Energia em Equilíbrio

Lei da atração: O que é e como ela age na sua vida

Imagem de imã amarelo atraindo energia
valeriimingirov / Canva
Escrito por Eu Sem Fronteiras

“Pense positivo para atrair coisas boas.” Você já dever ter ouvido muito essa frase por aí, ou mesmo já a reproduziu para alguém com o intuito de fazer com que essa pessoa acreditasse no poder da mente de atrair positividade, não é?

Pois então… Essa é premissa da Lei da Atração. E de uma coisa você pode ter certeza: ela funciona. Preparamos um artigo com muito carinho trazendo para você tudo sobre essa poderosa força e como fazer com que o Universo o atenda da forma que você almeja.

O que é a Lei da Atração?

Em linhas gerais, a Lei da Atração é uma força que temos para cocriar a realidade em que vivemos por meio de pensamentos, sentimentos e emoções. Se a nossa mente vibra na mesma intensidade da nossa intenção, atraímos para nós o que estiver permeando nossos pensamentos. Dessa forma, devemos pensar positivo para atrair na mesma frequência.

Esse fenômeno já existe há muito tempo, mas, com o sucesso do livro “O Segredo”, as pessoas se tornaram mais interessadas no assunto, passando a pesquisar mais em busca de obter grandes realizações em suas vidas.

Imã atraindo bonecos de pessoas de metal
andreypopov / Getty Images Pro / Canva

O livro, de autoria da escritora australiana Rhonda Byrne, tornou-se um best-seller, tendo sido, inclusive, adaptado como documentário. A premissa da obra é que nossos pensamentos são mais do que meros pensamentos; eles vibram de tal forma que atraem frequências similares a eles.

Mas o conceito vai além disso: para que tenhamos bons pensamentos, é preciso que estejamos dotados de bons sentimentos também, pois é o que sentimos que vai fazer com que nos sintamos capazes e merecedores de tudo o que desejamos.

Como funciona a Lei da Atração?

Basicamente a Lei da Atração consiste em direcionar os nossos pensamentos para aquilo que desejamos ter ou realizar. É preciso estar em uma boa vibração e ter bons sentimentos em mente para que nos sintamos dignos de merecimento.

Isso não quer dizer que tudo o que desejarmos se materializará. E também não quer dizer que é só mentalizar e esperar acontecer. É preciso pensar positivo, sim, mas também idealizar a nossa ação nesse sentido – imaginar que somos capazes de cocriar e realizar, e não apenas ficar sentados esperando o milagre vir.

Um exemplo dessa lógica é quando estamos nervosos com alguma situação, achando que não vamos conseguir dar conta de algum desafio que esteja preocupando nossos pensamentos e nos impedindo de agir de forma equilibrada. Se focarmos só nos aspectos negativos, tendemos a mergulhar nessa realidade. Mas se pensarmos positivo e organizarmos nossos sentimentos, a tendência é que consigamos nos resolver de forma emocionalmente saudável.

E a Lei da Atração pode funcionar em todos os aspectos da nossa vida – seja na área profissional, seja na amorosa, na familiar ou mesmo no autoconhecimento. Basta entender que ela está sempre operando em nossas vidas, e é preciso que tenhamos consciência disso.

Mas como aplicar, então, essa lei no dia a dia? É o que veremos a seguir.

Como praticar a Lei da Atração?

Antes de mais nada, é preciso estar preparado mental e emocionalmente para praticar a Lei da Atração. Não basta pedir ao Universo e esperar que ele responda enquanto ficamos na inércia, esperando que as coisas se ajustem por si só. Não à toa, chamamos esse poder de cocriação, pois também somos atores dos eventos de mudança em nossas vidas.

Mulher meditando de olhos fechados na fachada
skyNext / Getty Images Pro / Canva

Um passo importante é se conectar com você mesmo, entendendo e aceitando seus sentimentos. Vale observar tudo o que você experimenta e externaliza quando está feliz. Da mesma forma, é importante também listar aquilo que não lhe agrada tanto e, depois, fazer uma revisão mental sobre se vale a pena se deixar levar pelo fluxo dos maus pensamentos.

Então você precisa se colocar mentalmente no lugar em que deseja estar, fechar os olhos e imaginar cada detalhe do que quer que ocorra. Como se iniciará o seu dia, como você vai se portar para fazer as coisas acontecerem, focar o objetivo e imaginá-lo sendo realizado. Mas, como dissemos antes, não basta imaginar. Parta para a ação, seguindo exatamente os caminhos que imaginou. É hora de sair da idealização e partir para o literal.

Lei da atração para iniciantes

Mas calma! Se parece meio impossível para você apenas imaginar, evitando cair nas armadilhas da sua própria mente, comece aos poucos. Estabeleça pequenos objetivos ou ações de curto a médio prazo – como organizar melhor a sua rotina, adotar um novo estilo de vida, entre outros.

Sendo assim, é preciso programar a mente para que ela aprenda a se concentrar no que é positivo. Pode ser uma memória feliz, uma grande conquista em sua vida ou uma superação de desafio. Dessa forma, sua mente se habitua a indexar o caminho para o sentimento bom.

