Nutrição Receitas

Receitas com alfavaca

Imagem de Jill Wellington por Pixabay
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Alfavaca pode ser um nome um pouco desconhecido, mas, acredite, você com certeza já consumiu esta planta em algum momento da sua vida. Da família Lamiaceae, a alfavaca é “prima” do manjericão e é por muitas vezes conhecida como manjericão doce. Conhecida também como um tipo específico de erva, ela é natural de regiões da Ásia, África, América do Sul e Central e é utilizada deste a antiguidade pelos indianos para a cura de diversas doenças.

Por ser extremamente aromática, a alfavaca é muito utilizada na culinária, tanto em temperos, molhos quanto em chás — as suas folhas podem ser consumidas desidratadas ou frescas. Além de possuir um sabor que agrada a muitos paladares em pratos, a alfavaca também é muito consumida e muitos remédios fitoterápicos são feitos a partir dela — nestes casos, não se usam somente as folhas, mas também as flores e o caule da planta — por possuir inúmeras propriedades medicinais.

Além de ser um ingrediente de comida, a alfavaca também é considerada uma planta medicinal. Entenda mais a seguir.

Imagem de receitas com alfavaca. A foto é de um ramo de alfavaca para mostrar as propriedades da erva.
Imagem de Mona Lindbüchler por Pixabay

Alfavaca e suas propriedades medicinais

O SUS (Sistema Único de Saúde) possui uma lista de plantas medicinais que podem auxiliar e agir contra doenças ou sintomas das mesmas, e a alfavaca faz parte dela. Esta planta tão especial produz um ácido chamado rosmanírico que tem ação antioxidante e anti-inflamatório, e também é rica em diversas propriedades digestivas, adstringentes, cicatrizantes, entre muitas outras.

O chá de alfavaca, por exemplo, é muito utilizado no tratamento de gripes, resfriados, para aliviar os gases, auxiliar na digestão, aumentar a imunidade do organismo, reduzir o estresse e também pode fazer parte do tratamento contra a depressão ou ansiedade. É válido ressaltar que as folhas frescas dessa planta possuem ação antibacteriana e cicatrizante, ou seja, é possível tratar lesões e feridas com ela.

Existem muitas formas de usar a alfavaca, mas a maneira mais eficaz que ressalta todas as suas propriedades é prepará-la como chá.

Imagem de receitas com alfavaca. A foto quer mostrar a diferença entre manjericação e alfavaca.
Imagem de Justyna Kunkel por Pixabay

Qual a diferença entre manjericão e alfavaca?

Como já dito anteriormente, o manjericão e a alfavaca fazem parte da mesma família de plantas, a Lamiaceae — ou seja, a alfavaca é um tipo de manjericão, mas ela é o tipo mais comum existente no Brasil. A alfavaca é uma planta de folhas médias, acuminadas e “picotadas”. Possui o sabor similar ao do cravo-da-índia com tons cítricos e as suas folhas parecem muito com as folhas de hortelã.

O manjericão — conhecido como manjericão verdadeiro, basilicão ou somente como manjericão — é uma planta usada como condimento e que também possui fins medicinais. Ele é uma planta extremamente aromática, usada como tempero, ingrediente ou em receitas de chás, óleos e afins com o intuito de alívio de dores ou melhora do organismo. Já a alfavaca, possui um aroma menos amargo, porém mais intenso do que o manjericão verdadeiro – mas de forma geral, os dois tipos citados têm basicamente o mesmo aroma e são utilizados para os mesmos fins.

Citamos aqui que o chá de alfavaca é a forma mais comum de usufruir dos nutrientes da planta, mas aprenda a usá-la também como tempero!

Imagem de receitas com alfavaca. Tomates e folhas de alfavaca para serem utilizados em temperos de diversos alimentos.
Imagem de Goran Horvat por Pixabay

Como usar alfavaca como tempero?

Você deve conhecer inúmeras receitas em que utiliza-se o manjericão verdadeiro, que possui um sabor peculiar e deixa um certo amargor na boca — em massas e pizzas, por exemplo. Já a alfavaca é indicada para o preparo de carnes assadas, grelhadas e ensopados. Você também pode usá-la como tempero de legumes assados ou salteados.

Na culinária, usam-se as folhas desidratadas ou frescas. Se não encontrar a alfavaca no mercado, você mesmo pode plantá-la em seu quintal e desidratar na sua própria casa. Geralmente, o processo de desidratação é feito em fornos específicos, mas você pode colocar as folhas da planta em um recipiente que suporte o calor, e colocá-lo em cima de um forno em uso por aproximadamente uma hora. Com o pouco calor que as folhas receberão de baixo para cima, elas perderão a umidade e ficarão secas.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre esta planta, confira uma receita de chá de alfavaca, limonada de alfavaca, e uma receitinha de tempero para carnes.

Imagem de receitas com alfavaca. A foto é de uma xícara de chá da erva e um bule feito de porcelana branca.
Imagem de dungthuyvunguyen por Pixabay

Chá de alfavaca

O chá de alfavaca alivia dores estomacais, previne gripes e resfriados, ajuda no tratamento dos rins, combate náuseas, vômitos e cólicas intestinais.

Ingredientes:

– 10 folhas de alfavaca (secas ou frescas);
– 350ml de água.

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver em uma chaleira. Quando a água atingir a fervura, desligue o fogo e acrescente as folhas de alfavaca. Deixe infusionar por 10 minutos, coe e beba o chá ainda morno.

Imagem de receitas com alfavaca. É um suco de limão com alfavaca. Tem um pote com a erva e ao lado duas jarras de vidro onde o suco será servido.
Imagem de Anja🤗#helpinghands #solidarity#stays healthy🙏 por Pixabay

Limonada de alfavaca

Além de extremamente refrescante, essa receita de limonada é extremamente benéfica à saúde. A união das propriedades da alfavaca com as propriedades do limão é praticamente um superssuco que aumentará a sua imunidade!

Ingredientes:

– 01 xícara de chá de suco fresco de limão tahiti;
– 1/3 xícara de chá de açúcar;
– 10 folhas de alfavaca fresca;
– 01 e 1/2 xícara de chá de água.

Modo de preparo:

Em um liquidificador, acrescente todos os ingredientes e bata por 3 minutos, até que as folhas de alfavaca sejam completamente trituradas. Em seguida, coe o suco e beba gelado ou na temperatura que você preferir.

Imagem de receitas com alfavaca.  É um tempero para carnes feito à base de pesto de alfavaca.
Imagem de RitaE por Pixabay

Tempero de carne

Para dar sabor à sua carne com um tempero pronto, você pode fazer esta receita superfácil e armazená-la na geladeira. Evite os temperos industrializados!

Ingredientes:

– 20 folhas de alfavaca fresca;
– 01 ramo de alecrim;
– 100ml de azeite de oliva;
– 01 colher de café de pimenta do reino;
– Sal a gosto.

Você também pode gostar

Modo de preparo:

Em um recipiente, macere as folhas de alfavaca e o ramo de alecrim para que os aromas sejam extraídos. Acrescente o azeite de oliva, a pimenta do reino, o sal e misture. Coloque esta mistura em um pote de vidro. Se você preferir, dobre a receita para que renda mais.

Na hora de preparar a sua carne, basta temperá-la com esta receita e aproveitar os sabores da alfavaca!

Agora que você já sabe os benefícios da alfavaca, do chá de alfavaca e também aprendeu a fazer receitas com essa planta tão benéfica à saúde, compartilhe este artigo com os seus amigos e incentive-os a consumir esta erva tão benéfica ao organismo!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]