Energia em Equilíbrio Feng Shui

Cinco erros do Feng Shui

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Originário da China, o Feng Shui representa um centro de forças que são necessárias para que as energias negativas presentes em um ambiente sejam redirecionadas para fora do mesmo, e dessa maneira, apareçam as energias positivas e as boas vibrações, que vão proporcionar diversos benefícios para os praticantes.

No entanto, muitas vezes costumamos não enxergar determinados pontos considerados importantes e assim, acabamos por cometer erros básicos que diminuem a eficácia dessa prática.

Conheça aqui cinco dos erros mais comuns do Feng Shui.

1. Empilhar tralhas

Segundo o Feng Shui, o hábito de amontoar e empilhar tralhas nos ambientes e espaços que vivemos é uma das causas mais recorrentes do bloqueio energético em nossas vidas. Por isso, antes mesmo de fazermos uma análise ou iniciarmos um processo de cura, devemos retirar tudo o que é desnecessário no mesmo e que possa vir a ser considerado um obstáculo ou entrave para a circulação da energia. Só depois de realizada essa limpeza, é que o processo de cura poderá ser iniciado.

2. Falta de ambições e objetivos

Quando traçamos um objetivo ou uma ambição de cura, como por exemplo saúde, é de extrema importância que o indivíduo em questão coloque em sua mente os objetivos exatos. Se colocamos em nossa mente, um sentido vazio e sem perspectiva não conseguiremos atingir um resultado visível. Quando visualizamos um objeto definido e concreto, como o fechamento de um novo negócio ou a resolução de um problema, os resultados se tornam satisfatórios.

3. Utilizar o Feng Shui somente em curas chinesas

Outro erro muito comum do Feng Shui é utilizá-lo somente em curas chinesas. Apesar de ser originária da China, o longo dos anos, a técnica teve seu uso disseminado por outras culturas, e assim o conhecimento e a sabedoria aumentaram.

4. Realizar ao mesmo tempo diversas alterações

Tudo tem o tempo certo para acontecer. E assim deve ser com o Feng Shui. Quando um profissional inicia uma consultoria, ele traça o tempo e o plano para que as alterações sejam realizadas. Por isso, é importante que as datas e os planos sejam cumpridos, só assim se poderá alcançar a verdadeira harmonia. Somente depois disso, é que se pode seguir o próximo passo.

5. Almejar uma cura, sem desistir no meio do caminho

Todo o processo de Feng Shui necessita de acompanhamento. Não se deve almejar uma cura e depois simplesmente desistir no meio do caminho. Se você realizou uma alteração de cura em seu lar, deverá retornar todos os dias ao local para se certificar que tudo continua em ordem. Por exemplo, se você tiver em sua casa um animal de estimação, é muito comum que eles venham a estragar ou derrubar certos objetivos que utilizamos na nossa decoração.


Texto escrito por Flávia Faria da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]