Autoconhecimento Coaching

9 perguntas que vão te ajudar a conseguir um emprego

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

A crise que afeta nosso país já fez com que muitos perdessem seus postos de trabalho e faz parecer cada vez mais difícil conseguir uma nova oportunidade. Independentemente da área em que atua, você deve estar encontrando resistência das empresas para as contratações e, obviamente, as poucas vagas que aparecem têm uma quantidade enorme de candidatos.

“Use seu tempo livre para investir em você e estude o máximo que puder. Livros, internet, fóruns, cursos e palestras sempre agregarão valor ao seu currículo”

Diante deste cenário, é cada vez mais primordial estar preparado para o mercado competitivo. Use seu tempo livre para investir em você e estude o máximo que puder. Livros, internet, fóruns, cursos e palestras sempre agregarão valor ao seu currículo. No entanto, além das competências práticas e teóricas de sua área, também reserve um tempo para estudar seu potencial e sua capacidade de oratória, sociabilidade e expressão corporal. Quando conseguir uma entrevista, estas competências serão, sem dúvida, solicitadas. Tenha em mente que o gestor de recursos humanos pretende conhecer você o máximo que puder e, além de responder o que for solicitado, saber perguntar, interagir e mostrar interesse na vaga são diferenciais.

Abaixo, relacionamos oito perguntas que podem te ajudar a se destacar num processo seletivo e te deixar mais próximo do emprego dos sonhos. Confira e aplique na sua próxima chance. Só tenha sempre em mente que perguntar demais também pode demonstrar que você está muito exigente e que é uma pessoa invasiva, então use o bom senso.

Successful young business executives meeting at the office

1- Esta vaga foi aberta para um novo cargo ou trata-se de uma reposição?

É uma ótima pergunta para saber mais sobre a empresa em que pretende trabalhar. Se for uma vaga nova, é sua chance de criar e desenvolver o estilo do cargo; se for uma reposição, você já fica sabendo o que fazer ou não. Se o motivo da reposição é porque o anterior funcionário ganhou uma promoção, já te dá a chance de começar a pensar num plano de carreira na empresa.

2- Você pode me mostrar como seria um dia típico aqui na empresa?

Caso você seja aceito para a vaga, já terá as expectativas com quais trabalhar no primeiro dia de trabalho. Saberá quais são suas competências e o que esperam de você.

3- Qual o maior desafio que alguém nesta posição pode enfrentar?

Com esta resposta, você consegue avaliar se realmente é indicado para vaga, se suas competências são suficientes e se você tem como desafio pessoal esse tipo de superação.

4- Como vocês medem o sucesso?

Além de te dar uma ideia importante do que esperam de você e de seu trabalho, esta pergunta mostra ao recrutador que você leva a sério a oportunidade e pretende ter boas colocações.

5- Quais são as maiores oportunidades para a empresa neste momento?

Passa uma boa imagem de pessoa interessada ao entrevistador e também lhe fará obter respostas importantes sobre o que te espera nos primeiros meses de trabalho.

6- Quais os planos de carreira que esta vaga oferece e em quais áreas ela pode me fazer evoluir?

Uma boa forma de mostrar comprometimento e de que você pretende crescer junto com a empresa. Através de seu trabalho e de seu interesse, o recrutador pode enxergar alguém em quem vale a pena investir.

7- O que você mais ama em seu trabalho aqui?

Obviamente, não é uma pergunta muito fácil de ser feita e deve-se estudar muito bem o terreno antes de fazê-la. No entanto, se o recrutador lhe parecer aberto e amigável, é uma boa forma de criar intimidade e empatia, além de te fazer descobrir as melhores qualidades da empresa em que almeja trabalhar.

8- Você pode me falar um pouco sobre as pessoas com quem eu trabalharia caso fosse selecionado?

Também exige um certo grau de abertura do recrutador, mas pode mostrar que você se interessa pelo aspecto físico além do empresarial. Hoje em dia, muitas empresas apreciam a sociabilidade e o relacionamento entre os funcionários.


Escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]