Nutrição

O que a sua vontade de comer está lhe dizendo

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Ficar longe das guloseimas não é uma tarefa fácil e bem é verdade que um docinho não faz mal a ninguém, mas se você está passando dos limites saudáveis e não para de comer um segundo sequer, fique atento, pois seu corpo pode estar querendo lhe dizer algo.

[ mks_pullquote align="left" width="300" size="24" bg_color="#ffffff" txt_color="#c76929"]Muitas vezes, viramos verdadeiros reféns da comida.[/mks_pullquote]

Podemos não nos dar conta, mas comer além das necessidades pode ser um sinal de diversas coisas: ansiedade, depressão, carência, falta de nutrientes e vitaminas e, principalmente, compulsão alimentar.

No caso das doenças ou sensações psicológicas, o alimento faz o papel de complemento a tudo que estamos sentindo falta. É como se o bem-estar instantâneo causado pela comida fosse uma espécie de acalento aos corações e mentes aflitas. Obviamente, a compulsão sempre tem como alvo as comidas mais doces, gordurosas e industrializadas. Isso porque este tipo de nutriente pobre eleva nossos níveis de açúcar no sangue e nos causa uma sensação de felicidade irreal.

Se você percebe que come sem fome alguma, apenas para saciar uma vontade que nunca termina, é hora de ficar atento. A primeira coisa que sugiro é avaliar se você tem se sentido triste, ansioso ou até mesmo eufórico demais. Ganhar peso ou sentir fadiga constante também é um sinal de que você pode estar ultrapassando os limites saudáveis de comida diária.

Outro problema em ter compulsão alimentar é o desconforto físico. Temos uma quantidade ideal de nutrientes e, mesmo que você esteja comendo o dia inteiro, se estiver comendo os alimentos errados também terá deficiência de vitaminas importantes no organismo, o que lhe fará querer comer mais ainda. É necessário avaliar o que se come e a qualidade nutricional da comida, além de rever seus hábitos alimentares, fazendo uma reeducação por conta própria ou com acompanhamento de um especialista na área.

Para iniciar, sugiro que siga as reposições abaixo e avalie por alguns dias se a sua energia melhora e se você consegue diminuir essa vontade insaciável de comer que toma conta de seu corpo. Por exemplo, se você sente vontade de comer chocolate, seu corpo pode estar com deficiência de magnésio; então, comer oleaginosas, frutas e verduras pode resolver isso. Se a vontade for de comer frituras, tente substituir esta alimentação por leite, queijo e todo tipo de verdura, pois seu corpo pode estar com deficiência de cálcio. Existem outras substituições ricas que podem amenizar estas compulsões e, consequentemente, farão você se sentir melhor fisicamente, psicologicamente e nutricionalmente.

Tenha em mente que você é o dono de seu corpo e pode controlar suas vontades. É apenas questão de autocontrole e força de vontade, pois os motivos agora você já sabe.


Texto escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]