Convivendo

Cem maneiras de ser a diferença na vida das pessoas – Capítulo 42

Capa da série Cem maneiras de ser a diferença na vida das pessoas - Capítulo 42
Benedito Milioni
Escrito por Benedito Milioni


Capítulo 42 – OBSERVE O LIMITE ENTRE O PIEGAS E O SECO INSENSÍVEL!

É uma arte… e faz ENORME diferença na vida das pessoas à nossa volta! A maioria das pessoas não sabem como evitar ser piegas, melosas, quase viscosas e, por ser mais confortável, apelam para as securas e travamento emocional em molduras de insensibilidade… e mal sabem elas como danificam a qualidade da vida das demais pessoas!

“Nem tanto ao mar nem tanto à terra”, disseram os lusos quando aportaram nas terras de cá e nelas deixaram muito da sua cultura! Não tem justificativa sermos duros e secos por temer os excessos da conduta piegas ou o contrário e, por causa disso, quedamo-nos numa confusa fórmula comportamental: ora excessos de um, ora de outro componente!

Ser piegas é ser chato, inconveniente e, por seu lado, ser seco e insensível é conspirar contra a magia e o encantamento na vida das pessoas e, em ambos os casos, ser forte candidato(a) ao rótulo de “rejeitado pelo controle de qualidade emocional”.

Cinco homens vestindo roupas sociais, com camisa branca e gravata preta, em pé formando uma fila, todos segurando folhas de papel brancas, cada uma com uma expressão facial diferente desenhada

Há uma boa fórmula para evitar a pieguice e a secura: consulte sua inteligência emocional e dê uma passadinha pelas inteligências interpessoal (lidar com pessoas) e intrapessoal – lidar consigo mesmo(a) – e terá a permissão interna para liberar a dose certa das suas doçuras e a firme orientação para não jogar areia quente nos olhos secos da outra pessoa, por via das securas e insensibilidades.

Faça a diferença para as pessoas transitando por sua vida de forma a preservar seus sentimentos, evitando neles despejar baldes de melaço enjoativo ou de carbonato de magnésio (usado por ginastas e alpinistas para manter as mãos secas). Faça a diferença na vida delas sendo doce na medida certa e nem tanto quando a situação impuser.

Conta-se, e não me cabe questionar se é verdade ou não, que os secos e insensíveis quando morrem viram almas penadas, andando trôpegas pelas madrugadas dos cemitérios chinfrins, bem decaídos, porque nem nas profundas são bem-vindos! Lá, na hora do cadastramento e do pagamento de taxas para entrar, quando o falecido mostra em seu currículo comportamental durante a passagem pelo mundo da superfície e nele se vê a sua secura e insensibilidade, imediatamente é posto para fora!

Imagem ilustrativa de vultos pretos em um fundo cinza, representando almas penadas

Os gestores rabudos sabem que os secos e insensíveis não dão a mínima para nada, quanto mais para castigos como cozimento em óleo, rastejar em trilhas de ouriços e caminhar em cima de brasas mais quentes que as de certas palestras. Por isso, para eles o que acontece nas profundas, onde o vapor é refresco, não ata nem desata, não assopra nem assobia, enfim é pura perda de tempo. Rejeitada por não suprir o perfil das exigências locais, a alma fica por aí, gemendo e arrastando correntes e dando sustos em distraídos gatos e tribos de góticos.


Continue acompanhando a série

Anterior Capítulo 42 Próximo

Ir para o primeiro capítulo

Sobre o autor

Benedito Milioni

Benedito Milioni

Graduado em Sociologia e Administração, 46 anos de carreira executiva e técnica em Desenvolvimento de Pessoas, autor de 32 livros, autor de 5 e-books, co-autor de 15 livros e autor de 25 manuais técnicos.

Dirigiu treinamento para mais de 3.349 grupos (cerca de 81.000 treinandos), dos quais 36.760 da área de RH, cerca de 24.736 Gestores e Líderes, 18.610 na área Comercial e 3.318 em Competências de Negociações . Formou cerca de 2.450 Instrutores e Multiplicadores Internos e 610 Consultores Internos Participa, regularmente, como conferencista sobre Tecnologia de Gestão em T&D em eventos nacionais e internacionais.

Apresentou mais de 2.104 conferências e palestras para mais de 200.000 pessoas. Prestou serviços a mais de 440 empresas, no Brasil e no exterior (América Latina, América Central, África e Europa). Júri de prêmios de Excelência na Gestão de Pessoas.

Publisher da GESTÃO DE PESSOAS EM REVISTA.

Contatos:

Av. Paulista, 2.202 , 3o. Andar CEP 01310-300 - São Paulo – SP
Site: www.milioni.com.br
Email: [email protected]
Telefone: 11 3508-1990 | 4158-7435 | 99909-5858
Facebook: www.facebook.com/bmilioni Linkedin: linkedin.com/benedito-milioni

Canal no Youtube