Nutrição

Plantas alimentícias não convencionais. O que são?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Em busca de uma alimentação cada vez mais saudável, novos alimentos têm sido descobertos por biólogos e nutricionistas. Se os industrializados carecem de nutrientes necessários ao corpo humano, buscar novas opções na natureza tem sido uma tendência crescente entre os adeptos desse tipo de alimentação.

Os PANCs, que significa ‘Plantas Alimentícias Não Convencionais’, estão sendo descobertos e explorados em novas opções de cardápios. Imagine algumas das folhas que você costuma ver, normalmente, em buffets de saladas ou como ervas usadas em tempero. Essas PANCs, de certa forma, são parecidas com essas plantas, a diferença é que elas não foram descobertas antes como sendo apropriadas para o consumo.

Normalmente, essas plantas são hortaliças e só no Brasil existem cerca de 50 mil espécies diferentes. O problema é que a falta de conhecimento da existência delas dificulta sabermos quais são comestíveis ou não. Separamos algumas dessas plantas para vocês conhecerem um pouco mais desse mundo pouco explorado da alimentação saudável:

Dente-de-leão – Taraxacum officinale

É uma planta utilizada como hortaliça na Europa, mas ainda pouco usada no Brasil. Possui vitaminas A, B e C e é rica em ferro e potássio. Pode ser consumida fria ou quente, como salada, refogada e também misturada em sucos verdes.

Erva gorda, João Gomes – Talinum paniculatum

Cresce rapidamente e é encontrada muitas vezes em terrenos baldios. No norte e nordeste do Brasil, é consumida refogada, misturada em sopas, farofas e omeletes.

Bertalha – Anredera spp

Na Índia, é popularmente conhecida como espinafre indiano. Possui vitaminas A, B e C, além de cálcio, ferro e fósforo. A diferença dessa para outras plantas é que ela deve ser consumida logo após ser colhida. Pode ser feita como salada ou refogada e misturada em omeletes e sopas.

Caruru – Amaranthus viridis

Altamente nutritiva e de fácil cultivo, cresce facilmente em terrenos baldios. Possui muitos sais minerais, potássio e ferro. Suas folhas e talos são utilizadas em molhos, tortas e panquecas e suas sementes podem ser usadas em pães.

Ora-pro-nóbis – Pereskia aculeata

É uma planta rica em proteína, além de possuir vitaminas A, B, C e também cálcio, fósforo e ferro. Pode ser consumida tanto como salada quanto refogada e também ser utilizada como tempero.

Essas são apenas algumas das muitas plantas que podemos encontrar no Brasil e que são apropriadas para consumo. Mas alertamos sempre a importância de se consultar com um especialista da área de nutrição e biologia, caso você queira se aprofundar no assunto e enriquecer a sua alimentação de forma segura e saudável.


Texto escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]