Aromaterapia Energia em Equilíbrio Mesas Radiônicas Nutrição Energética Terapias

Dicas de limpeza energética para encerrar 2020 em uma nova frequência

Mulher trabalhando a limpeza de energia com cristal nas mãos
Microgen / 123rf
Juliana Bernardo
Escrito por Juliana Bernardo

Você sabia que muitas sensações de peso, falta de energia e até mesmo angústia podem ser sinais de impregnações no seu campo energético?

Numa visão holística, somos muito mais do que o corpo físico. Cada filosofia ou linha espiritual enumera e nomeia uma série de outros corpos além deste que vemos. Provavelmente você já tenha ouvido termos como corpo emocional, corpo mental, corpo astral ou algo semelhante. Estes corpos formam o que chamaremos aqui de campo energético.

Somos formados de energia, como tudo no universo. E sendo energia possuímos determinada vibração. Essa vibração que cada um de nós emana entra em sintonia com outros seres desta e de outras dimensões. Por afinidade, muitos deles se aproximam de nós e permanecem acoplados ao nosso campo energético. Mesmo que a maioria das pessoas não consiga vê-los, pode-se perceber sua presença ou manifestar sintomas como:

  • cansaço sem motivo;
  • sensação de ter a energia sendo sugada;
  • sensação de que os pensamentos repetitivos em sua mente não são seus;
  • angústia, medo ou tristeza repentinos e sem motivo.

Por isso é tão necessário fazer limpezas energéticas frequentes. Ainda mais neste momento de pandemia em que estamos vivendo, em que o medo e a apreensão coletivas nos tornam ainda mais suscetíveis a impregnações energéticas.

No início de qualquer atendimento, por exemplo, eu realizo limpezas energéticas no cliente utilizando o thetahealingTM, técnica energética de reprogramação mental. Pois assim temos a certeza de trabalharmos na sessão somente emoções e memórias da pessoa que está sendo atendida e não as captadas do exterior.

Esse processo de limpeza aumenta também a disposição, traz sensação de paz e relaxamento e ajuda a pessoa a ter maior percepção de sua própria energia.

Pessoas que trabalham com terapias vibracionais ou com práticas espirituais tendem a ter o campo energético ainda mais amplo e devem tomar cuidado redobrado com a própria energia, fazendo no mínimo uma limpeza por semana.

Energia passando pelas mãos de uma pessoa
NikkiZalewski / Getty Images / Canva

Numa limpeza energética profunda, podemos retirar do campo de uma pessoa, dentre outras coisas:

  • Formas pensamento: nossos pensamentos repetitivos criam formas que ocupam espaço em nosso campo energético. Dependendo do tempo e intensidade em que alimentamos essas formas, elas se tornam entidades com vida própria e que em momentos de inconsciência podem dominar parte de nossa mente;
  • Fragmentos de alma: resquícios da energia de outra pessoa que ficam acoplados ao nosso campo energético quando temos relações sexuais ou nutrimos emoções intensas por ela;
  • Excesso de energia eletromagnética: energia proveniente de aparelhos eletrônicos (celulares, modens, roteadores etc.) que são prejudiciais para nossa saúde física;
  • Laços energéticos: quando convivemos muito com alguém (família e parceiros afetivos principalmente), criamos laços que unem alguns de nossos chakras aos deles. Isso faz com que, muitas vezes, nos mantenhamos em estados anteriores de consciência quando estamos na presença dessas pessoas, como, por exemplo, o filho adulto que se comporta de maneira infantilizada na casa dos pais. Esses laços fazem também com que nos sintamos presos a uma pessoa mesmo depois de anos que o relacionamento terminou;
  • Ganchos energéticos: frestas no campo que permitem que pessoas nos suguem. Esse vampirismo pode ocorrer intencionalmente ou não;
  • Ataques psíquicos: sabe aquele xingamento que você recebeu quando fechou sem querer um carro no trânsito? Ou uma crítica e julgamento feitos por alguém? Isso também tem energia e cria uma forma no seu campo energético;
  • Espíritos errantes: desencarnados que perderam o portal de acesso à quarta dimensão. Muitos deles não tem a consciência de que faleceram e permanecem vagando até serem encaminhados à luz.
  • Espíritos caídos: seres que vivem intencionalmente na Terra, causando interferências negativas e se alimentam de emoções e pensamentos de baixa frequência, tais como raiva, ódio, medo, culpa.

