Autoconhecimento Relacionamentos

Como se conectar com a energia do amor em todas suas manifestações?

Silhueta de casal com céu com nuvens refletindo sol
Claudia Regina Pinto

Amor… 

O que é o Amor?

Como podemos nos conectar com esta energia?

E aqui, me proponho a conversar sobre – O Amor Divinal -, concebido pelas Divindades, pelo TODO, e não este aqui, inventado pelo humano. O amor humano ao qual nos acostumamos vem impregnado de distorções, uma vez que após nosso nascimento, somos bombardeados por crenças e ilusões vindas da nossa linhagem primária, pai, mãe, avó, etc, que nos traz o amor como um sentimento carregado de dores e tristezas por vezes, e com tantas histórias que nos contam ou que observamos ao longo do nosso crescimento, que adentramos em novas ilusões criadas por nossa mente, pelas ilusões criadas por nosso ego, pois ele vem para nos proteger dos “perigos” que iremos vivenciar ao longo desta jornada de vida na Terra.

E ao longo do nosso caminhar, do processo individual de autodesenvolvimento e despertar de uma consciência em cada ser, sofremos modificações na forma de compreender e experienciar o AMOR Divinal na Terra e vivemos um AMOR falso, que não como na forma concebida pela FONTE, pela energia que sustentará o Homem na Terra.

Mãos de casal dadas com fundo de areia

Passamos a tratar o amor de uma forma diferente, dando ao Amor outros nomes, mas que nada tem haver com o real AMOR.

O Amor que quero falar aqui é o que acompanha nossa dimensão espiritual, mental, além da física, como a entendemos na esfera deste sentimento.

Quando falo do espiritual aqui, não estou falando em religiosidade ou religiões.

Quando falo do Espírito, refiro-me a um dos corpos sutis que revestem o nosso corpo físico, e nem só deste vivemos.

Nosso corpo Espiritual é pura luz e ele vem da centelha Divina do Todo, da Criação, para experienciar uma experiência humana através da matéria, que nos oportuniza no aqui e agora. O que é esta experimentação? Como é o participar deste grande desafio? A matéria tem a chave do espírito, ela vem viver e estudar junto a sua Luz numa Escola mágica, que oportuniza e nos possibilita o aprender brincando, guerreando, lutando, cantando, trabalhando, casando, namorando, sendo pai ou mãe, um profissional, etc, através de diversas disciplinas, como é viver este processo de evolução do espírito para a matéria, e assim, voltarmos para Casa, depois da formação e conclusão desta escola, da matéria para o espírito e do Espírito para a Luz do Todo. Assim voltarmos à fonte, que é o puro Amor.

Silhueta de casal com fundo de céu escurecendo e luzes da cidade

Aqui, acreditamos e vivemos uma realidade desconhecida ao nosso Espírito, pois ele é energia de Amor da Pura Fonte e veio aprender, através do nosso Corpo Físico e através desta evolução, ao qual chamamos de Humana, como é viver este sentimento em Vida Terrena. Com certeza, uma das formas e das fontes então para nos conectarmos com a energia do amor, é nos conectarmos com nosso Espírito, de todas as formas que fizer sentido no seu coração.

Assim posso dizer que o SENTIR também é outra forma de se conectar, já que o Amor brota do centro do Coração, do Chakra Cardíaco de luz Rosa, cor do Amor da Inocência e o Verde, cor da Cura, e sendo este órgão responsável por nosso pulsar na vida. E para sentir amor, este Pulso tem que ter no mínimo mais de 400 htz.

Veja como pulsamos em Hertz de acordo com cada Emoção sentida:

Escala de emoções

Aqui na Terra é tão desafiador acessar o Amor porque vibramos com aquele que veio nos defender – Corpo Mental, onde o Ego é seu verdadeiro escudo de defesa. Por isto, quando vamos enfrentar um Desafio, o Ego entende como perigo e aciona seus recursos para impedir que você aceite ou encare tal desafio.

