Astrologia Numerologia

Ano de Vênus. A hora é de brilhar!

Vênus e Júpiter alinhados
Themotioncloud / Getty Images / Canva
Escrito por Carolina Garcia

Fiquei pensando num assunto para me iniciar como colunista aqui no site e conclui que, embora os assuntos sejam múltiplos, a astrologia é uma das minhas ferramentas favoritas de autoconhecimento!

Então vamos lá!

Falemos de 2021. Ano este que será favorável aos desejos, aos amores e a uma necessidade ímpar de realizar o que se gosta verdadeiramente, além de ser o ano da atenção plena e de focar os nossos valores mais estimados. Por que? Explico. Este será o ano em que teremos Vênus como planeta regente, começando a vigorar a partir de 20 de março, marcando, enfim, a entrada do famigerado ano novo astrológico!

No mesmo dia, teremos o equinócio de outono e a chegada do Sol no signo de Áries. Ademais, para além da regência desse astro brilhante, altamente feminino, cuja busca é constante rumo ao equilíbrio, temos um ano que soma o número 5. (2+0+2+1=5).

Na numerologia, associa-se o 5 a questões bastante leves e versáteis, diferentemente do número 4 (2+0+2+0=4), que lançou a 2020 seus maiores esforços relacionados ao trabalho, à determinação, ao alto grau de rigidez, à seriedade e estrutura dentro de uma norma predeterminada.

Foto do céu estrelado e de Vênus
David Hajnal / Getty Images Pro / Canva

O 5, contudo, denota liberdade, curiosidade, movimentação e espírito de aventura! Todas essas condições, acompanhadas de uma regência por Vênus, podem ser assimiladas da forma mais gentil possível.

Não será um ano parado ou cujo foco principal esteja 100% na disciplina ou na segurança material extrema. Obviamente, tivemos também um 2020 com um enorme aglomerado de planetas no signo de Capricórnio para endossar.

Em 2021, porém, não. Seremos estimulados a querer sentir coisas boas, sensações agradáveis, dessas que nos levam a ansiar por uma boa massagem, a cozinhar comidas gostosas, tomar um bom vinho, vestir uma roupa bacana, valorizando o respirar consciente e todos os hábitos em prol de uma vida mais feliz, leve e equilibrada.

Namorar, fazer amor, conhecer gente bonita por dentro e por fora, criar boas amizades, cuidar de nós e dos outros são atitudes que tenderão a permear nossa rotina.

Obviamente que não serão só flores no mágico Jardim do Éden, uma vez que a Vênus, assim como tudo na vida, possui luz e sombra.

Então… pense bem nos exageros que todas essas boas condições podem levá-lo. Sim, comer é bom, uma verdadeira maravilha, mas moderadamente! Beber, idem. Gastos extremos com coisas supérfluas podem vir com tudo ao longo deste ano. Sentir uma alta necessidade de passear, viajar ou namorar também.

Atenção, atenção! Caminho do meio, sempre. Afinal, a pandemia persiste.

O fato é que, no geral, tendo a Vênus como regente de 2021, um abrilhantamento tomará conta de nossa vida, tornando-a mais harmoniosa, trazendo bons, novos e necessários fluidos. Com poucos esforços, as coisas simplesmente caminharão no seu ritmo natural.

Vênus e Pleiades
Nukleerkedi / Getty Images Pro / Canva

Para quem se lembra, 2020 foi um ano marcado pela regência do Sol, o astro mais popular da astrologia. Sim, sendo o elemento central de qualquer leitura de mapa, o Sol imprime a figura do pai, o masculino, a consciência, a plenitude e nossa essência maior. E isso tudo não é bom?

Sim! Mil vezes sim! Um trabalhão louco que dá viver nosso Sol com plenitude, sabia?

Poucos se atentam a esse fato, mas ele é um aspecto emblemático para muitos, que simplesmente não se identificam com seu signo solar. Quem nunca se deparou com alguém que já disse isso? Ou você mesmo, que me lê, já se deu conta o quão importante é o Sol na sua vida? E não falo dos horóscopos e da sua superficialidade. Falo do estudo do seu “eu” mais profundo, o ego, em que você deve se destacar verdadeiramente de acordo com as características do signo e com as características da casa onde ele habita em seu mapa.

Adianto a você que a quantidade de informações que ele nos fornece é enorme. E não, nem sempre é possível nos sentirmos ativos nessa jornada, conhecida também como a jornada do herói.

Vivenciar o Sol é isso: uma jornada louca!

