Convivendo Mulheres Vítimas de Agressão Vídeos

6 filmes que falam sobre violência contra a mulher

Mulher encostada em uma parede, com medo, ao fundo da imagem, e mais próximo da lente, em foco, um punho fechado.
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Um dos melhores efeitos de se assistir um bom filme é refletir sobre algum assunto que nunca paramos para analisar de forma aprofundada. Essas reflexões nos levam até algumas discussões e com isso podemos nos tornar cada vez mais conscientes dos problemas do mundo. Além de pensarmos mais sobre o que podemos fazer para resolvê-los.

A desigualdade, por exemplo, é o maior problema que as sociedades enfrentam. Desigualdades de raça, de gênero e de classe impedem que todas as pessoas vivam de forma digna. No caso específico da desigualdade de gênero, principalmente quando unida à de raça, temos como resultado mulheres tendo a vida interrompida ou o bem-estar anulado em virtude de um sistema de opressão.

Mulher chorando, com maquiagem borrada em seu rosto, e hematomas.
Pexels/Kat Jayne

A violência contra a mulher é uma das expressões das desigualdades de gênero e de raça. O Atlas da Violência de 2019 identificou que, no Brasil, 13 mulheres são assassinadas por dia, sendo que oito delas são pretas. O feminicídio (homicídio de uma mulher exclusivamente por ela ser mulher) é a consequência irreversível do machismo, mas há outras formas de violência contra a mulher.

Agressões físicas, verbais, morais, psicológicas e patrimoniais atingem mulheres todos os dias, no Brasil e no mundo. Essas formas de violência contra a mulher são caracterizadas por comportamentos como assédio sexual, chantagem, ofensas à honra, limitação do acesso aos próprios bens e descrédito das falas de mulheres, em todos os âmbitos.

Esse problema está longe de encontrar um fim, mas existem iniciativas que auxiliam a reparar ou a evitar os danos que a violência contra a mulher pode trazer. Entenda mais sobre isso a seguir!

O empoderamento feminino e a violência contra a mulher

O empoderamento feminino é uma consequência do movimento feminista, que tem como objetivo permitir que as mulheres enxerguem e valorizem as próprias potencialidades. A partir dele, uma mulher compreende que não precisa de outra pessoa para se validar e que pode viver de acordo com suas regras e gostos.

Se uma mulher está consciente de tudo o que ela é e de toda a força que ela tem, é provável que sinta mais confiança para se manifestar contra as situações de violência, seja denunciando-as ou apoiando as amigas que estejam enfrentando um problema desse tipo. Com o empoderamento feminino, as mulheres entendem que têm o controle sobre a própria vida.

Você também pode gostar

Então, se você quer colocar o empoderamento feminino em prática e ao mesmo tempo combater a violência contra a mulher, existem algumas coisas que você pode fazer. Denunciar agressões desse tipo para o 180, de forma gratuita e anônima, é um dos meios de fazer isso. Oferecer apoio para as mulheres que estão passando por um momento de medo e de incerteza é mais uma atitude que pode fazer diferença.

Além disso, você também pode refletir sobre como a violência contra a mulher faz parte da sociedade e se manifesta de diferentes formas. É importante compreender a fundo esse problema, para que ele possa ser combatido com ainda mais vigor e força. Por isso, uma lista de 6 filmes que falam sobre violência contra a mulher pode abrir seus olhos para situações que exigem atenção e cuidado. Inspire-se a fazer a diferença com os filmes a seguir!

Acusados

Baseado em uma história real, Acusados conta a saga de Sarah Tobias para conseguir justiça após ser estuprada por três homens em um bar. Muitos diziam que ela provocou o estupro por estar alterada pelo álcool e pelo uso de maconha. Mas o certo é que nada pode justificar um ato tão violento como esse.

Irreversível

Ainda dentro da temática do estupro, esse filme nos mostra o lado pesado que muitos se negam a enxergar sobre isso. Alex é uma mulher que saiu para se divertir na noite, mas não acabou como bem esperava… Um filme forte e não recomendado para quem tem problemas com cenas chocantes.

Preciosa: Uma história de esperança

Preciosa é uma garota que nasceu em uma família perturbada. Ela sofre abusos físicos do pai e abusos psicológicos da mãe. Sua vida na periferia da cidade não poderia ser pior. Um filme que nos faz refletir sobre como a vida de jovens garotas podem ser abaladas até antes mesmo delas poderem sair de casa.

Dormindo com o inimigo

Julia Roberts assume o papel de Laura, uma esposa que descobre que o marido é muito mais violento do que ela imaginava. Mas a dificuldade de se afastar dele faz com que ela planeje algo extremo como forjar a própria morte.

Confiar

Um filme de 2010 que trata de um assunto bem comum entre as jovens adolescentes de hoje: o uso da internet para marcar encontros. O que a princípio pode ser uma brincadeira inocente para conhecer algum garoto, esconde perigos que nenhum pai e mãe gostariam de ver a sua filha passando.

Tabu

Um filme polêmico que, através da história de uma menina de 13 anos que sofre abusos, levanta a discussão de como as pessoas podem colocar uma vítima como sendo a responsável pela violência que sofreu ou, por outro lado, como a sociedade pode ser culpada por isso. Um filme pesado, mas que levanta uma discussão importante: por que culpar quem sofreu a violência?


Texto escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br