Autoconhecimento

Razões para fazer terapia

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

A primeira pergunta que você deve se fazer antes de procurar terapia é: “Por que estou buscando ajuda?” Você pode não saber bem como este tratamento funciona, mas, se já não está mais conseguindo enfrentar sozinho os seus problemas, é hora de procurar a ajuda de um profissional da área da saúde psicológica.

Muitas vezes, existe um certo preconceito na hora de procurarmos terapia. Parece ser algo necessário apenas para as outras pessoas, mas não para nós mesmos. Temos a falsa ideia de que procurar ajuda psicológica é somente para pessoas loucas, um sinal de fraqueza, que custa caro demais ou que nos toma tempo demais. Mas este pensamento está mais do que errado. Há diversas formas pelas quais a terapia pode nos ajudar. No entanto, é preciso ter em mente que os terapeutas não vão lhe dar conselhos e não vão falar o que fazer exatamente, mas sim lhe dar o conhecimento e as ferramentas necessárias para trabalhar os obstáculos no seu caminho, a fim de ajudá-lo a tomar a melhor decisão.

Todos nós passamos por períodos de tristeza, conflito, estresse e luto e, quanto mais cedo procuramos a ajuda necessária, mais fácil conseguiremos resolver o problema, além do mais, o tratamento será menos estressante e mais curto.

Um dos benefícios de se fazer terapia é a diminuição do estresse, aliada, claro, a uma alimentação adequada e à prática de atividades físicas.

Mas como saber que é hora de marcar uma consulta com um assistente social, terapeuta ou psicólogo? Fique atento aos sintomas que listamos abaixo e saiba quando é hora de procurar ajuda.

Concentre-se em você

Você pode ter muitas pessoas próximas para desabafar, sejam eles familiares ou amigos. No entanto, algumas vezes você precisa de um espaço onde possa refletir sobre a sua vida e falar sobre si sem que alguém espere algo em troca ou transforme isso em outra coisa. É incrível a mudança que podemos observar em nossa vida quando temos um profissional ao nosso lado, focado em nos apoiar.

Se torne mais, seja mais

A terapia vai lhe ajudar a enxergar partes de sua vida que não andam bem e a melhorá-las. Talvez você seja uma pessoa tímida e o que precisa é praticar a falar em público, diante de dezenas de pessoas. Talvez você odeie imensamente conflitos e precise aprender a como se defender. Talvez você não seja bom em demonstrar sentimentos e precisa aprender a se abrir.

Está se sentindo infeliz no ambiente de trabalho

Você anda se sentindo extremamente infeliz no seu trabalho? Não sabe como lidar com os patrões e colegas de trabalho, quer conseguir finalmente aquela sonhada promoção que tanto merece, quer encontrar a paz entre o trabalho e sua vida pessoal e descobrir porque está se sentindo assim?

Um terapeuta pode lhe ajudar a descobrir o que você realmente quer, seus objetivos de vida e orientar sobre qual direção seguir para conseguir sucesso.

Não sabe o que fazer em sua vida profissional

Um terapeuta ou psicólogo pode não ser um conselheiro da área profissional e, claramente, não arranjará trabalho para você. Mas, com toda certeza, pode ajudá-lo a trabalhar o lado organizacional, motivacional e emocional das coisas e, ainda, a conviver e diminuir o estresse. Este é um sentimento que, na maioria das vezes, impede que os indivíduos consigam um emprego.

Emoções e humores intensos e fora de controle

Pensemos nessa situação: você se sentia há tempos muito animado sobre uma atividade, mas, agora, esse sentimento se tornou de profunda angústia e tristeza. Ou, então, você anda ficando extremamente irritado com seus amigos ou familiares sem ao menos ter uma boa razão para isso. Mudanças significativas de humor e de emoção são um sinal de que há algo muito mais profundo ocorrendo.

