Budismo Energia em Equilíbrio Espiritualidade Hinduísmo

O que você pode aprender com Ganesha?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Você já deve ter visto por aí, na internet, filmes ou desenhos da divindade com cabeça de elefante, tronco humano, quatro braços e uma imensa barriga. Essa figura simboliza o universo. Ganesha faz parte da família de deuses mais populares do Hinduísmo, sendo o filho mais velho de Shiva e Parvati.

Ganesha representa a boa sorte e a prosperidade, além de eliminar os obstáculos, abrindo caminhos aos adeptos. Ganesha promove a boa sorte, a positividade, a prosperidade individual e familiar, a compaixão, a força e remove a dor, trazendo equilíbrio.

Vamos entender a simbologia de Ganesha:

ganesha

Orelhas e cabeça: as enormes orelhas e a cabeça de elefante ilustram os dois primeiros passos para a autorrealização do devoto: o “Sravanam”, escutar o ensinamento, e “Mananam”, refletir sobre ele. Dessa forma, permite que as pessoas pensem mais sobre suas vidas e metas. A conhecida frase “pensar fora da caixinha” precisa ser entendida como mais do que um provérbio clichê. É preciso escutar o outro com mais atenção.

Tromba: a tromba representa “Viveka”, a capacidade de discernimento entre o eterno e ilimitado. “Nitya” se refere ao não eterno. O limitado é o significado de “Anitya”.

Presas: As presas representam as oposições do frio e calor, dor e prazer, alegria e tristeza, bom ou mau etc. Significa que seus devotos devem ser sábios a todo momento para desfrutar desse equilíbrio em suas vidas (representado por uma presa quebrada). Além disso, a presa quebrada junto à caneta localizada na mão direita inferior representa o sacrifício, que também serviu para escrever o Mahabharata, um dos maiores clássicos épicos da Índia.

Barriga/Tronco: A ampla barriga representa a capacidade de Ganesha engolir, digerir e assimilar todos os obstáculos, tanto os maus como os bons. Assim, pode transmitir seus ensinamentos de superação e “abertura de caminhos”. O ratinho que fica sempre aos seus pés simboliza o ego dos seres e seus desejos mundanos, como inveja e cobiça pelo que é do próximo, a todo momento roubando para si e comendo mais do que pode aguentar e armazenando bens além de sua capacidade de memória.

Rato: O rato representa a astúcia que devemos ter contra os revezes da vida. Também indica que devemos ser fiéis a nós mesmos, sem sucumbir às maldades do mundo.

ganesha

Você também pode gostar:

Mão esquerda superior: Ganesha segura uma corda em sua mão esquerda superior para capturar as dificuldades. Mesmo sendo um instrumento delicado, possui toda a força para prender a negatividade.

Mão esquerda inferior: A mão inferior esquerda oferece Modaka, que é um doce feito de leite e arroz tostado. O Modaka representa a grande satisfação, plenitude alcançada pelos seus devotos por meio de um caminho repleto de disciplina e autoconhecimento.

Mão direita superior: Na mão direita superior, Ganesha possui um aguilhão que auxilia a humanidade a impulsionar-se para a frente, avançando no eterno caminho para eliminar todos os obstáculos.

Flores: As flores representam o desapego mundano, ensinando todo mundo a dar e compartilhar conhecimento, bens, atenção, vida, bondade etc.

Ganesha é a divindade que simboliza a superação e, acima de tudo, é quem os hindus procuram para solicitar sucesso em seus projetos. É o primeiro deus que é reverenciado em todos os rituais hindus. Geralmente, sua imagem está esculpida em estátuas posicionadas nas portões dos templos e casas, protegendo as suas entradas. Além de ser o deus removedor de todos os obstáculos negativos e protetor de todos os seres. Sua bondade e proteção contrastam com sua aparência monstruosa. Representando o conhecimento, o sábio, o pleno e os meios para realização pessoal.

Segundo os hindus, os devotos que seguem e reverenciam seus ensinamentos alcançam, em primeiro lugar, o equilíbrio pessoal. Os demais benefícios – saúde, sucesso, prosperidade e fortuna – são consequências da sabedoria suprema adquirida por devotarem-se a Ganesha.

Ouça e reflita com o Ganesha Maha Mantra


Escrito por Bruno Melo da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]