Saúde da Mulher

Menstruação escura é perigoso?

Imagem de um absorvente branco coberto com glitter vermelho como se fosse sangue.
Serezniy / 123RF
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Independentemente de ser homem ou mulher, você certamente já ouviu alguém dizer que uma menina “virou mocinha”. Essa expressão popular é utilizada para falar sobre as meninas que menstruam pela primeira vez, como um sinal de que se tornaram mulheres, já que agora podem engravidar.

Embora o conceito de que uma mulher só é realmente mulher se for capaz de ter filhos seja bastante patriarcal, essa ainda é a forma mais utilizada para falar sobre a primeira menstruação de uma menina. Porém as felicitações pelo acontecimento desse processo natural do corpo nem sempre vêm acompanhadas de informações sobre o ciclo menstrual.

Ao longo da vida, muitas mulheres crescem sem entender muito bem como o ciclo menstrual se desenvolve, quais são as peculiaridades dele e o que é ou não normal acontecer durante a menstruação, por exemplo. Sem o conhecimento adequado sobre os nossos corpos, perdemos autonomia e podemos prejudicar a nossa saúde.

É por isso que se informar sobre menstruação é uma tarefa diária e importante para o autoconhecimento e para a preservação da integridade física de uma mulher. A seguir você aprenderá mais sobre a menstruação escura. Entenda se o sangue cor de vinho é um sinal preocupante e preste atenção na sua próxima menstruação.

O que significa quando o sangue está escuro?

Em primeiro lugar você deve entender que não há um padrão para o ciclo menstrual. Cada mulher tem uma rotina e uma anatomia, então é possível que a sua amiga tenha uma menstruação mais longa que a sua ou que o seu fluxo seja mais intenso que o dela. Então compare o seu ciclo menstrual apenas consigo mesma.

Para a maioria das mulheres, o sangue da menstruação começa com uma cor de vinho, torna-se vermelho vivo e encerra o ciclo praticamente marrom. Se você notou que o seu sangue, durante a menstruação, está mais escuro do que o normal para o seu ciclo, pode imaginar que isso é um problema. Será que é mesmo?

Mulher de calcinha e sutiã brancos, segurando um coletor menstrual com uma flor vermelha dentro.
Cottonbro / Pexels

Uma menstruação escura não é necessariamente um sinônimo de doença, mas pode estar atrelada a alguns desequilíbrios no organismo. Veja quais são as principais causas da menstruação escura.

1) Gravidez

A gravidez acontece depois que um espermatozoide fecunda um óvulo. Assim que esse processo acontece, o óvulo fecundado deve se prender à parede do útero. A nidação, nome dado a isso, pode provocar um sangramento marrom, rosado ou vermelho-escuro, durante as primeiras semanas de gravidez.

2) Menopausa e/ou alterações hormonais

A menopausa e os problemas de tireoide são fatores que podem levar a uma menstruação escura, visto que os hormônios estão diretamente relacionados à menstruação, e devem estar equilibrados para que o ciclo ocorra normalmente. Se você está entrando na menopausa, tem hipo ou hipertireoidismo, talvez o seu sangue comece a ficar escuro. As alterações hormonais causadas pela ingestão de pílula do dia seguinte ou de pílula anticoncepcional também podem levar a uma menstruação escura.

3) Estresse ou depressão

Você já ouviu falar que períodos estressantes ou depressivos podem alterar o ciclo menstrual, atrasando ou antecipando a menstruação? O estresse e a depressão também são fatores que podem resultar em um sangue escuro durante a fase menstrual. Se esse for o caso, você deve tentar reduzir as atividades que te deixam estressadas e procurar auxílio médico para tratar a depressão da melhor forma possível.

4) Infecções Sexualmente Transmissíveis

Quando contraímos uma IST, Infecção Sexualmente Transmissível, o funcionamento de todo o nosso corpo pode ser alterado, e não seria diferente com o útero. São muitas as enfermidades que atingem a região íntima e que podem tornar mais escuro o sangue da menstruação. Então, se você teve uma relação desprotegida e percebeu que o seu sangue está com uma coloração atípica e com um cheiro forte, o melhor a fazer é procurar auxílio médico, para descobrir se contraiu alguma doença e, se não, qual é a causa do sangue escuro.

5) Endometriose

A endometriose é uma doença que afeta o endométrio, tecido que forma as paredes do útero. Quem sofre desse mal pode apresentar um sangramento escurecido, quase marrom, inclusive fora do período do ciclo destinado à menstruação. É preciso procurar auxílio médico para diagnosticar a doença e para combatê-la, de forma que não prejudique a qualidade de vida da mulher em questão.

A menstruação escura é preocupante se vier acompanhada de outros sintomas, como febre, cheiro forte, dor na região íntima, sangramento fora do período menstrual (chamado de escape), tonturas e palidez, tanto na pele quanto embaixo das unhas. Se o sangue escuro apareceu em somente um dos seus ciclos, provavelmente não há motivo para pânico.

Você também pode gostar

O que contém no sangue vermelho-escuro?

O fator que define a cor do sangue da menstruação é o tempo que o líquido foi exposto ao oxigênio. Se o sangue está exposto há mais tempo, ficará mais escuro, enquanto que, se estiver exposto há menos tempo, ficará mais claro, como em um ferimento.

Absorvente branco com respingos de sangue.
Cottonbro / Pexels

Quando a menstruação apresenta um tom de vermelho bem escuro, praticamente marrom, é comum que ela seja comparada à borra de café. Essa denominação é dada porque esse sangue mais escuro, que demorou mais tempo para sair do útero (e por isso apresenta cor escura), vem acompanhado de coágulos decorrentes da descamação das paredes uterinas, que são naturais e não representam qualquer perigo para o seu corpo.

É comum que você tenha uma menstruação com sangue escuro e com alguns pedaços de tecido. Não há motivo para se preocupar, se isso acontece durante poucos dias ou se só aconteceu em um mês ou outro. Se você sente que há algo errado no seu corpo ou na sua menstruação, porém, não hesite em procurar auxílio médico para identificar um possível problema.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]