Está com medo de enfrentar uma conversa assustadora ou difícil que precisa ter

Nossa vida é repleta de situações assustadores e difíceis, como iniciar um novo relacionamento, terminar um relacionamento, pedir demissão do trabalho, solicitar aumento para o chefe, se abrir para alguém que o machucou etc. Pois bem, a terapia é um excelente lugar para encenar essas situações e ver quais sentimentos vão aparecer e como lidar melhor com o problema.

Você quer ter mais inteligência emocional ou ser mais consciente

Muitas vezes, acabamos passando grande parte de nossa vida sem pensarmos em como realmente nos sentimos e o que queremos de verdade. Saber mais sobre como nos sentimentos, sobre o que queremos e como reagimos frente a determinadas pessoas e situações é útil para nos ajudar a alcançar melhores perspectivas em todos os campos de nossa vida.

Passou por um grande trauma e não consegue superá-lo

Você passou recentemente por uma separação, sofreu a dor pela perda de alguém querido ou foi demitido e não consegue superar o trauma de maneira alguma? Pois uma boa alternativa é recorrer à terapia. Nosso maior erro nesses casos é achar que esses sentimentos vão embora sozinhos. Mas, pelo contrário, é essencial alguém que nos ouça de maneira objetiva e que tenhamos um espaço seguro para falar sobre nossos sentimentos mais profundos.

Se sente finalmente pronto para falar de algo traumatizante ou doloroso que ocorreu no seu passado

Em muitos casos, acabamos guardando eventos formativos no nosso interior, sejam eles traumas ou eventos corriqueiros, mas que nunca conseguimos lidar por completo. Se você se sente pronto para finalmente falar, mas não sabe quem procurar, recorra à terapia.

Não consegue realizar atividades rotineiras como ir ao trabalho ou à faculdade

Este pode ser um grande sinal de que existe uma desordem real no seu psicológico. Se você perceber que chegou ao ponto de que a sua rotina está sendo afetada de forma negativa, procure a ajuda de um profissional.

Os relacionamentos vêm sofrendo um forte desgaste

Nos últimos tempos, você percebeu que os seus relacionamentos estão ficando desgastados e trabalhosos? Preste atenção, este também pode ser o sinal de que há algo errado acontecendo A terapia vai ajudá-lo a melhorar suas atitudes e sua linguagem corporal.

Não se reconhece mais?

Seus relacionamentos ou amizades não duram mais do que um mês, foi demitido de todos os últimos trabalhos que arrumou, não consegue parar de bater de frente com os mais próximos? Um terapeuta poderá lhe ajudar a descobrir se o problema é você ou se são eles.

Você mesmo se sabota

Talvez você beba demais. Talvez você seja grosso. Talvez seja muito sincero. Se perceber que anda tomando atitudes que não o deixam atingir seus objetivos reais ou que não esteja focando e agindo no que tem de melhor e não saiba o que fazer, como parar e muito menos por que isto está acontecendo, é uma boa razão para procurar ajuda.

Você necessita constantemente que as pessoas deem um feedback a respeito de você

Na maioria das vezes, não conseguimos enxergar nossos defeitos e falhas. Ter alguém ajudando a apontar de forma objetiva os hábitos que podem estar nos prejudicando é essencial.

Quer alcançar uma melhora na sua qualidade de vida

A terapia mostra ferramentas bem úteis que podemos aplicar em diversas outras áreas de nossas vidas, a fim de promovermos uma melhora na nossa qualidade de vida.

Você não está conseguindo mais controlar os pensamentos ansiosos, acelerados ou negativos

Nos dias atuais, é bem comum vivermos constantemente estressados. No entanto, se os seus pensamentos estão afetando de alguma forma seu sono ou sua vida cotidiana, é hora de obter alguma ajuda.

Não consegue perdoar

É muito difícil perdoarmos, não importa qual seja a situação. Mas um profissional qualificado é a pessoa ideal para ajudar a enxergar além dos sentimentos negativos.

Você está sempre disperso ou se distrai com bastante facilidade

Este é um sintoma na qual a maioria das pessoas não costuma prestar muita atenção. Mas, fique atento, algo mais profundo pode estar acontecendo.


Escrito por Flávia Faria da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]