Conhecendo um pouco dessas impregnações, percebe-se a importância da limpeza energética se tornar um hábito que contribuirá para uma vida mais leve, livre e equilibrada.

Mesmo que você não faça uma sessão terapêutica para limpeza do seu campo neste momento, existem práticas simples que você mesmo pode fazer em casa. Elas ajudarão a aumentar sua consciência a respeito da sua energia, elevar a frequência e proteger-se das impregnações.

Mulher meditando
Poike / Getty Images Pro / Canva

Consciência sobre os próprios pensamentos e emoções

O autoconhecimento é a base para o bem-estar e evolução. Então é muito importante que você pratique autopercepção. Pelo menos 90% dos pensamentos que reproduzimos não são nossos, têm origem nos ambientes que frequentamos, nos conteúdos que consumimos e no inconsciente coletivo.

Portanto, questione-se sempre que estiver se sentindo pesado: “Este pensamento é meu mesmo?”, “Essa emoção é minha?”, “Quem em mim está falando nesse momento?”, “Essa dor é minha?”.

Perceba a resposta em seu próprio corpo. Com um pouco de prática, a resposta ficará cada vez mais clara. Se a resposta for negativa, intencione devolver o pensamento ou sentimento à origem. Você pode visualizar essa energia sendo retirada do seu campo energético, encoberta de luz e entregue a quem pertence.

Banhos

Sal grosso e flor de lavanda
Cmfotoworks / Getty Images / Canva

O banho de sal grosso funciona como uma espécie de radiestesia natural, ele descarrega as energias densas do seu campo. Importante que faça em um momento de tranquilidade, intencionando a limpeza das energias percebidas.

Para isso, dissolva 3 colheres de sopa de sal em 1 litro de água fervente. Tome o banho higiênico de costume e depois despeje a água com sal morna sobre todo o corpo. Pode ser feito a cada 15 dias.

Na sequência, você pode realizar banhos de ervas para recarregar seu campo com energias positivas. Algumas das ervas mais indicadas são alecrim, manjericão e louro. Faça a infusão de 1 colher de sopa da erva escolhida para 1 litro de água. Despeje o líquido em todo o corpo após o banho higiênico. Pode ser utilizado por até 7 dias após o banho de sal grosso.

Elevação da frequência energética com aromaterapia

Canela, flores diversas e essências
Anna-Ok / Getty Images Pro / Canva

Os óleos essenciais, base da aromaterapia, possuem uma frequência vibracional muito mais alta do que a humana. A maioria dos óleos essenciais vibra entre 70 e 180 MHz, sendo que o óleo essencial de rosas chega a 320 MHz. Por outro lado, um ser humano saudável possui frequência em torno de 62 a 68 Mhz, mensurados pelo aurameter.

Por isso, ao utilizar os óleos essenciais, somos harmonizados, temos uma elevação imediata na frequência do nosso campo energético. Com a frequência elevada, seres de frequência mais baixa não entrarão em sintonia conosco.

Os óleos essenciais mais indicados para limpeza são: melaleuca, eucalipto, capim-limão e junípero.

Além de utilizarmos os óleos em banhos, semelhante ao que fazemos com as ervas, sugiro a utilização em massagens corporais, principalmente dos ombros e costas. Para isso, misture 3 gotas do óleo essencial escolhido diluído em 1 colher de sopa do óleo vegetal da sua escolha (amêndoas, coco, linhaça, macadâmia, azeite etc.). Repita a aplicação sempre que se sentir pesado e sem energia.

