Mindful Eating Nutrição

Como ter mais atenção ao comer?

atenção ao comer
Luiza Camargo
Escrito por Luiza Camargo
O Mindful Eating, Alimentação Consciente ou Comer com Atenção Plena, nos ensina a reconhecer as fomes, notar o que está nos influenciando a comer e escolher como responderemos à situação. Esse é um dos princípios do Mindful Eating.

Recebemos diversos estímulos para comer, desde os sentidos até nos pensamentos e nas emoções.

Vamos relembrar algumas situações:

– Olhar a vitrine de uma confeitaria; 

– Cheiro do bolo sendo assado e um café coado; 

– Ouvir a crocância de um biscoito; 

– Pegar com as mãos e perceber a maciez do pãozinho; 

– Sentir o sabor do seu prato favorito; 

– Trabalhei muito hoje, mereço um chocolate; 

– Dar “água na boca” só de lembrar de um alimento de sua infância… 

Percebeu como em diferentes situações podemos ser estimulados a comer?

É individual e cada pessoa recebe e responde a diferentes estímulos. Faça uma pausa e lembre situações do seu cotidiano.

Temos variadas fomes, como a dos olhos, nariz, ouvidos, tato, boca, estômago, células, mente e coração. São diversas fomes simultâneas que estão presentes ao comermos. No texto anterior, abordamos um pouco sobre elas (inserir o link).

A prática do Mindful Eating auxilia a diminuir o modo “comer no piloto automático”, em que nem notamos o que estamos comendo ou até nem sentimos o gosto da comida.

Já passou por alguma situação assim? 

As distrações enquanto comemos reforçam essa alienação. Vamos dar alguns exemplos: comer falando no telefone, dirigindo, caminhando, usando o celular (mídias sociais, mensagens de texto, etc.), assistindo a um vídeo, TV, lendo o jornal, usando o computador, na mesa de trabalho…

Essas são apenas algumas situações que recordei, você pode notar como acontecem essas distrações no seu dia a dia. Quais são as atividades que costuma fazer enquanto come?

atenção ao comer

E o que fazer quando notar essa situação? 

Você estará ciente dela e poderá escolher que caminho seguir, como por exemplo: durante o almoço você costuma se atualizar de suas redes sociais, responder a mensagens ou e-mails. Você tem dois caminhos: guardar o celular enquanto come e levar a atenção à comida, aos sabores, aromas, texturas dos alimentos ou continuar a fazer o que está acostumado. Essa escolha é sua.

O mais importante é começar a dar pequenos passos, o primeiro é estar ciente da desatenção ao comer e notar o que pode mudar na situação, depois ir implementando essas mudanças, testar de várias formas e, principalmente, curtir o momento, notando com curiosidade suas reações, como quantas vezes vai pegar o celular sem nem perceber (no piloto automático), e ao notar pode guardá-lo novamente.

Esse é um dos princípios de Mindfulness: estar ciente do momento presente. Notou a distração e escolhe estar no momento presente, seja em uma atividade ou na sua respiração.

Vamos praticar? 

Comece em ambientes mais calmos e que não tenham muitas pessoas, isso lhe ajudará a estar familiarizado com a prática e levar para seu dia a dia.

Escolha uma das refeições, separe o que irá comer, sente-se de maneira confortável e deixe estímulos desligados ou mais longe, como TV, celular, livro, revista, etc. 

Comece observando sua comida, as cores, formato, textura, apresentação no prato, sinta o cheiro, os aromas presentes, pode pegar com as mãos e notar as sensações. Coloque lentamente na boca, sem mastigar no primeiro momento, perceba como é esse primeiro contato, depois comece a mastigar e engolir tranquilamente.

Depois pode repetir com um segundo pedaço a experiência e vai notando como são as sensações no corpo (algo agradável, neutro ou desagradável), se percebe os pensamentos (o que estão “falando”), se veio alguma emoção (alegria, tristeza, ansiedade). Veja se quer parar e está satisfeito ou continuar a comer com atenção plena.

Nesse exercício, o ideal é fazer de forma mais lenta e notando as sensações. Aos poucos, leve isso para as suas refeições de maneira mais natural, observando o alimento, saboreando e estando presente enquanto come. Com o tempo, essa prática se torna um delicioso momento de comer com atenção plena. Experimente!

“Em nossas atividades diárias, muitas vezes corremos de um lado para o outro. Entre várias tarefas, gastamos nosso tempo planejando como faremos para completar tarefas futuras. No meio de tanta correria e planejamento, nos afastamos do momento atual. Comer é uma chance de retornar ao momento em que vivemos, parando de correr e planejar.”

– Thich Nhat Hanh.

Sobre o autor

Luiza Camargo

Luiza Camargo

Sou nutricionista e instrutora de mindfulness e mindful eating. Acredito na união da Nutrição, Mindful Eating, Mindfulness e Meditação. O alimento é um veículo para nutrir o corpo e a mente e, também, um reflexo de como lidamos com nossas vidas. Na minha trajetória sou pós-graduada em Obesidade e Emagrecimento e com especialização em Nutrição Desportiva. Realizei o treinamento em Mindful Eating-Conscious Living pela UCSD e Estratégias de Mindfulness pela MTI.

Contatos:

Site: luizacamargo.com/
Instagram: @luiza_camargo_mendes
Facebook: /luizacamargomendes