Saúde Integral

Confiança é sinônimo de felicidade!

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Às vezes nos bate uma insegurança sobre a vida, um medo de que as coisas não aconteçam da forma que desejamos, ou até uma vontade de desistir para evitar desilusões ou falhas. Sabe de uma coisa? Essa sensação é totalmente normal! Garanto que, quem ainda não sentiu esses medos, um dia sentirá. Isso porque a vida de todo ser humano é composta por altos e baixos, momentos de segurança e de insegurança. O que não podemos deixar acontecer é permitir que nossos medos tomem conta de nossas decisões.

Quando acreditamos em quem somos e em nossas habilidades, certamente estamos muito mais perto de alcançar aquilo que desejamos. Isso porque a autoconfiança nos permite livrarmos das incertezas que nos afetam negativamente e nos desestimulam a correr atrás dos sonhos. E, se deixarmos o sentimento de pessimismo tomar conta de nossa mente, é fato que estaremos cada vez mais longe de conquistar tudo aquilo que queremos.

E não só para alcançar nossos objetivos que a confiança é bem-vinda. Essa sensação é responsável por muitas mudanças em nossas vidas, ainda mais se pensarmos que nosso dia a dia pode ser muito mais prazeroso se passarmos a acreditar e a confiar nos outros, no universo, na bondade das pessoas e nas boas vibrações.

Ao acreditarmos na positividade, automaticamente vamos começar a ver sempre o “copo meio cheio”. E, quando isso acontece, o mundo ganha cores, ganha sabores e passamos a apreciar e a celebrar pequenas (e ótimas) alegrias que antes passavam despercebidas por nós. Começar a perceber o mundo de forma mais positiva certamente atrairá e motivará ainda mais desejos positivos, e isso só vai nos preencher com mais confiança e desejo de evoluir.

As energias que nos rodeiam são bastante poderosas para atrair aquilo que emanamos. E é por isso que, quanto mais acreditamos em nossas habilidades e potencial, mais capazes de romper barreiras e obstáculos seremos, e isso vai atrair ainda mais confiança e gratidão. É um grande círculo de positividade que se forma, nos auxiliando a evoluir e a viver a vida da melhor maneira possível. Já ouviu falar naquele ditado que diz que “tudo o que vai, volta”? É exatamente assim mesmo que funciona.

No fim das contas, a confiança vai muito além da autoestima e do amor próprio. Confiar é sinônimo de entrega, de fé e de fidelidade. É se jogar na vida sem medo do que vem pela frente, é acreditar nas coisas boas e ter a certeza de que, mesmo nas dificuldades, seremos capazes de extrair lições importantíssimas para crescer e nos transformar em seres humanos melhores.

Porém, tornar-se uma pessoa mais confiante pode levar algum tempo, principalmente para quem está desacreditado e pessimista com a vida. E, sabendo que essa pode ser uma mudança importante e até assustadora, resolvemos listar alguns pontos importantes para que você reflita e passe a acreditar, cada dia mais, em suas próprias escolhas.

Tenha fé

A fé não está ligada, necessariamente, a uma religião. Ter fé é acreditar em algo superior, um bem maior que está presente no mundo para nos guiar ou mesmo só para nos confortar. Mesmo porque, não adianta nada ser adepto de qualquer tipo de religião se, por dentro, a pessoa não prega o amor, a solidariedade e a justiça sem discriminação. Na verdade, não importa em como você acredita ou em quais caminhos você escolhe para chegar até sua fé, pois todas as formas de amor nos levam ao mesmo ponto de chegada.

Confie nos outros

Quando passamos a perceber más intenções em todas as atitudes das pessoas, começamos a agir, também, de acordo com essas crenças. Mas, se você sente que pode ser bom para alguém, que tem vontade de compartilhar momentos e sentimentos bons ou consegue enxergar os outros, independentemente de rótulos ou preconceitos, o que o faz pensar que ninguém mais é assim? Acredite mais no mundo. Acredite mais nas outras pessoas. Acredite no potencial alheio e que existe espaço para todos, sem competições ou disputas desnecessárias. Acredite na força do amor e que a crueldade e a intolerância são exceções (que precisam ser combatidas, claro!).

