Linguagem do Corpo Saúde Integral

Revigore suas energias! Relaxar é preciso

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Em dias tão corridos, nos esquecemos o quão fundamental é relaxar e restaurar as energias para seguirmos em frente.

Na medida em que atendemos às expectativas do mundo lá fora, nos tornamos cada vez mais insensíveis a nós mesmos e à nossa energia vital. Não esqueça que o nosso corpo é uma máquina e toda máquina necessita de descanso e manutenção diariamente.

Em seu livro, Cristina Cairo ensina como se desligar do mundo lá fora e revigorar suas energias, cumprindo suas tarefas diárias e, ao mesmo tempo, prezando pelo bem-estar de seu organismo.

Relaxamento por Cristina Cairo

Por mais de vinte anos, ao final das aulas de ginástica ou alongamento, oriento meus alunos a fazerem o necessário relaxamento.

Constatava, porém, que uma parcela deles jamais havia feito qualquer tipo de relaxamento.

Alguns recebem o influxo da energia vital e dormem profundamente, ao passo que outros, inquietos, não conseguem permanecer imóveis por cinco minutos apenas, o que revela o seu dia a dia tenso e o quanto estão distantes de si mesmos.

Quanto mais nos distanciamos do nosso centro (âmago ou essência), mais nos perturbamos com os problemas do cotidiano e mais insensíveis nos tornamos às intuições quando delas precisamos.

Somos extremamente solicitados no mundo exterior e, na medida em que atendemos ao seu chamado, perdemos a nossa capacidade de discernir entre o que é certo e o que é errado. Isso nos torna tensos e inseguros e nos leva ao medo, ao ciúme, à raiva, aos ressentimentos, emoções essas que provocam contrações musculares em todo o corpo, ocorrendo daí uma série de distúrbios, não só no que se refere à parte fisiológica, como também na anatômica: grande parte dos nervos e vasos sanguíneos são, praticamente, estrangulados pela musculatura tensa e é quando a circulação sanguínea é impedida de percorrer livremente pelos órgãos, pela pele, pelos músculos, articulações, ramificações nervosas da coluna vertebral, vasos, artérias e principalmente pelo cérebro.

shutterstock_294312065

Ao ocorrer a falta de irrigação sanguínea no cérebro, este não recebe o oxigênio necessário para o seu bom funcionamento, causando na pessoa perda de memória, cansaço, desmaios, vertigens, raciocínio lento, confusão mental e emocional, precipitações de comportamento, perda de contato com a realidade, resultando daí mais tensões e frustrações devido à luta interna para compreender, conscientemente, esses distúrbios. Em se tratando da anatomia a tensão muscular provoca o “esmagamento” de vértebras e articulações, forçados pelos músculos excessivamente tensos e contraídos.

Às vezes só percebemos esses problemas quando surgem dores nas costas, nas articulações, desvio da coluna, entorses, pontadas no peito, dores nos braços e pernas, as solas dos pés ficam hipersensíveis, nádegas “para dentro”, ombros caídos para frente, abdome saliente e outros problemas que ocorrem por falta de relaxamento.

Com todos esses sintomas, a energia vital, que deveria correr livremente pelo corpo, fica comprometida ao ponto de, como num círculo vicioso, causar problemas ainda mais sérios tais como doenças crônicas, envelhecimento precoce, mau humor, frigidez, impotência, perturbações mentais e psicológicas e distanciamento gradativo de Deus – ou da Energia Cósmica -, verdadeira fonte da vida.

Para sermos felizes, belos, jovens e saudáveis é necessário que pratiquemos o relaxamento consciente.

Só assim poderemos compreender como nossa força interna e externa é renovada: com o ato de relaxar e de respirar, os vasos sanguíneos distribuem o oxigênio e as partículas energéticas que desbloqueiam os meridianos e chacras do nosso corpo astral.

Entenda que somos um todo e não apenas matéria composta de carne, ossos, veias, músculos, células, etc. Somos, também, a energia que move a vida e anima nosso ser.

Se cuidarmos unicamente do corpo, este se sentirá incompleto e fraco. Se cuidarmos somente do espírito, o corpo perderá a razão de sua existência.

O relaxamento é um trabalho holístico, harmonioso, que aciona todos os corpos – físico, astral, etéreo e espiritual – que possuímos e faz com que retornemos ao centro de nós mesmos, em busca das respostas que o nosso consciente jamais encontraria no mundo externo, porque neste são projetados nossos pensamentos, palavras e comportamento.

Portanto, nós podemos mudá-lo, desde que mudemos, primeiramente, nosso interior e transformemos nossas crenças primárias e errôneas.

Relaxar é soltar-se de tudo e de si mesmo, permitindo que a razão se afaste por alguns momentos, fazendo com que a humildade e a docilidade invadam seu espírito transportando-o para o seu verdadeiro ser que é suave, calmo, alegre, confiante, sincero e que perdoa com facilidade.

Com esse novo estado de espírito você vai ficar livre das cobranças, dos medos e inseguranças e verá os acontecimentos sem drama e certo de que tudo poderá mudar.

Aceite que o orgulho é um sério empecilho para uma pessoa relaxar. Não atingindo o relaxamento pleno, você não conseguirá, por conseguinte, a condição necessária para meditar.

Sendo assim, você viverá, eternamente, às custas de seu próprio sofrimento.

Saiba que apenas cinco minutos poderão melhorar proporcionalmente sua qualidade de vida. Então por que não tentar?

Quanto mais você exercitar o relaxamento, mais ele se tornará parte de sua vida, pela força do hábito. Você pode fazê-lo nos intervalos de seu trabalho, ou em sua casa, antes de deitar-se.

Estabeleça os horários nos quais pretenda praticar seus exercícios de relaxamento.

Comunique isso aos seus familiares, inclusive indicando o espaço que vai precisar.

A princípio eles vão estranhar esse seu novo comportamento, mas, provavelmente, você terá a companhia de outros componentes da família e até de amigos quando perceberem as vantagens que também conseguirão com o relaxamento.

Imponha respeito, com carinho e firmeza, jamais os obrigue a acompanhá-lo em seus exercícios. Atente para o fato de que todos temos o nosso livre-arbítrio e o momento certo de maturação: tudo acontece no seu devido tempo, em todos os sentidos. Portanto, pense, apenas, em relaxar. Com o passar do tempo todos notarão o quanto você tornou-se uma pessoa calma, menos controladora, paciente, mais sensata, alegre, disposta, jovem, saudável e em excelentes condições psicológicas, garantindo-lhe melhores lucros financeiros.

Que tal, o relaxamento não é um bom negócio?

Se você compreendeu tudo o que foi explicado linhas atrás, então prepare-se para relaxar e descobrir o quanto é gratificante estar bem consigo mesmo, sendo acolhido, de corpo e alma, pela energia da paz profunda.

Revigore, agora, as suas energias!”.

rodape-cristina-cairo 2 (1)

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]