Alimentação consciente Nutrição

Que tal incluir mindfulness na sua vida?

Luiza Camargo
Escrito por Luiza Camargo



Muitos irão dizer que não têm tempo para mais uma atividade!

Em seu livro, ‘Mindfulness On The Go’, Jan Chozen Bays apresenta diversos exercícios para levar a prática de mindfulness para o dia a dia.

Como assim?

Mindfulness pode ser incorporado na sua vida cotidiana com pequenos passos e experimentos, estando ciente de suas ações, seu corpo e mente.

Vou dar um exemplo: ao fazer uma atividade do seu dia, como cozinhar, dirigir, caminhada para o almoço, no ônibus ou metrô, escovando os dentes, tomando banho…ufa, a lista é grande! Você pode fazer essas atividades no piloto automático, ou prestando atenção ao momento, ou seja, praticando mindfulness!

Woman walking on pier near the sea at sunset tranquil scene. Beautiful seascape

Quantas vezes saiu de casa para ir para o trabalho e nem notou como foi o trajeto? Se te perguntassem o que tinha no caminho, ou por onde veio, vem aquele branco!

Todos já passamos por isso, nossos pensamentos nos levam para tão longe que não notamos o que está acontecendo agora. Muitas vezes, são pensamentos desagradáveis, que ainda nos deixam insatisfeitos, causando sofrimento.

É por isso que ao praticar mindfulness no dia a dia começamos a prestar atenção a esses momentos preciosos da nossa vida, percebendo o que acontece com você no presente.

“Praticar atenção plena é focar atenção total no que está acontecendo fora e dentro de você – no seu corpo, no seu coração, na sua mente. É estar consciente de si e do entorno sem criticar nem julgar.” (Jan Chozen Bays)

Vamos começar a praticar?

Um exercício muito interessante para começar é usar a mão não dominante para fazer suas atividades cotidianas, como comer, pentear o cabelo, escovar os dentes, escrever… dentre outras.

Experimente essa prática e perceba como seu corpo e mente reagem ao usar a mão não dominante.

O que aprendeu com a experiência?

Um dos princípios de mindfulness é a curiosidade, permita-se abrir para a experiência. Uma dose de humor é sempre bem-vinda! Um outro é não ter julgamentos, deixe as críticas de lado e aproveite.

Essa atividade nos abre as possibilidades de aprender algo novo, de criar novas habilidades e perspectivas. Como é para você?

Aos poucos, pode ir levando essa prática de estar ciente do momento presente para outras atividades do seu dia e abrir uma infinidade de oportunidades. Vamos praticar mindfulness?


Referência:

Jan Chozen Bays. Mindfulness On The Go. Shambhala, 2014.

Sobre o autor

Luiza Camargo

Luiza Camargo

Sou nutricionista e instrutora de mindfulness e mindful eating. Acredito na união da Nutrição, Mindful Eating, Mindfulness e Meditação. O alimento é um veículo para nutrir o corpo e a mente e, também, um reflexo de como lidamos com nossas vidas. Na minha trajetória sou pós-graduada em Obesidade e Emagrecimento e com especialização em Nutrição Desportiva. Realizei o treinamento em Mindful Eating-Conscious Living pela UCSD e Estratégias de Mindfulness pela MTI.

Contatos:

Site: luizacamargo.com/
Instagram: @luiza_camargo_mendes
Facebook: /luizacamargomendes