que ele entenda que o toque é parte de sua rotina.

Os movimentos devem ser leves, se utilizar óleos que sejam vegetais para não promover nenhuma alergia. O tempo da massagem deve ser até 10 minutos. Não faça movimentos nas articulações até que o bebê complete 2 meses. Não faça a massagem depois das refeições, isso pode atrapalhar a digestão.

Bebê

Faça massagem no rosto, toque delicadamente a testa com a polpa dos polegares, faça movimentos suaves do centro até a proximidade das orelhas. Use óleo para deslizar. Na linha do couro cabeludo, faça movimentos com os dedos voltados para o centro da cabeça, alterne as mãos com lentas repetições. Na parte posterior do corpo do bebê: faça movimentos amplos do meio para lateral, os movimentos também podem ser alternados em forma de círculos.

Bebê bochechudo

Observe o toque para que seja o mais relaxante possível, massageie os pés, as coxas de forma leve e suave, esse contato vai fazer o bebê se sentir relaxado e amado. O toque estimula o sistema imunológico e promove o relaxamento para o bebê, isso ajuda muito a mamãe que está sempre atarefada com a rotina.

Experimente esses toques no seu bebê, com o tempo você perceberá quais são as partes do corpo que seu filho gosta mais e a sequência que poderá criar na rotina dele. A massagem também auxilia na qualidade do sono do bebê, além de evitar cólicas intestinais que podem causar mal-estar. Existem muitos cursos para aprofundamento desse tema, a massagem é uma ferramenta importante de prevenção para diversos desequilíbrios.


Referência: A bíblia da Massagem, de Louise Keet

Sobre o autor

Paula Viana

Paula Viana

Massoterapeuta, Técnica de Nutrição e acadêmica de Estética e Cosmética. Desde criança me interesso por temas do bem estar e nutrição, atuo com atendimento de massoterapia em eventos e domicílio.

E-mail: [email protected]
Site: paulaviana.com
Instagram: @rbepaulaviana/
Twitter: @rbepaulaviana/
Facebook: Paula Viana | Reflexologia & Bem Estar
Telefone: (11) 9.7755-7413