O grande encontro com nossa alma. Precisamos nos sentir frequentemente merecedores de nosso DNA astral, pois é por meio dele que nos conhecemos mais a fundo e melhor.

Retomando, porém, 2020, um ano regido, portanto, pelo Sol – Quem disse que seria tarefa fácil?

O Sol nos desafia a todo o momento, alimenta-nos com sua luz vital ao passo que nos cobra a emitir, na mesma proporção, uma sombra. E é nessa sombra que devemos nos habituar a olhar para dentro, pois é aí que mora nosso lado B ou lado negro, aquele em que são empurradas para debaixo do tapete coisas tão grandiosas quanto o próprio Sol.

Planeta Vênus perto do sol
Buradaki / Getty Images / Canva

Tudo se dá através da óptica luz e sombra. E 2020 veio para escancarar a qualidade da espécie humana, como os bons e maus feitos. Um ano marcado por tantas lutas e transformações, em que tivemos a disseminação de um vírus capaz de paralisar o mundo, pessoas negras sendo mortas ridiculamente, feminicídio em alta, violência doméstica, política terrorista, entre tantas outras coisas…

Um ano que foi, no mínimo, marcante para toda a história.

E uma coisa é certa: ninguém saiu ileso desse ano de 2020. Muitas perdas, sim, porém, que só nos tornaram mais fortes e resilientes. Aliás, assim tem sido o ano do Sol, de uma abertura incrível de olhos, de um iluminar formidável, revelando a todos nós o quanto estávamos doentes, enquanto humanidade…

Essa é a chama interna dentro de cada um de nós, que vem acendendo a cada dia, na esperança de nos tornamos ainda melhores.

Entretanto, quando a Vênus tomar seu posto, em 20 de março, estejamos preparados para brilhar!

Pensar em nosso lado mais feminino (independentemente do gênero da pessoa), olhar para nossos sentimentos, para os desejos e para os assuntos do cotidiano que nos proporciona bem-estar e praticar o autoconhecimento e o autorreconhecimento como seres sensíveis, além de nos perguntar com maior frequência: “como temos nos relacionado com aqueles que amamos?”, são questões que estarão em alta, pode acreditar!

Afinal, a dor, arrancada à força de dentro de nós e exposta em demasia, já foi vivida por tempo suficiente, não é mesmo?

Quem duvida que este ano será de maior paz e equilíbrio?

Que assim seja.

Sobre o autor

Carolina Garcia

Minha primeira formação foi em publicidade, à qual sou muito grata, pois por meio dela me engajei na escrita, sempre atenta e observadora do comportamento humano. Ao longo desses quase 20 anos, atuei como redatora, fui colunista de comportamento para alguns sites em 2007, criei um projeto bem relevante voltado ao público feminino em 2014 - o Taco de Mulher - e tive o prazer de publicar uma história infantil nesse mesmo ano.

Sou pesquisadora na área da sexualidade há mais de 15 anos. Mas foi apenas em 2015 que decidi fazer uma pós-graduação relativa a essa abordagem. Em 2017, mergulhei fundo (e até hoje não paro de mergulhar) nos estudos astrológicos. Logo comecei a atender pessoas e sentir imensa gratidão por esse trabalho de autoconhecimento milenar tão rico. Sem dúvida, é minha mais potente ferramenta para adentrar o universo particular das pessoas, com mais afeto e empatia. Como astróloga também estudo outras áreas do ocultismo, como tarot e numerologia, integrando todos esses conhecimentos em minhas consultas.

Em 2019, fiz a formação completa de terapia do renascimento, também conhecida como rebirthing, uma técnica de respiração consciente muito eficaz na redução do estresse e no aumento de energia e de bem-estar, que libera toxinas do corpo (por meio da própria respiração), acessa e transforma a fonte de doenças usando a compreensão dos pensamentos subjacentes e sistemas de crenças que atraíram a doença, entre outros tantos fatores. Uma vez que se entende a importância de respirar adequada e conscientemente, tudo muda.

Isso se conecta diretamente com a terapia cognitivo-comportamental, uma área fascinante e necessária para atendimentos em terapia, que venho estudando com afinco ultimamente.

Acredito que um bom profissional, primordialmente, precisa pensar de forma ampla, mais inclusiva e plural, deixando de lado preconceitos ou julgamentos acerca de seus próprios valores e crenças pessoais.

Contatos:

Email: nucleo8infinitos@gmail.com
Site: 8infinitos.com.br/ l tacodemulher.com.br
YouTube: 8 infinitos
Instagram: @_astralterapy
Facebook: @carol.garcia.terapia