Autoconhecimento Psicologia

Onde encontrar atendimento psicológico gratuito?

Pessoa branca escrevendo numa prancheta e outra pessoa com as mãos cruzadas.
milkos / 123rf
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Se você está sentindo uma dor de estômago que não passa, o que você faz? A maioria das pessoas procura atendimento médico para identificar a causa do problema e tratá-lo da maneira mais eficiente possível. Mas menos indivíduos fazem isso quando o problema é com a saúde mental, que precisa igualmente de atenção e cuidado. Então, se você está sentindo tristeza, ansiedade, medo, desesperança e desânimo, por que não procurar também um profissional da saúde?

O atendimento psicológico e/ou psiquiátrico é fundamental para que uma pessoa se sinta bem sobre quem ela é. Por meio de conversas e de remédios, se for o caso, ela terá os mecanismos necessários para enfrentar traumas ou problemas futuros. Além disso, a terapia auxilia um indivíduo a se conhecer melhor, reconhecendo os próprios defeitos e qualidades.

Então, quando você está experienciando sentimentos negativos, é fundamental que busque auxílio. Isso porque as pessoas que te amam, por mais bem-intencionadas que sejam, não têm o conhecimento necessário para te diagnosticar e para te tratar. Apenas um profissional da saúde poderá fazer isso com eficiência.

Prossiga com a leitura do artigo para descobrir onde encontrar tratamento psicológico perto de onde você mora. Se você acha que esse tipo de serviço é muito caro e inacessível, prepare-se para se surpreender!

Nível nacional

O Sistema Único de Saúde (SUS) está disponível em todo o Brasil e oferece tratamento psicológico gratuito. Dentro do Sistema, você vai encontrar instituições específicas para cada caso, para que o atendimento seja direcionado ao problema que você está enfrentando. Confira:

Homem passando em terapia com uma psicóloga.
AlexGreen / Pexels

1) Unidade Básica de Saúde (UBS)

Os casos leves de depressão e de outras doenças mentais podem ser identificados na UBS mais próxima da sua casa. Lá, um clínico geral irá analisar o seu estado mental e vai indicar qual tratamento é mais indicado para você.

2) Centros de Atenção Psicossocial (CAPS)

Os CAPS fazem parte da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), estão em todas as regiões do Brasil e são destinados às pessoas que apresentam casos moderados e graves de doenças mentais. Nesses locais, o atendimento é humanizado e aprofundado. Isso porque você passará por uma entrevista e depois será encaminhado para psicólogos, psiquiatras e nutricionistas.

3) Universidades e faculdades públicas e privadas

Não é só o SUS que oferece atendimento psicológico gratuito. Em todos os estados brasileiros, universidades e faculdades (públicas e privadas) realizam esse serviço. Ele é mediado pelos estudantes e estagiários da área da saúde, mas também é acompanhado por recém-formados e profissionais que atuam no ramo há mais tempo. A seguir, identifique onde você pode encontrar programas desse tipo!

Região Norte

Universidade Federal do Pará

Endereço: R. Augusto Corrêa, 01 – Guamá, Belém – PA

O serviço destina-se apenas a pessoas maiores de 18 anos. No site, é possível acessar uma lista com o contato de voluntários que realizam o atendimento. Ao falar com um deles, por ligação telefônica, é possível agendar a consulta.

Universidade Federal de Roraima

Endereço: Av. Cap. Ene Garcês, n° 2413 – Aeroporto, Boa Vista – RR

Contato: Telefone: (95) 3623-2391

De segunda a sexta, das 8h30 às 11h e das 14h30 às 17h, é oferecido atendimento no Serviço de Atendimento Psicológico (SAP) da Universidade. Ele está localizado no campus Paricarana, e, se o atendimento for emergencial, não precisa ser agendado. Pessoas maiores de 5 anos podem obter esse auxílio.