Você também pode gostar de:

Ele emite pelo nosso pensamento as ideias (criações mentais) de que não vai dar certo, de que você não vai conseguir, de que algo ruim pode acontecer. Na verdade, ele acompanha o Espírito e como não quer nos ver no perigo (matéria e espírito) então ele dispara várias informações de perigo ao nosso SNC, que imediatamente busca nos arquivos as referências que ele possui no seu “pendrive”, ou seja, os registros da 1a. infância, do nascimento, do convívio familiar, do convívio social, amizades, relações, e dependendo destas experiências ele libera vários hormônios no corpo para que este mantenha-se Alerta.

Casal feliz sorrindo com árvore e folhas de outono ao fundo

Se além dos registros, com as lembranças acionadas, a pessoa (matéria) não acreditar nos desígnios do Espírito, ou seja, na Luz e na Potência do Amor que nos conecta a Fonte, nosso corpo Emocional fala da nossa capacidade de acreditar, de CRER, de ter fé, e se diante do “perigo” que o Ego nos aponta, ficarmos apenas nos registros do Corpo Mental, vamos repetir as experiências do passado, e assim nos mantemos presos a um tempo que não existe mais. Aqui na momento presente, olhar para a informação que vem do mental com o olhar do coração, ou seja, passar pelos dois crivos.

Pois o Amor, quando nos conectamos com esta Energia, ela nos fala que acreditar, sentir fé, em tudo o que nos chega, e com gratidão agradecer o que chegou e aceitar, nos aproximamos do AMOR, aquele que gera abundância e prosperidade em tudo o que fazemos. Se ao contrário, negarmos o que chega, ou nos fixar no passado, ou no futuro, tempos que são ocupados pelo VAZIO, ponto 0, de algo que já se viveu, portanto apenas memoria e lembranças, ou algo que vai se viver, onde criamos a imaginação ou a ilusão.

Portanto, nosso corpo Mental, vem apenas para registrar os conhecimentos e as experiencias nesta grande escola que é a VIDA, mas não para tomar as decisões racionais ou ditar a VERDADE. Mas, aqui nós gostamos muito de usar deste Universo e acabamos caindo nas ciladas do Ego, aquele amigo protetor que te dirá dos perigos e te fará sentir medo, insegurança, culpa, remorso, arrependimentos, etc ou se enfrentá-lo toda vez que ele lhe falar, você vai educá-lo na melhor Universidade que ele poderia enfrentar….

E é um amigo lindo e fiel quando aprende com a gente e ocupa o seu real lugar.

Acho que nem mesmo o Ego gosta que acreditemos nele, porque adoecemos muitas vezes, mas precisamos entendê-lo que ele está aqui para cumprir seu serviço de nos tornarmos Guerreiros Valentes e que enfrenta os medos como CORAGEM (ação do coração), com Fé, anjo do Espírito e Amor.

Olho sendo refletido em pedaço de espelho que ela segura

E aqui digo que para nos conectarmos ainda mais com a energia do Amor digo que viemos aqui para aprender a Amar, e nosso maior desafio é Amar a Si Mesmo.

Para agora de ler:

– Feche seus olhos, e se pergunte – EU ME AMO?

Sim ou Não – São somente estas palavras que podem surgir, sim ou não. E as duas são possíveis de aparecer.

Amar a si é a melhor e a única forma de conectar-se com a energia do amor e, a partir deste Amor, estamos prontos para nos conectarmos com o Amor em todas as suas formas de Manifestação. Neste lugar podemos nos conectar com o Amor Livre, sem intenções, sem apegos, sem culpas, sem medos, sem mentiras, apenas com a VERDADE.

Sem Amor Próprio, sem respeito a quem és, sem conseguires olhar para tuas próprias dores, sem sentir-se vítima ou culpado, fica mais desafiador caminhar aqui na Terra. Muitos jovens se suicidam por “amores” não correspondidos. Em outro momento podemos falar mais sobre.

