Energia em Equilíbrio

Buscando uma pausa na correria do dia a dia?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Anda estressado demais, tão cansado que até se esqueceu qual o significado da palavra equilíbrio? Ou ela já virou sinônimo de tudo que sua vida não representa? Não há dúvidas de que nossas rotinas estão cada vez mais aceleradas. Temos mil coisas a fazer em apenas 24 horas: são filhos que não dão descanso, casa para limpar, várias pendências no trabalho, família cobrando presença no almoço de domingo, tantas tarefas que, às vezes, simplesmente desejamos jogar tudo para o alto na busca de apenas um pouquinho de paz.

Infelizmente, nos custa entender que paz não é, ou não deveria ser, resumida em momentos, e sim em hábito. Você com certeza tem um amigo que parece estar sempre zen, calmo, muito diferente de você que está uma pilha de nervos, não é mesmo? Pois bem, o segredo é que esse seu amigo deve ter aprendido ao longo dos anos a como ter uma vida mais equilibrada, mas você não precisa ficar com inveja não. Veja agora 8 dicas para levar uma vida mais zen

Administre seu sono e sua fome

Esse é um ponto fundamental. Dormir pouco nos deixa cansados e exagerar no sono só nos dá mais vontade de dormir, comer demais nos engorda e nos alimentar de menos pode nos deixar desnutridos, saia dessa.  Você precisa encontrar o equilíbrio tanto do seu sono quanto da sua fome. Tente criar o hábito de sempre dormir e se alimentar no mesmo período, não precisa necessariamente criar um horário específico, o importante é ter um momento dedicado inteiramente para essas necessidades.

Cuidado com o prazer

Todos temos gostos que poderíamos passar horas investindo nosso tempo neles, seja comer doces, beber um vinho, ler ou até trabalhar quando gostamos muito do que fazemos. Mas é aquela velha história “tudo em excesso faz mal”. Portanto, também é preciso moderar até nas suas atividades preferidas, realize-as apenas o suficiente para sanar sua vontade. Reflita sobre os afazeres que você não gosta, pense no que pode fazer para melhorá-los, assim, além de encontrar prazer em atividades antes não tão prazerosas, poderá também melhorar sua estabilidade emocional.

Administre seu tempo

Você tem o semestre inteiro para ser um aluno exemplar, mas acaba só estudando na véspera? Isso pode se chamar preguiça para muitos, mas para outros pode ser uma questão muito delicada que é não saber administrar o próprio tempo. É fundamental que tenhamos a hora do trabalho, das responsabilidades, e o momento de descansar, para que o excesso de trabalho num único dia ou de descanso (para compensar todo esforço gasto na véspera) não sugue nossas energias.

Invista nas suas relações

Aqui falamos de relações internas e externas, e principalmente da sua relação interior, porque quando estamos bem com nós mesmos nossa vida social simplesmente acompanha o mesmo fluxo. Mas como melhorar sua relação interior? Pratique a autoaceitação, o autoperdão e a gratidão. Não cobre tanto de si mesmo, não tente fugir da sua essência. Seja flexível – é ótimo ter um plano de vida, mas também é essencial estar aberto a novas ideias. Não alimente seus medos e, principalmente, perdoe-se quando cometer erros, a vida fica mais leve quando nos respeitamos.

Seja menos negativo

Quem não conhece alguém que vive reclamando? Você conhece e com certeza tem em mente que não quer ser como essa pessoa. Então, não seja. Muitas vezes, reclamamos tanto quanto essas pessoas, mas não percebemos. Portanto, se policie, reclame menos e elogie mais. Além de ficar com uma energia mais positiva também poderá mudar o dia de alguém.

E não se esqueça de observar e refletir sobre suas escolhas. Está com um problema no trabalho? É realmente mais um problema ou é mais uma chance de mostrar sua competência? Aprenda a transformar situações aparentemente ruins em oportunidades.

Leia

Os livros são portais de conhecimento e você pode aprender muito através deles. Não precisa ser necessariamente sobre autoconhecimento ou áreas relacionadas, mas simplesmente sobre um assunto que você gosta, além de ser uma atividade prazerosa, estará aprendendo com isso. Se não gostar muito de ler tente criar metas, um parágrafo por dia, uma página amanhã, e quando menos esperar, vai estar estipulando uma obra por mês. Seja um livro de filosofia, romance, comédia, há sempre uma lição por trás das palavras.

Viva o presente

Às vezes, ficamos tão acelerados no dia a dia que transformamos o futuro num problema do presente. Pare de ficar pensando o que acontecerá amanhã ou daqui um ou dois meses, a não ser que tenha uma bola de cristal, você não sabe o que vai acontecer, e não vale a pena esquecer de viver agora por um amanhã incerto.

Medite

O maior perigo de viver tão intensamente é nos esquecermos que somos algo além dessa máquina de trabalho, dessa mãe ou pai que não para, dessa ampulheta que conta as horas para sexta-feira. Não podemos esquecer de quem somos, não podemos nunca deixar de ter nos conhecido. A meditação é uma ótima maneira para entrar em contato com nosso eu interior, e para entendermos melhor tanto nós mesmos quanto o meio que nos rodeia.


Escrito por Amanda Magliaro da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]