Região Nordeste

Universidade Federal do Piauí

Endereço: Campus Universitário Ministro Petrônio Portella – Ininga, Teresina – PI

Durante a pandemia do coronavírus, é possível se cadastrar para um atendimento psicológico on-line e gratuito por meio do formulário: https://forms.gle/mPN85wzzgKqHELmAA.

Universidade Federal de Pernambuco

Endereço: Av. Prof. Moraes Rego, 1235 – Cidade Universitária, Recife – PE

Enquanto a pandemia do coronavírus durar, pessoas maiores de 18 anos podem agendar uma teleconsulta gratuita pelo link.

Região Centro-Oeste

Centro Universitário do Distrito Federal

Endereço: 704/904 SEPS/EQ 702/902, Brasília – DF

Contato: (61) 3003-1189

De segunda à sexta, das 8h às 21h, até o fim da pandemia do coronavírus, é possível obter até três atendimentos semanais gratuitos de 50 minutos de duração cada um, por meio do link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfA4UqyxzSvBOHKAHHPq4LZUoWG0OX7neJFjMqVaR6FwNuj1Q/viewform.

Região Sudeste

Universidade de São Paulo

A demanda por atendimentos psicológicos cresceu durante a pandemia da Covid-19, e, como consequência disso, a USP indicou outros canais para obter auxílio, descritos no link https://www.ip.usp.br/site/covid-19-apoio-psicologico-online/.

Universidade Estácio de Sá

Durante a pandemia da Covid-19, a Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro, está oferecendo atendimento psicológico on-line e gratuito. Em cada região do estado, há um e-mail para contato específico, descritos em https://www.educamaisbrasil.com.br/estacio/noticias/atendimento-psicologico-gratuito-e-promovido-pela-estacio.

Região Sul

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (consultas a preços mais baixos)

Endereço: Av. Protásio Alves, 297 – 3º andar

Contato: (51) 3308 2024

Site para solicitar atendimento: https://www.ufrgs.br/clinica/?fbclid=IwAR37_vLRVgmyu5kyEAcpmhsSMpshx5AX516f9mYecWRxqUkGpAnLL5t7Ht4.

Atendimento psicológico gratuito on-line ou por telefone

4) Atendimento psicológico gratuito on-line ou por telefone

O atendimento psicológico a distância, on-line ou por telefone ainda gera descrença em muitas pessoas. Apesar disso, ele pode ser muito benéfico. Afinal, também é possível criar uma relação de confiança e de atenção por ligações ou mensagens, como fazemos com parentes e amigos distantes. Inclusive essa opção é viável para quem tem uma rotina corrida, já que não há a necessidade de se deslocar de um lugar para o outro. Em muitos casos, está disponível por 24 horas.

a) Centro de Valorização da Vida (CVV)

Site: https://www.cvv.org.br.

Por telefone, e-mail e chat, o CVV oferece auxílio psicológico 24 horas por dia, em sigilo. O foco desse serviço é o apoio emocional e a prevenção ao suicídio.

b) SOS Jovem

Site: https://sosjovem.com.br.

Diariamente, a partir das 23h, o SOS Jovem disponibiliza auxílio psicológico por chat, também em sigilo. O serviço é destinado a pessoas que estejam com pensamentos suicidas ou enfrentando sentimentos negativos.

c) Escuta 60+

Embora o serviço esteja em pausa no momento (até o fechamento desta pauta, em agosto/2021), para uma reestruturação do projeto, futuramente será possível obter atendimento gratuito para pessoas idosas, pelas redes sociais. No Instagram, siga o perfil do link indicado para saber quando esse espaço de escuta será aberto novamente: https://www.instagram.com/escuta60mais.

Você também pode gostar

O atendimento psicológico é fundamental em qualquer fase da vida e a modalidade gratuita desse acompanhamento está presente em todo o Brasil. Se você não encontrou o seu Estado na lista apresentada, basta procurar um CAPS ou uma UBS próxima de onde você mora. Lá, o atendimento será realizado com profissionalismo e você poderá iniciar o tratamento para qualquer doença psiquiátrica que você esteja enfrentando. Tenha certeza de que você não está só!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br