Convivendo Jardinagem

5 flores fáceis de cuidar em casa

Ter flores em casa deixa o ambiente mais bonito! As cores e o perfume delas dão uma deliciosa sensação de aconchego e ainda melhoram nosso astral.

Em troca, elas pedem apenas carinho e zelo. Porém, nem todo mundo possui talento e tempo para cuidar delas. Você está nesta situação, mas não quer abrir mão de cultivá-las? Veja aqui 5 flores boas para ter em casa e renove seu lar.

Violeta

Difícil encontrar uma casa brasileira sem um vasinho de violeta. Uma das flores mais populares do país encanta pela beleza e facilidade de cultivo. O ideal é plantar em vasos de barro para absorver a água, porém, também pode ser em vasos de plástico. Ela gosta de luminosidade, ou seja, a luz solar deve ser refletida pela janela.

Para regar, coloque água no prato ou na terra. A periodicidade é uma vez por semana no inverno e duas vezes por semana no verão. A violeta floresce o ano todo e ela fica mais bonita se você adubar alternadamente com húmus de minhoca e farinha de osso.

Quer saber mais sobre ela? Clique aqui e aprenda como plantar.

Flor de maio

A flor de maio é um tipo de suculenta, planta que precisa de pouca água e resistente ao calor. Suas flores brancas, pink, salmão, amarelas, laranjas e vermelhas são muito comuns nas florestas da região Norte do Rio de Janeiro. Seu nome é porque a temperatura do mês de maio é mais baixa, ideal para a flor.

Plante em vasos de xaxim misto com terra vegetal, areia grossa e húmus. A terra não pode ser muito ácida, e para tirar um pouco da acidez, adicione uma colher de chá de cal hidratado ao substrato. Após plantar, cuidado com os botões, porque são sensíveis e caem fácil.

Não deixe a flor de maio exposta diretamente ao sol. Regue duas vezes por mês sem encharcar a planta. Outro fator que deixa a flor mais bela é usar adubo NPK antes de começar o outono.

Antúrio

Imagem da flor Antúrio
seven75 de Getty Images/ Canva

A flor de origem colombiana e venezuelana pode ser encontrada nas cores vermelha, branca e amarela. Uma curiosidade sobre o antúrio é que suas verdadeiras flores são os pequenos pontos que nascem naquele ramo amarelo no meio.  

O plantio pode ser na terra, vasos e floreiras, o importante é que as mudas sejam compradas em lojas especializadas. Os melhores locais para ela ficar são na cozinha e no banheiro, sob temperatura de 20 a 29 graus (sem exposição direta ao sol) e umidade relativa do ar superior a 50%. Evite deixar antúrios no ar condicionado.

Use adubo orgânico (esterco ou compostagem) com farinha de osso a cada seis meses. Molhe todos os dias sem encharcar. Aumente a periodicidade da rega no verão.

Outro motivo para ter um antúrio? Além de ser uma flor fácil de cuidar em casa, ele ainda absorve o amoníaco dos detergentes.

Bromélia

São quase 4 mil espécies de bromélias, 43% são brasileiras e estão na Mata Atlântica, Floresta Amazônica e na caatinga. Em climas quentes e úmidos floresce uma vez por ano, porém, as espécies neorgelia tricolor e zebra florescem o ano todo. Esta flor possui interessante sistema de absorção de água e nutrientes feito por suas folhas cobertas com escamas.

As bromélias terrestres também podem ser plantadas em vasos. Seja qual for o local, utilize brita número zero com húmus de minhoca e areia lavada. As bromélias rupícolas também podem ser cultivadas em vasos, desde que seja acrescentada brita e húmus no substrato.

Durante o verão, pulverize água nas folhas a cada dois meses, fazendo com que o líquido caia igual à chuva. Cuidado para não deixar a terra encharcada.

Onze horas

Flor nativa da América do Sul, a onze horas é muito encontrada no Brasil. As flores podem ser rosas, brancas, mescladas, e na espécie dobrada são rosas, amarelas, brancas e vermelhas. Sua floração ocorre o ano todo, porém, é mais intensa durante a primavera e no verão.

O plantio pode ser feito em vasos, jardineiras ou canteiros, preferencialmente durante o verão em solos permeáveis, em locais abertos que receba quatro horas diárias de iluminação solar direta. Adicione terra vegetal e duas partes de areia na terra comum. Faça adubação básica com calcário e matéria orgânica.  

Molhe sua onze horas uma vez por dia durante o verão, e no inverno, a cada três dias. Não molhe as flores abertas.

Você também pode gostar

Com essas dicas não tem mais desculpas! Quer mais motivos para ter flores em casa? Leia mais no site e descubra: As boas energias das flores.

Escrito por Sumaia Santana da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br