Autoconhecimento Psicanálise Psicologia

Como funciona o processo de autoconhecimento?

Mulher de frente ao espelho em um campo com lavandas em mãos
cottonbro / pexels
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Todas as pessoas querem ser felizes. Elas podem obter esse tipo de realização por meio do trabalho, das relações interpessoais, de viagens, de estudos e da construção de uma família. Porém esse caminho pode ser bastante nebuloso e repleto de desafios.

Uma dessas dificuldades é a pressão social. Sempre queremos atender a expectativas que são impostas a nós e, por causa disso, abrimos mão das nossas essências e daquilo que realmente nos faria feliz. Esse cenário pode ser tão acentuado que, em alguns casos, até nos esquecemos de quem somos e aceitamos a realidade que nos é imposta como se fosse a melhor possível. Mas será que existe uma maneira de resolver esse problema?

Com o autoconhecimento, a felicidade que você tanto busca pode se mostrar de forma natural e verdadeira. Para entender mais sobre como esse processo funciona e quais são os meios de praticá-lo, leia atentamente cada tópico do conteúdo que preparamos!

Primeiramente, o que é autoconhecimento?

Autoconhecimento é, como a palavra sugere, o conhecimento de si. De forma mais aprofundada, é compreender qual é a sua essência, quais são os seus desejos, os seus defeitos e as suas qualidades. Por meio dessa investigação, uma pessoa pode se tornar alguém melhor a cada dia, tanto para si mesma quanto para o mundo.

Diferentemente do que se imagina, o processo de se descobrir nunca tem fim. Afinal, todos os anos nós mudamos nossos pensamentos e sentimentos de algum jeito. Às vezes, revemos até os nossos hábitos e estilos de vida. Então o conhecimento sobre nós mesmos que acumulamos antes disso pode se tornar ultrapassado.

Um perfil de rosto humano feito de papel branco amassado com um pedaço de quebra-cabeça recortado
lightwise / 123RF

Logo o autoconhecimento deve ser cultivado e analisado ao longo de toda uma vida. Dessa maneira, estaremos sempre em sintonia com quem somos, buscando uma vida equilibrada e que nos traga felicidade e plenitude. Quanto mais você se conhecer, maior será o seu sucesso na hora de concretizar seus maiores sonhos, tanto na vida pessoal quanto na vida profissional.

Os benefícios de se autoconhecer

Muitas pessoas ainda não têm ciência de todos os benefícios que o fato se conhecer pode proporcionar a alguém. Por causa disso, elas podem postergar o início desse processo. Se isso já aconteceu com você, ou ainda está acontecendo, surpreenda-se com o que o autoconhecimento pode estimular!

1) Organização de planos de vida

Quando não sabemos o que queremos para a vida, é muito difícil organizar projetos e planos a longo prazo. No entanto, com o autoconhecimento, seremos capazes de reconhecer quais caminhos seguir para obter um sentimento de realização. A partir disso, conseguimos nos preparar melhor e focar aquilo que mais desejamos.

2) Desenvolvimento da autoestima

A autoestima de uma pessoa não precisa estar sempre alta. Isso porque todos nós passaremos por momentos difíceis, nos quais nos acharemos menos atraentes, menos capazes ou menos divertidos. Apesar disso, o autoconhecimento nos auxilia a levantar a autoestima, visto que nos ajuda a enxergar quem realmente somos, analisando nossos defeitos e nossas qualidades.

3) Manutenção da saúde mental e física

A saúde física e a mental são igualmente importantes, mas muitas vezes nós as negligenciamos. Isso pode acontecer quando não nos colocamos como prioridade nas nossas vidas e acreditamos que tudo pode ser resolvido depois. Com o autoconhecimento, porém, compreendemos a importância de nos cuidarmos, de realizar exames com frequência e de manter a nossa mente em harmonia com o nosso corpo.

4) Melhoria dos relacionamentos

Time de pessoas com as mãos unidas
Bob Dmyt / Pixabay

Relacionar-se com outra pessoa é um desafio quando não nos conhecemos muito bem. Podemos criar expectativas demais, ou aceitamos atitudes que nos fazem mal apenas para não ficarmos sozinhos. A partir do momento em que o autoconhecimento está se desenvolvendo, entretanto, esse cenário tende a mudar. Saberemos quais são as nossas necessidades e nossos limites, compreendendo o que podemos dar e o que precisamos receber.

5) Controle emocional

O controle emocional é essencial para controlar os sentimentos ruins e evitar que conflitos sejam criados. Mas uma pessoa que não se conhece enfrenta muita dificuldade ao tentar fazer isso. Se você for capaz de entender as suas emoções e se acalmar quando for preciso, o processo de autoconhecimento estará dando muito certo!

Como se autoconhecer?

