Espiritualidade

Qual é a melhor prática espiritual para a cura e autotransformação?

Nadya Prem
Escrito por Nadya Prem
Temos uma série de autores, pesquisadores, filosofias e religiões que trazem o conhecimento sobre a espiritualidade, conforme o ponto de vista de cada um. Você que busca conexão espiritual, cura e autotransformação, pode usufruir de todo este material que está disponível.

Diferente de outros tempos, em que apenas os iniciados tinham acesso a certas práticas, hoje há um excesso de informações. Mudam os nomes, mas a essência de grande parte dos ensinamentos é a mesma. Inclusive, é necessário ter algum cuidado com o que você escolhe ler e acreditar, porque nem sempre tem fonte confiável.

Vejo um grande número de pessoas consumindo autoconhecimento e espiritualidade como se comprasse uma mercadoria qualquer. Realizando cursinhos de iniciação, acreditando que com isso mudarão suas vidas, da noite para o dia. De nada vale o acúmulo de informações e a teoria sem discernimento e prática, no que tange a espiritualidade, a cura e a autotransformação.

A prática do dia a dia é a única e verdadeira autotransformação que serve como prova de que toda a teoria trouxe resultado.

Tem uma história que conta sobre um religioso, que chamaremos pelo nome fictício de José. Todas as noites em sua igreja, ele pregava aos discípulos sobre Deus e a tarefa de aprendizado que cada um tem na vida. E sempre na última fileira, ele avistava um senhor, de vestimenta e postura simples, que o escutava atentamente. Após longos anos, José desencarnou e reencontrou no plano astral, aquele mesmo homem, que aparentava o semblante muito iluminado. A aura resplandecia e refletia sua condição espiritual mais elevada. Aproximando-se de José, ele o cumprimentou com um largo sorriso de felicidade e gratidão. E de braços abertos, resgatou José do Umbral.

Na vida, temos que prestar muita atenção, para não nos desviarmos do caminho que nos é concedido a trilhar.

Atordoado, José não conseguia compreender, porque aquele homem, tão simples, que escutava suas pregações, estava muito melhor espiritualmente que ele. Ao conversar com seu mentor e questioná-lo, finalmente percebeu o que ocorrera. O senhor que assistia às palestras, levava para a vida diária o aprendizado, enquanto ele, apenas teorizava. Sentia-se superior por todo seu conhecimento e orgulhoso de sua posição na vida material e assim perdeu a oportunidade de escutar a si mesmo. José deveria ser o principal ouvinte, era quem mais tinha a aprender com suas próprias pregações.

Na vida, temos que prestar muita atenção, para não nos desviarmos do caminho que nos é concedido a trilhar. Os olhos se encantam com a beleza da matéria, os ouvidos se enganam com as palavras rebuscadas e o coração fica vazio. Facilmente caímos nas tentações do ego.

espiritual

A espiritualidade com simplicidade faz do aprendiz um mestre. Todas as práticas feitas com sinceridade de coração e intenção, são ferramentas de auxílio no caminho espiritual e de cura. Nenhuma é melhor ou pior, depende mais do praticante que da técnica.

Não adianta orar o dia todo em um canto da casa ou de uma igreja e sair pela rua sem estar em oração. A prática espiritual é a ação do espírito na vida terrena.

A melhor prática espiritual é a vida diária, no convívio com o próximo encontramos a nós mesmos. Percebemos as nossas dificuldades e reconhecemos os nossos talentos. Não há necessidade de seguir uma religião, não há que ler todos os livros. A razão se une ao coração que representam o discernimento e a prática.

Aprendi no espiritismo, com um querido instrutor, que o espírito é como um anjo que tem duas asas e se eleva à medida que as fortalece. Como um pássaro aprende a voar e se direciona. Uma asa é da razão e a outra do coração. Aqueles que desenvolvem apenas uma delas não terão forças para seguir até o seu destino.

Seja Amor!

Sobre o autor

Nadya Prem

Nadya Prem

Formada em Administração de Empresas e Gestão de Recursos Humanos, Técnica em Naturopatia, Acupunturista. Estudiosa e pesquisadora dos estados alterados de consciência, mediunidade e psicopatologias. Unindo ciência e espiritualidade, desenvolvi junto aos meus guias a ORIENTTI (Orientação Terapêutica Transpessoal Integrativa). Há mais de 30 anos de atuação na esfera transpessoal, médium ostensiva de incorporação e cura, desde a adolescência, buscadora do entendimento e desenvolvimento transpessoal. Atendimento presencial em São Paulo e Itupeva e a distância por skype ou e‐mail. Para mais informações sobre orientação e terapia, agendamento e valores, envie um e‐mail.

E-mail: [email protected]
Blog: www.psicologiaespiritualista.blogspot.com.br
Facebook: /nadya.r.s.prado