Convivendo

Quem foi Louise Hay

Mulher branca idosa de cabelos curtos e loiros, com expressão sorridente.
Reprodução / The Essential Louise Hay Collection
Jennifer Lepoutre
Escrito por Jennifer Lepoutre

Olá, meu nome é Jennifer Lepoutre, trabalho com o método oficial HYL Louise Hay desde 2018 no Brasil e sou Teacher Mentor daqui. Além de ser a única atuante e licenciada em atendimentos individuais (coaching) no Brasil, neste momento também sou facilitadora em grupos nesse método.

Gostaria de falar um pouco do método Louise Hay e explicar como ele surgiu.

Bom, para entender o método é necessário explicar o básico da vida da nossa querida Louise Hay.

Louise Hay nasceu dia 8 de outubro de 1926 e faleceu com 90 anos no dia 30 de agosto de 2017.

Nesses 90 anos de trajetória, Louise começou sua vida sendo deixada com 18 meses na casa de pessoas que a cuidavam enquanto sua mãe trabalhava como doméstica para sustentar a filha, pois havia se divorciado do pai de Louise. Depois de ter chorado por três semanas consecutivas e de a família pedir à sua mãe que a recuperasse, a mãe de Louise a buscou e teve de achar um novo emprego.

Estando nessas condições, a mãe de Louise acabou se casando com um homem cruel. O padrasto de Louise, que foi criado num lar cruel, repetiu o que viveu na sua infância sendo violento com Louise, sua mãe e sua irmã. Foi nessa mesma época que um vizinho, “um velho bêbado”, como Louise se referia a ele, estuprou-a e foi condenado à prisão. Muitas pessoas ao redor de Louise lhe disseram ainda com essa idade que a culpa era dela e isso a levou a acreditar que ele a perseguiria assim que fosse solto pelo fato de ela “ter sido tão má” com ele! E foi exatamente isso que essa menininha entendeu na época, achando que, certamente, era má e culpada.

Mulher com as mãos na cabeça parecendo envergonhada.
Kat Jayne / Pexels

E assim sucederam-se vários outros abusos físicos e sexuais no intervalo de trabalho pesado que Louise tinha que realizar, o que fez com que sua autoestima ficasse baixa antes mesmo de se tornar adulta. É importante resumir a infância de Louise para que haja uma compreensão de que tipo de história estamos falando e de como essa jovem começou vendo a vida e acabou transformando tudo isso em aprendizados, tornando-se uma das pessoas mais conhecidas no mundo da metafísica e do autoconhecimento.

Depois disso, Louise Hay continuou com a auto estima tão baixa que, ano após ano, continuava tendo uma vida que não dava certo. Com o trabalho de modelo que havia encontrado anos depois, sua autoestima melhorou e, gradativamente, ela parou de atrair homens que a maltratavam. Ficou casada com um inglês muito cordial por catorze anos e, quando começou a acreditar que coisas boas poderiam durar, ele pediu o divórcio para viver com outra mulher.

Louise, entretanto, sentia que algo estava se transformando e, quando participou de um encontro da igreja da mente em Nova York, sentiu que a mudança efetivamente havia começado. A partir de então, começou a estudar tudo que era relacionado à metafísica e à cura alternativa. Sua vida, portanto, foi se transformando da maneira como a conhecemos hoje ao frequentar a igreja da mente por volta de 1968.

Foto de uma fileira de bancos em uma igreja.
Nikko Tan / Pexels

Depois de alguns anos, começou a atender pessoas individualmente e a perceber que todas as doenças tinham padrões mentais e emocionais semelhantes. Dessa forma e a partir daí, ela decidiu escrever seu livro intitulado “Cure seu corpo”, o qual foi baseado em todos os atendimentos que fazia. (Anos depois, Louise e a Dra. Monalisa escreveram um livro em que mostravam a relação das descobertas de Louise Hay com a medicina tradicional, comprovando a eficácia e a veracidade delas).