É tudo uma questão de perspectiva…

Chega um determinado momento em nossas vidas quando fica mais simples percebermos que tudo depende do nosso ponto de vista. Algo que antes parecia inaceitável, hoje já pode ser recebido de peito aberto e sem receios. Por outro lado, se antes alguma mudança parecia grande demais para ser suportada, hoje ela pode ser bem-vinda, e até ser encarada como uma ótima oportunidade para crescermos. Além do amadurecimento, nosso ponto de vista pode mudar se decidirmos enxergar os acontecimentos pelo lado positivo. Portanto, se um relacionamento acabou, se um investimento não deu certo, se alguém o magoar ou até se você não se achar capaz de algo, mude a perspectiva. Pense na quantidade de coisas que você já fez dar certo, nas boas amizades e pessoas que o amam e nas suas conquistas pessoais e profissionais. Com certeza existe muito motivo para fazê-lo sentir orgulho de si mesmo. E, se ainda assim tudo parecer dar errado, saiba também que você vai aprender e amadurecer com cada erro, abrindo novas portas e dando vez às novas oportunidades de recomeçar e fazer tudo cada vez melhor.

Agradeça pelas coisas boas

Como já disse no item anterior, sempre terão coisas na sua vida para o alegrar. Pode ser a companhia de alguém amado, pode ser uma promoção no trabalho, pode ser uma viagem, uma festa, ou até algumas boas lembranças. Então, agradeça por tudo isso. Se você não sabe como começar, acorde todas as manhãs e escolha três motivos (eles podem ser bem simples) para agradecer. Agradeça pela vida, pela sua saúde, pelos amigos conquistados, pela sua família e por tudo mais que faça você se sentir grato. Pode parecer bastante básico, mas isso vai ajudá-lo a perceber quanta coisa maravilhosa acontece diariamente com você. E ainda será útil para atrair sempre mais conquistas e boas energias.

Sorria

Sorrir é nosso remédio mais potente e o nosso melhor aliado na hora de aumentar o bem-estar e até nossa saúde. Você sabia que, quando sorrimos, nosso corpo libera endorfina e serotonina, duas substâncias responsáveis pela felicidade e pelo prazer? Portanto, se você estiver em um dia ruim ou precisar de algum estímulo para levantar o ânimo, simplesmente ria. Ria mesmo sem vontade, pois depois disso você não precisará mais “fingir” sorrir. Seu corpo vai entender o estímulo e você ficará imediatamente mais relaxado, menos estressado e mais leve! Mas, onde entra a confiança nisso tudo? Bom, as pessoas mais felizes têm com a autoestima mais elevada, e quando estamos de bem com a vida não sobra espaço para as inseguranças e as incertezas.

Se não está bom, faça algo para mudar

Essa é a última, e talvez a mais desafiadora dica que temos para dar. Se algo não está fazendo você feliz, se o entristece ou simplesmente não acrescenta nada de positivo em sua vida, faça tudo o que estiver a seu alcance para mudar. Sentar e reclamar do que não dá certo em sua vida não adianta nada. (Claro que às vezes é bom extravasar, mas isso é bem diferente de reclamar, correto?). Então, mude. Se sua profissão já não mais o faz feliz, pense em novas opções para melhorar seu dia a dia, ou até comece a usar seu tempo livre com atividades prazerosas. Se o problema é alguém que só o faz sofrer, converse e veja se vocês conseguem acertar a relação. Não importa como, o importante é fazer algo por você, sempre, e não deixar as reclamações tomarem conta da sua vida. Faça tudo o que puder para ser cada dia mais feliz!


Texto escrito por Laís Mori da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]