Alimentação consciente Mindful Eating Nutrição

Atenção ao cozinhar

Luiza Camargo
Escrito por Luiza Camargo

“A cozinha pode ser um espaço para meditação quando praticamos a consciência ao cozinhar e ordenar o espaço.”

Thich Nhat Hanh

Cozinhar pode ser um bom momento para praticar a atenção plena (mindfulness) em uma atividade do dia a dia. Desde a compra dos alimentos, a seleção do que levar, a separação dos ingredientes, a atenção ao cortar, limpar, preparar… Além de perceber como estão os pensamentos, as emoções e as sensações no corpo.

Estar presente desde a criação e o preparo da comida oferece também uma oportunidade para descobrir novos sabores, ser curioso, despertar o encantamento e o prazer em preparar e comer.

Todos os sentidos são acordados e estimulados enquanto preparamos, como os aromas, os sons, os diversos sabores, o toque de cada alimento e no olhar. Observar nos alimentos as cores, formas, texturas, tipos de aromas, transformações e combinações ajuda a fazer as escolhas do que comer.

Estimular a curiosidade, inventar, criar novas receitas e fazer combinações diferentes nos encoraja a sair do comum e estar presente enquanto cozinhamos.

Cozinhar conscientemente é uma forma benéfica de transmitir o que deseja para o alimento e desfrutar de todo o amor, alegria e leveza depositados na preparação para nutrir o corpo, a mente e o coração.

Cozinhar conscientemente é uma forma benéfica de transmitir o que deseja para o alimento.

Thich Nhat Hanh tem um belo ensinamento: “Quando preparamos uma refeição com total consciência, tudo fica delicioso e saudável. Quando preparamos a comida com consciência plena, amor e cuidado, todos comerão nosso amor. As pessoas são capazes de desfrutar a refeição com seus corpos e mentes, da mesma maneira que são capazes de desfrutar de uma linda obra de arte. Comer não é nutritivo somente para o corpo, mas também para a mente.”

Aproveite esta atividade na sua rotina para desfrutar de um momento que se torne renovador. Quando estamos dedicados a alguma ocupação e estamos presentes nela, isso despende menos energia de nossa mente. Você pode colocar um enfeite na sua cozinha para te ajudar a lembrar de estar atento e deixar os mil e um pensamentos e desafios para resolver em um outro momento.

“As energias de amor e harmonia na cozinha penetrarão na comida que você estiver preparando para oferecer aos seus entes queridos e a si mesmo.”

Thich Nhat Hanh


Referência

HANH, THICH NHAT. A Arte de Comer. Rio de Janeiro: Agir, 2015.

Sobre o autor

Luiza Camargo

Luiza Camargo

Sou nutricionista e instrutora de mindfulness e mindful eating. Acredito na união da Nutrição, Mindful Eating, Mindfulness e Meditação. O alimento é um veículo para nutrir o corpo e a mente e, também, um reflexo de como lidamos com nossas vidas. Na minha trajetória sou pós-graduada em Obesidade e Emagrecimento e com especialização em Nutrição Desportiva. Realizei o treinamento em Mindful Eating-Conscious Living pela UCSD e Estratégias de Mindfulness pela MTI.

Contatos:

Site: luizacamargo.com/
Instagram: @luiza_camargo_mendes
Facebook: /luizacamargomendes