Saúde Integral

Varizes: como fugir destas marcas

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Um problema que atinge até 70% das pessoas acima dos 70 anos, as varizes podem ser muitas vezes vistas apenas como uma complicação estética, mas causam também dor e sofrimento, e até demandam necessidade de cirurgia em determinados casos. Ao contrário do que se pensa, é um mal que atinge tanto homens como mulheres, apesar de a probabilidade ser maior em pessoas do sexo feminino. Evitar que este problema prejudique sua qualidade de vida é possível e pode ser mais simples do que você imagina.

As varizes são veias que saltam na pele e deixam de ser retas, causando muitas vezes saliências e marcas tortas no corpo. Os vasinhos são os primeiros sinais de que as varizes podem lhe acometer, e é nesta fase que o cuidado intensivo é necessário. A diferença básica entre vasinhos e varizes é o tamanho e a camada da pele em que se encontram: as varizes apresentam, em média, três milímetros e os vasinhos apenas um milímetro.

As causas são basicamente hereditárias, se na sua família você tem pais ou avós com varizes pode começar a se preparar, pois a chance de que você também tenha o problema por predisposição é grande. As mulheres também têm uma tendência maior de desenvolver o problema por conta dos hormônios e do período da gravidez, onde a força da parede das veias é diminuída e a tendência de estourar e causar as varizes é grande. A idade também é fator de risco, com a queda de produção de colágeno na pele e nas veias.

Hábitos alimentares e o sedentarismo também podem agravar ainda mais o quadro. Por isso, algumas diretrizes devem sempre ser tomadas para retardar o aparecimento deste mal. Sempre se mantenha em movimento, ficar muito tempo na mesma posição, seja em pé ou sentado, causa má circulação do sangue. Obesidade e intestino preguiçoso também aumentam as chances de que as varizes apareçam, por isso, mantenha sempre uma alimentação saudável rica em verduras, frutas, legumes e fibras e beba grande quantidade de água ao longo dos dias. Descubra um exercício que lhe dê prazer e o pratique sempre que possível, prefira exercícios que não demandem muita força ou esforço, pois com a contração dos músculos a dilatação dos vasos pode aumentar as chances das varizes aparecerem.


Texto escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]