Em 1980, Louise teve um câncer na vagina. Os médicos quiseram operá-la, mas Louise viu a doença, que para ela significava ressentimento, como uma oportunidade de comprovar sua teoria. Além disso, Louise considerava possível se curar por meio de métodos não convencionais; em 6 meses, conseguiu tratar seu câncer. Ela entendeu que muito de seu câncer estava correlacionado às suas experiências não perdoadas de seu passado e da infância e, por meio de diversas práticas, conseguiu se curar.

Foi a partir daí que Louise Hay percebeu que nenhuma teoria era válida se não fosse realmente posta em prática. Dessa forma, começou a dar workshops presenciais para ensinar e transmitir às pessoas as técnicas que a ajudaram a se curar do câncer. Esses workshops (que hoje corresponde ao workshop e/ou ao retiro de dois dias oficiais dentro do método) ajudaram muitas pessoas a colocarem em prática os ensinamentos de Louise Hay e tinham um impacto tão grande na vida delas que muitas pediam a Hay que escrevesse um livro sobre esse método. Outro participante ficou tão chocado depois dessa experiência, relatando que isso havia mudado tanto a sua vida e que aquela transformação não tinha sido só corporal, mas que servia para curar VIDAS. Foi dessa sugestão que nasceu o título do livro “Você pode curar sua Vida”, pois, quatro anos depois de seu câncer, Louise decidiu escrevê-lo, o qual se tornou best-Seller inúmeras vezes no New York Times alguns anos depois

Em 1987, Hay inaugurou a Hay Hause, a editora fundada para facilitar a publicação de livros de autoconhecimento, sendo esse mais um dos passos que a fez se tornar e ser considerada uma das principais precursoras da metafisica e da autoajuda no mundo, principalmente nas décadas de 70-80.

Assim, em 1988, Louise Hay foi chamada para o Programa da Oprah e se transformou numa febre americana e, portanto, global sobre o assunto!

Você também pode gostar

Adoro Louise Hay e seu método primeiramente porque, como podemos ver, não é uma história mágica, e sim uma história de perseverança, de mudança, de muito propósito, de muita experiência e de muita prática.

Tudo no método é baseado em experiências, em vivências e está longe de ser uma teoria, pois é basicamente o resultado de milhares de pessoas que usaram um método testado na própria Louise e em todas as pessoas que escolheram seguir seu caminho.

A maior comprovação de que seu método funciona de fato são os inúmeros relatos de cura, espiritual, mental e corporal, que existem ao redor do mundo.

Uma senhora mais do que admirável com uma sabedoria incrível e sem medo de pôr em prática e compartilhar sua receita do sucesso. Esse, portanto, seria o resumo do método para mim.

Hoje em dia, diria que a melhor maneira de vivenciar e experimentar o método e ver se esse caminho que funcionou para pessoas ao redor do mundo todo, não importa a raça, o sexo ou a religião, é por meio dos livros mais conhecidos de Louise e de seu workshop/retiro oferecido pelos professores oficiais.

Para maiores informações, entre no site e verifique os professores licenciados no Brasil. É importante que seja um professor licenciado, pois somos os únicos que temos a formação para garantir a você a mesma experiência que a própria Louise criou, solicitando que nada fosse mudado.

Sobre o autor

Jennifer Lepoutre

Jennifer Lepoutre

Olá, meu nome é Jennifer Lepoutre, trabalho com o método oficial HYL Louise Hay desde 2018 no Brasil e sou Teacher Mentor daqui.

Além de ser a única atuante e licenciada em atendimentos individuais (coaching) no Brasil, neste momento também sou facilitadora em grupos no método.

Antes de me especializar no tema de Propósito e Prosperidade no Método, já tinha algumas formações na área, tais como pós-graduada em PNL, formada em coaching pela SBPNL – Arline Davis, reikiana e estudante da análise transacional.

Email: [email protected]
Site: beyourbetter.com.br
Facebook: beyourbetter
Instagram: @jennifer.byb
Youtube: beyourbetter