O processo de autoconhecimento não tem regras. Cada pessoa irá encontrar uma maneira de entrar em contato consigo mesma, e essa é a melhor parte dessa jornada. Você não precisa se apegar ao que outros indivíduos fazem, porque não é isso que realmente importa.

É importante que você lembre que o seu processo de autoconhecimento deve acontecer de acordo com os seus desejos, com o que te deixar mais confortável. Então basta escolher entre um universo de possibilidades. Algumas delas são: ioga, meditação, terapia, escrita de um diário, e muito mais!

Mulher escrevendo diário
picjumbo_com / Pixabay

Para te ajudar nessa jornada, preparamos um passo a passo para o seu processo de autoconhecimento. Nossas dicas são uma inspiração, e não uma obrigação. Respeite o seu tempo e faça somente aquilo que estiver te trazendo um retorno positivo!

O processo do autoconhecimento passo a passo

Agora que você já conhece tantos benefícios de realizar um processo de autoconhecimento, veja como é possível se abrir para esse desenvolvimento. Confira as nossas sugestões e crie as suas maneiras de mergulhar na sua interioridade!

Faça perguntas

Quando nós paramos para pensar sobre alguma coisa, temos a oportunidade de obter conclusões melhores sobre ela. E, para isso, basta fazer perguntas! Questione as suas decisões, a sua felicidade com o seu trabalho, com os seus relacionamentos. Pense sobre como você está se sentindo em determinados momentos do dia e analise-se!

Aprenda com novas experiências

As novas experiências, que nos tiram da nossa zona de conforto, podem parecer assustadoras em um primeiro momento. No entanto, elas nos dão mais repertório para lidar com imprevistos e podem nos ajudar a descobrir como lidamos com diversas situações. Lembre-se disso da próxima vez que tiver a chance de se desafiar!

Comece a gostar de passar um tempo consigo mesmo

Você é uma pessoa que está sempre rodeada de amigos, familiares e amores? Que legal! Isso é muito bom para os seus relacionamentos, para os momentos felizes e para os momentos difíceis. Mas também é importante reservar um tempo só para você. Assim, você vai descobrir do que você realmente gosta, sem precisar se adequar aos desejos de outras pessoas.

Mulher aproveitando a solitude em frente à uma paisagem de campo
Bruno Cervera / Pexels

Invista em livros de autoconhecimento

Os livros de autoconhecimento podem abrir a sua mente para muitas questões que até então você desconhecia. Caso você nunca tenha lido um conteúdo desse tipo, separamos cinco títulos que serão um bom começo:

Faça terapia

Fazer terapia é fundamental para todas as pessoas, não só para aquelas que estão passando por um momento difícil ou que viveram algum tipo de trauma. Então, ainda que você se considere uma pessoa mentalmente saudável, procure auxílio profissional para investigar seus pensamentos, seus sentimentos e sua maneira de lidar com seus problemas!

Registre seus avanços

Em um diário, ou por meio de fotos, você pode registrar o que você está sentindo ao longo dos dias. Como as suas opiniões e os seus projetos mudaram desde quando você começou a ser você? Com essas anotações, você vai perceber que aos poucos está se tornando uma nova pessoa, sempre disposta a aprender.

Reconheça suas qualidades

Quando não passamos muito tempo conosco, temos dificuldade de descobrir no que somos bons e quais são as nossas verdadeiras qualidades. Então dedique-se a um hobby, faça um curso com o qual sempre sonhou e analise como o seu desempenho em algo pode ficar ainda melhor.

Mulher com guarda-chuva amarelo em frente à uma parede amarela
Pexels / Pixabay

Assuma seus defeitos

Reconhecer os nossos defeitos é uma das partes mais difíceis do processo de autoconhecimento, entretanto é essencial. Nós só poderemos ser pessoas melhores se soubermos quais são os nossos pontos fracos – e não precisamos nos envergonhar por tê-los. Aceite as suas imperfeições e melhore o que for possível!

Melhore seus hábitos

Faz parte do autoconhecimento cuidar bem do seu corpo físico. Além disso, o que acontece com ele se reflete na sua saúde mental e no seu bem-estar. Então observe quais são os seus hábitos e perceba se eles estão criando alguma desarmonia na sua saúde. A partir disso, faça as mudanças que precisar, sem medo!

Você também pode gostar

Faça exames de saúde regularmente

Por mais que buscar atendimento médico não seja uma atividade prazerosa e divertida, é algo necessário. Como foi dito anteriormente, é preciso reconhecer o que está acontecendo com o seu corpo, para que você saiba como ter uma vida mais saudável e como se sentir melhor com quem você é.

Levando em consideração todas as informações que apresentamos, compreende-se que o processo de autoconhecimento é fundamental na vida de uma pessoa. Entre as inúmeras formas de realizar esse processo, você pode recorrer a livros, a terapia, a questionamentos e até a um diário. O mais importante é descobrir o que realmente te faz feliz!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]