Depois é possível utilizar outros óleos essenciais, como alecrim, laranja, limão ou hortelã-pimenta no colar aromático ou difusor ambiental para manter sua frequência elevada.

Placas radiônicas em casa

Uma maneira muito prática de cuidar da nossa energia e do nosso ambiente é a utilização de placas radiônicas na cama.

Placas radiônicas são gráficos que emanam energia com uma finalidade específica. Elas ajudam não só a limpar as contaminações energéticas já mencionadas, como também a bloquear as energias telúricas patogênicas. E mais do que isso, colaboram na manutenção do equilíbrio mental e aumento da vitalidade.

Pessoa praticando radiestesia com pêndulo e placa
NikkiZalewski / Getty Images / Canva

O conjunto de placas radiônicas para se utilizar embaixo do colchão é composto de 8 gráficos:

  • Na região da cabeça: SCAP, Yoshua e Pentagrama;
  • Na região do tórax: Pirâmide TAO e Desenho de Luxor;
  • Na região do quadril: Alta Vitalidade e Antidor;
  • Nos pés: Keiti

As placas têm eficiência pelo período médio de 6 meses. Depois devem ser substituídas por novas.

Para concluir, quero lembrar você que nos acostumamos com o peso, a dor e com a falta de energia. Nem por isso este é nosso estado normal. O ser humano se adapta a muitas situações que o adoecem. E antes de uma doença se manifestar fisicamente, ela dá sinais em níveis mais sutis.

Você também pode gostar

Pode ser que você se sinta cansado, sem disposição, triste ou com a mente turbulenta. Isso não significa que esse estado vá permanecer para sempre. A mudança é sempre possível e pode ser mais fácil do que você supõe.

2021 bate à nossa porta. Vamos nos preparar para que ele seja mais leve, alegre e cheio de prosperidade? Estar consciente o máximo de tempo possível sobre o que você emana com seus pensamentos e emoções e fazer da limpeza energética um hábito de autocuidado podem ser o primeiro passo para a criação de uma nova realidade individual no ano que virá.

Então experimente uma das práticas propostas e depois compartilhe com a gente como se sentiu.

Sobre o autor

Juliana Bernardo

Juliana Bernardo

Olá! É uma alegria ter você por aqui.

Eu atuo como terapeuta holística, o que significa que trato do Ser de maneira integral, levando em consideração não somente o físico mas também as dimensões emocional, mental, espiritual e relacional.

Minha missão é ajudar as pessoas a expandirem a consciência e reconhecerem seu poder na criação de uma vida mais alegre, leve, abundante e cheia de amor.

Para isso, auxilio as pessoas que atendo em seus processos de reconexão com a essência, despertar do amor-próprio e reprogramação mental. Tudo isso aliado ao poder transformador com que a Natureza nos presenteia por meio de seus recursos e ensinamentos.

Além do atendimento individual, realizo vivências em grupo focadas em autoconhecimento, empoderamento e transformação interior. Criei para isso o programa terapêutico para mulheres chamado “Florescer para uma Nova Vida”.

Sou também facilitadora de cursos livres na área holística, como tameana/pleiadian healing e aromaterapia.

Tenho formação e experiência em diversas técnicas terapêuticas, dentre elas constelação familiar e soluções sistêmicas, terapia floral, aromaterapia clínica, radiestesia e mandalas radiônicas, reiki, Thetahealing®, Barras de Access®, alinhamento intuitivo e numerologia sistêmica com abordagem terapêutica.

Antes de me tornar terapeuta, me formei em comunicação social pela USP e fiz mestrado em artes visuais pela Unesp, com pesquisa publicada internacionalmente sobre colagem na arte contemporânea. Atuei, dentre tantas coisas, como docente na educação formal e não formal em ambas as áreas antes da minha transição de carreira e de vida.

Email: [email protected]
Site: poderdanatureza.com.br