Nutrição

Shala e Cozinha: Yoga e alimentação saudável juntos

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Duas amigas Júlia Jalbut e Rita Taraborelli se conheceram em uma aula de yoga há nove anos. Conversas sobre alimentação saudável, receitas de fazer já eram típicos assuntos de suas conversas. Dessa forma, nasceu o Shala e Cozinha que é um projeto sobre a prática de yoga e cursos de culinária. Conversamos com a Rita e a Júlia e elas nos falaram um pouco desse lindo trabalho. Confiram a entrevista:

S&C_sorrisos começo

Eu sem Fronteiras: Me conte um pouco de vocês, onde nasceram, moram, formação e como se conhecem:

Rita: Nasci em Sorocaba (SP), onde moro até hoje, cresci no ateliê de pintura de minha mãe, me formei em Gastronomia no SENAC, em Águas de São Pedro, e conheci a Júlia fazendo yoga!

Júlia: Nasci em São Paulo, cresci em Cotia, moro em São Paulo, me formei em Comunicação em Artes do Corpo, pela PUC, e Medicina Integrativa pelo Einstein. Pratico yoga desde minha adolescência e, na época que comecei a estudar ayurveda, conheci a Rita! Nos conhecemos há nove anos (nossa o tempo passa!!) em uma escola de yoga. E o papo logo após a nossa prática era sobre nosso café da manhã! Levávamos coisinhas para comer depois da aula e nessa época trocávamos ideias e receitas. De vez em quando íamos a uma feira próxima à escola, comprávamos uma fruta, lembrávamos-nos de uma combinação para suco e o papo não parava! Mal imaginávamos que o Shala&Cozinha já estava nascendo! A prática de yoga nos despertou de forma concreta para o autocuidado. E a alimentação, nesse processo, acabou sendo uma extensão de nossa prática. Estávamos mais atentas ao nosso corpo, às nossas necessidades. E percebíamos concretamente o efeito que os alimentos tinham em nós.

Júlia Jalbut

Júlia é praticante de yoga desde o fim de sua adolescência e começou a ensinar em 2007. De 2012 a 2014, morou nos Estados Unidos, onde pôde estudar yoga com Richard Freeman, Mary Taylor, Noah Williams, Christopher Chapple e Tim Miller. Antes disso, passou diversas temporadas na Índia: em Karnataka (Mysore), praticou Ashtanga Yoga sob orientação de Sharath Jois e, no Kerala, aprofundou-se no Ayurveda.  É graduada em Comunicação e Artes do Corpo pela PUC-SP e pós-graduada em Bases da Medicina Integrativa pela Instituição de Ensino do Hospital Israelita Albert Einstein, onde atualmente estagia com a equipe que oferece yoga e relaxamento aos pacientes oncológicos internados. Júlia também ensina em São Paulo, na escola MY YOGA.

Rita Taraborelli

Rita é formada em gastronomia pelo Senac Águas de São Pedro e como germinadora pelo Projeto Terapia da Fiocruz. Trabalhou em São Paulo como confeiteira no Le Vin com o chef Henri Schaeffer e com Helena Rizzo no Maní. Desde 2007 cozinha  em pequenos eventos usando ingredientes orgânicos e dá aulas de cozinha vegetariana. Em paralelo a cozinha também desenvolve projetos autorais e ilustra  livros infantis. É autora do livro Comidinhas Vegetarianas  e edita o blog Prato de Papel. www.ritaraborelli.com

Eu sem Fronteiras: O que é o Shala&Cozinha?

Rita: S&C é um projeto que reúne dois caminhos de autocuidado: yoga e alimentação. Nesse primeiro semestre de 2016, estamos fazendo nosso primeiro ciclo de oficinas, que combinam aulas de yoga na sala e cursos mão na massa de alimentação saudável e criativa na cozinha. No segundo semestre teremos um retiro do S&C! Estamos preparando essa imersão com carinho e já já ela sairá do forno! 

Eu sem Fronteiras: Como surgiu?

Júlia: O Shala&Cozinha nasceu para reunir alguns caminhos que já faziam parte de nossas vidas: yoga, alimentação e criatividade. Embora ele tenha recebido um nome e uma forma concreta somente no ano passado, percebemos que ele já existia em nossas vidas há bastante tempo.

Eu sem Fronteiras: O que ele propõe?

Júlia: O S&C é um projeto que propõe a auto-observação e também a troca. Ele é um encontro de pessoas. De forma leve, conduzimos os participantes para algumas horas de pausa: pausa para sentir, refletir, conversar, aquietar, compartilhar… e também colocar a mão na massa! De forma criativa, o Shala&Cozinha propõe um diálogo sobre aquilo que nos nutre, sobre o que cultivamos em nossas vidas através do encontro de duas práticas de autocuidado: yoga e alimentação.

Eu sem Fronteiras: Como foi a ideia de juntar aulas de yoga com cursos de alimentação saudável?

Júlia: Depois de algum tempo de prática, é batata! O praticante começa a observar mais seus hábitos e como cada um deles impacta seu dia a dia. Acaba sendo natural a busca por uma alimentação melhor, que nutra, dê energia e, ao mesmo tempo, traga disposição e leveza. Isso acontece com frequência com meus alunos. Depois de alguns meses fazendo yoga, escutando e observando o próprio corpo e mente, começam a se perguntar: o que devo comer?