O fato é que se não nos aceitamos e não desenvolvemos este amor por si mesmo, impossível amar ao outro, ao próximo,

E um grande Messias, Jesus disse: “Amai-vos uns aos outros como a ti mesmo.”

Ninguém entrega o que não tem.
 E se eu não tenho vou buscar no outro, no mundo externo, do lado que está de fora.

E nossa evolução, o desenvolvimento do AMOR é de DENTRO para fora e não de fora para dentro. Somos o ponto de Amor, lembra?

Então, de que Amor tantos Messias falam até os dia de hoje?

Como podemos ampliar nossa conexão com esta fonte em todas as suas manifestações?

  • Aprendemos a RESPIRAR na chegada na Vida.
  • Estimar a sua pessoa, com tudo o que tem, do jeitinho que é.
  • Quais são seus valores – Então Valoriza-los.
  • Conhecer tudo o que puder nesta Escola que seu Espírito escolher vir “cursar”.
  • Criar suas capacitações nas disciplinas desta escola, com seu livre arbítrio, fazendo suas escolhas e, posteriormente, sendo responsável por cada uma, sem culpa a si ou ao terceiro.
  • Desenvolver suas habilidades diante dos desafios que tiver coragem de encarar.
  • Criar novas respostas para velhas situações, ou seja, criar Corpo, musculatura, novas ideias, novas ferramentas para ir até o fim do ciclo, desta jornada.

Menina deitada com cabelo pela grama e flores amarelinhas espalhadas pelo cabelo

Ou seja, é possível abandonar, às vezes sim, mude a rota sem APEGOS, para seguir melhor para os desígnios da sua Luz.

  • Para viver o AMOR tenha ações, pensar em você como Centro de tudo e de que a escola é para ti, então não esqueça do Aluno mais importante: VOCÊ. Faça coisas para você , que você goste, que te deixe alegre, com coração pulsante.

Como conectar com as manifestações do Amor, e como entender o que não é o Amor?

  1. Através da Verdade é uma das formas como podemos entender uma manifestação de AMOR. Seja verdade. A mentira é o oposto do Amor, não entre no campo das manipulações, jogos, falsidades, traições.
  2. Através dos apegos, que mostra um amor falso, baseado nas cobranças, nas vaidades, na comparação, na posse, na submissão ou pelo controle. Assim,o Desapego é uma das formas de manifestação de Amor. Entender que no Fluxo do Amor o que chega, vai e vamos vivendo.
  3. A Alegria, é a manifestação de Amor mais livre, ela liberta os medos.
  4. A Beleza, em todas suas formas de manifestação de Amor, de tudo o que existe na criação Divina, e doar amor à Mãe Terra, à Natureza, aos Animais, às Pedras, ao Vegetal.
  5. Praticar a Gratidão, este é o ato que faz parte da condição de termos humildade, apreciação, reconhecimento por tudo que somos e recebemos. Recebemos tanto, demais e ainda , as vezes ainda mendigamos…
  6. Desenvolver a Fé inabalável, só ela pode encarar frente a frente a razão em todas as épocas da Humanidade, para a vivência do AMOR na sua dimensão.

Amor e Alegria em todos os Corações

Especialmente neste Dia Especial dos Enamorados.

Sobre o autor

Claudia Regina Pinto

Claudia Regina Pinto

Formada em Psicologia, com Pós-Graduação em Psicodrama, MBA Gestão Pessoas. Formação como Terapeuta Holística com ênfase na Alquimia (florais Sistema Joel Aleixo), Cromoterapia, Reflexologia, Argila terapia, Mestre em Reiki, Taróloga. Atendimento Clínico, Educacional e Organizacional com desenvolvimento de Lideranças e Palestras.

Contato:

Telefones: (11) 32972597 | (11) 982089358
E-mail: [email protected] | [email protected]

Facebook:

Claudia Regina
Integração Ser