Portanto comece pequeno, crie pequenos desafios e vá aumentando a complexidade à medida que for se sentindo mais confiante e experiente.

Como pedir na Lei da Atração?

Como já dissemos, é importante não só mentalizar, como também, e principalmente, partir para a ação. Além disso, siga um modus operandi que o habitue a pensar positivo.

Mulher anotando em seu bloco de notas
nortonrsx / Getty Images Pro / Canva

Dessa forma, faça um roteiro para realizar o seu pedido. A seguir, trazemos uma sugestão de como você pode se preparar para pensar, pedir e executar:

  • Trabalhe seus sentimentos: se você estiver se sentindo bem, especialmente consigo mesmo, estará mais receptivo a pensar coisas boas e a se sentir digno dessas coisas.
  • Foque no que quer, não no que não deseja: nossa mente adora nos trair, então, se você pensar no que não quer, irá sentir raiva, frustração e tristeza. E como o tópico acima diz, o sentimento é tudo. Então concentre-se naquilo que você deseja obter.
  • Seja grato: a gratidão é um ímã para coisas boas. Quando somos gratos, a vida nos sorri. Seja grato pelo que já tem e pelo que vai conseguir. Está tudo conectado.
  • Visualize: procure visualizar em sua mente a sua conquista. Se, por exemplo, você quer mudar de emprego, tente imaginar o local onde você deseja trabalhar. Mas não se atenha apenas ao ambiente físico. Veja-se sendo bem-sucedido naquele local.
  • Converse positivamente: aprenda a fazer afirmações positivas com os outros e com você mesmo. Pense que você é capaz, que você é preparado e está disposto a aprender. Olhe para você com mais carinho.
  • Medite: sim! Meditação é essencial. Ela nos traz equilíbrio, coloca nossas ideias em ordem, acalma a mente e o coração. Deixa o caminho livre para que os pensamentos fluam de forma ordenada.
  • Parta para a ação: dito tudo isso, reiteramos que não basta pensar, é preciso agir. Uma boa sugestão, antes de partir para a ação, é criar um diário no qual você irá escrever tudo que deseja obter – material e imaterial. O ato de escrever mexe com o nosso raciocínio e nossas sensações. E ler depois o que foi escrito, como um lembrete, condiciona-nos a seguir o plano.

O que você não deve pedir na Lei da Atração

Mas fique atento: nem tudo devemos pedir na Lei da Atração. Por quê? A resposta é simples: tudo no Universo funciona como um retorno – você faz, e o que fez retorna a você. Então, se você vibra energias boas, obviamente recebe de volta o bem. Se vibrar coisas ruins, o Universo vai lhe devolver na mesma moeda.

Mãos juntas fazendo um pedido
ipopba / Getty Images Pro / Canva

Isso implica uma forte corrente de vibração ruim fluindo no mundo. Não só você sofre com isso, mas as energias se espalham e se acumulam, criando uma atmosfera tóxica que, se alimentada com frequência, pode provocar estragos irreversíveis.

Sendo assim, há algumas coisas que não devemos pedir:

  • Não peça o mal para nenhuma pessoa: jamais peça algo diretamente ruim para alguém nem algo bom para você que possa prejudicar os outros.
  • Não peça um relacionamento com uma pessoa específica: as pessoas não são objetos, e nós não somos donos dos sentimentos delas. Isso também tem a ver com o livre-arbítrio, então nossos desejos não podem envolver os desejos de outrem. No lugar disso, peça a chance de ter uma relação emocionalmente sadia.
  • Não fique pedindo, pedindo, pedindo… sempre achando que não tem o suficiente: como já dissemos mais acima, em primeiro lugar precisamos ser gratos pelo que já temos.
  • Não peça aquilo que você NÃO quer: também já mencionamos isso. Quando você se concentra no que não deseja, seu pensamento pode trair você e acabar atraindo justamente essa coisa. Antes de pedir, treine sua mente.
  • Não peça que o destino lhe diga o que fazer: em vez disso, peça discernimento, sabedoria e serenidade, assim você estará preparado para tomar as decisões de forma mais consciente.

Sempre use o bom senso, pois podemos pedir tudo, mas será que devemos mesmo? Pense nas consequências, nos fluxos de energias e no que de bom você pode agregar ao mundo.

Você também pode gostar

Agora que você já tem um minirroteiro de como se preparar para estar aberto para o Universo e para trabalhar suas emoções, seus pensamentos e seus sentimentos, procure praticar com desafios mais simples e vá gradualmente aumentando a complexidade dos seus objetivos. Assim, você pode partir desde mudanças simples até verdadeiras guinadas na vida, usando sempre a conexão que você tem com o Universo e a força da Lei da Atração.

Mas lembre-se: o Universo lhe devolve aquilo que você dá a ele. E a Lei da Atração está sempre ativa, está em tudo que você faz, mesmo que você não tenha nenhuma intenção de realizar algum objetivo. Portanto seja sempre aquela pessoa que vibra na bondade, na justiça e na empatia. Ser bom com os outros é também uma forma de atrair coisas boas para sua vida.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br