Rita: E grande parte das pessoas não sabe preparar coisas gostosas e saudáveis. Já servi cafés da manhã em muitos eventos de yoga e as pessoas sempre querem, além de comer, aprender a preparar o que degustam! A relação com o alimento vai mudando. Vejo que no começo as pessoas sentem necessidade de “tirar tudo”: açúcar, lactose, glúten e por aí vai… Aí depois desconstroem essa ideia, constroem outra, e com a maturidade vão encontrando uma alimentação que é saudável, mas que sobretudo respeita o próprio corpo, sem ficar aprisionada nos “pode- não pode” que estão na moda naquele momento.

Júlia: Quisemos reunir dois caminhos que cultivam o cuidado consigo mesmo. E quisemos fazer isso de forma bem prática, para de fato dar ferramentas para que cada participante depois do curso possa prosseguir nessa jornada.

Eu sem Fronteiras: Aonde ocorrem as oficinas?

Júlia: As oficinas, eventos e retiros do Shala&Cozinha acontecem em lugares variados. Nosso próximo encontro que acontecerá no dia 18 de junho será no Paramita, uma escola de yoga e espaço de terapias super bacana, que fica na Vila Beatriz em São Paulo. O tema da aula será Marmitas Criativas – aula incrível para pessoas que passam o dia fora, mas mesmo assim querem comer bem e de forma saudável.

Eu sem Fronteiras: Como elas acontecem?

Rita: As oficinas do S&C reúnem práticas de yoga na sala e cursos de alimentação saudável e criativa na cozinha.  Nos cursos de cozinha, colocamos a mão na massa! Conversamos sobre o tema da aula, falamos sobre os princípios e estruturas de algumas receitas e depois preparamos os pratos. Mais do que executar receitas, nosso objetivo é oferecer ferramentas aos participantes para que eles desenvolvam autonomia e possam, depois do curso, criar combinações nutritivas e saborosas de acordo com suas realidades.

Já nas aulas de yoga, trabalhamos a respiração, concentração, posturas e relaxamento. Conversamos bastante ao longo do curso. Gostamos de ouvir a trajetória e buscas de cada um e a partir dessas informações vamos tecendo nosso encontro.  As oficinas são abertas a qualquer pessoa (não é necessário já fazer yoga ou saber cozinhar). Os grupos são sempre pequenos para que os encontros sejam bem interativos! Cada aluno recebe uma apostila com o que foi trabalhado e há também um desjejum bem gostoso após a prática de yoga. No final da aula de cozinha, montamos um mesão e degustamos todos juntos os alimentos. É com essa celebração que encerramos o curso. Tem sido sempre bem gostoso!

Eu sem Fronteiras: O que as pessoas têm relatado a vocês sobre esta experiência?

Júlia: As pessoas têm gostado bastante. Saem empolgadas para cozinhar, experimentar novas receitas e também ficam tocadas sobre como alguns momentos de pausa fazem a diferença em nosso dia a dia.

Rita: Percebemos também que após a prática de yoga as pessoas estão mais abertas ao conhecimento, à troca. Estão mais disponíveis. E o fato de haver um curso logo depois da aula é muito legal, porque em geral fala-se muito sobre alimentação nas rodas do yoga, mas não de forma concreta e conduzida.

Júlia: As pessoas também gostam muito de colocar a mão na massa, de criar! E um momento gostoso é montar nossa mesa final. Montar uma mesa bonita, um prato colorido, alegre e também se manifesta como um carinho que damos a nós e isso também têm tocado quem participa.

Eu sem Fronteiras: Cada vez mais as pessoas tem procurado um contato maior com a alimentação saudável e formas de nutrir a mente por meio do yoga. Como vocês enxergam isso?

Júlia: A vida da maioria das pessoas é preenchida com muitas tarefas, compromissos e deveres e pouco tempo é reservado para o cultivo da pausa e para coisas simples (mas fundamentais) como respirar mais profundamente e escutar o próprio corpo. E viver assim, no automático, atropelando a si mesmo não costuma funcionar por muito tempo… Acredito que a busca por um estilo de vida mais saudável vem dessa constatação.

Eu sem Fronteiras: Vocês tem também um espaço próprio para a prática de yoga?

Júlia: Não temos um espaço próprio. Atualmente ensino na escola MY YOGA, em São Paulo.

Eu sem Fronteiras: Deixe uma mensagem:

“A pausa é fundamental para a saúde de tudo o que é vivo. A noite é pausa, o inverno é pausa, mesmo a morte é pausa. Onde não há pausa, a vida lentamente se extingue.
A prática espiritual deste milênio será viver as pausas. Não haverá maior sábio do que aquele que souber quando algo terminou e quando algo vai começar”.

  Milton Bonder

Aproveite e visite a página do projeto no Facebook!

Instagram @shalaecozinha @juliajalbut @ritataraborelli

Para saber mais: Oficinas Shala&Cozinha com Júlia Jalbut e Rita Taraborelli

Programação das oficinas:
16.04 aula de YOGA + curso BRUNCH EM CUMBUCAS
21.05 aula de YOGA + curso CHIA, QUINOA E AMARANTO
18.06 aula de YOGA + curso de MARMITAS CRIATIVAS
das 9h às 14h30, no Espaço Paramita, Vila Beatriz, São Paulo

+ info e inscrições: [email protected]


Texto escrito por Angélica Fabiane Weise da Equipe Eu Sem Fronteiras

Imagens de Camila Fontenele de Miranda

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]