Autoconhecimento Empoderamento Feminino Sagrado Feminino

O que significa TPM?

Mulher branca com braços abraçando o colo e segurando calendário
dmvasilenko77 / 123rf
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Ah, a famosa TPM! A tensão pré-menstrual, conhecida também como síndrome pré-menstrual, é uma condição física e emocional caracterizada pelo conjunto de diversas sensações que afetam o físico, o emocional e o comportamento da mulher em um determinado período antes do início da menstruação. Segundo uma pesquisa feita no ano de 2019 pelo Ministério da Saúde, estima-se que cerca de 70% das mulheres sofrem com a TPM no Brasil – é válido enfatizar que os sintomas causados por essa condição não atingem as mulheres de forma igual, eles podem ser sentidos em diferentes graus.

Comumente os sintomas da TPM iniciam-se entre cinco e dez dias antes do ciclo menstrual e somem no início dele – em alguns casos, podem perdurar por até sete dias após o início do sangramento. Não há estudos que comprovem os causadores da TPM, mas muitas pessoas acreditam que ela tenha algum tipo de ligação com a alteração que o ciclo menstrual causa em alguns níveis hormonais e de serotonina. O aumento dos níveis de progesterona e estrogênio, por exemplo, pode resultar em ansiedade e alterações de humor; os esteroides sexuais também afetam as atividades de determinadas partes do cérebro que possuem associação com os sintomas da TPM, assim como alterações nos níveis de serotonina também afetam o humor de forma considerável.

Sintomas e efeitos da TPM no corpo da mulher

Os sintomas da TPM tendem a ser moderados, mas a intensidade deles pode variar de mulher para mulher, assim como de mês a mês. Em alguns casos, os efeitos não afetam significativamente a vida rotineira, mas em outros podem promover um período complicado. Algumas mulheres, principalmente as mais jovens, sentem dores, como cólicas no período da TPM – é importante ressaltar que os sintomas da TPM podem ser mais intensos se a mulher estiver estressada ou perto da menopausa!

Confira alguns efeitos da TPM:

  • Dor abdominal;
  • Mamas doloridas e inchadas;
  • Acne;
  • Inchaço abdominal;
  • Vontade excessiva de comer doces;
  • Cefaleia;
  • Irritabilidade;
  • Ansiedade;
  • Fadiga;
  • Alterações no padrão de sono;
  • Depressão;
  • Tristeza;
  • Sensibilidade emocional excessiva;
  • Diarreia;
  • Constipação;
  • Ondas de calor;
  • Formigamento nas mãos e nos pés;
  • Dor nas costas.

TPM e o Sagrado Feminino

Mulher negra com acessórios coloridos e expressão calma
nappy / Pexels

Como você já sabe, o período menstrual afeta o humor das mulheres, mas existem algumas alterações bem singulares que ocorrem em cada semana desse ciclo que podem ser muito benéficas ao feminino. As semanas do ciclo menstrual são correspondidas pelas fases da Lua, mas infelizmente são poucas as mulheres que possuem uma conexão maior com os ritmos lunares. O ciclo menstrual é um período em que a mulher entra em sintonia com a Mãe Terra, pois ela carrega em seu útero todas as luas, os ciclos lunares, o poder do renascer e da morte. As emoções e o corpo passam por alterações conforme a Lua se movimenta em torno da Terra.

Nas tradições da antiguidade, o período menstrual era considerado como o “tempo sagrado da mulher”, em que ela descansava e se recolhia de todas as suas tarefas para ser renovada. Durante o seu ciclo, o sangue da menstruação é para o corpo o mesmo que a água é para a terra, o que faz com que a mulher seja um grande símbolo de fertilidade, de abundância e de nutrição.

Entenda brevemente como as semanas do ciclo menstrual se relacionam com as fases lunares:

Primeira semana do ciclo – Lua Nova

Nesse momento o ciclo se inicia, juntamente com o alívio progressivo do humor. Assim como a Lua se recolhe nessa fase, é importante que a mulher também repouse, principalmente nos dois primeiros dias de menstruação.

Segunda semana do ciclo – Lua Crescente

Conforme a energia lunar se torna mais evidente, o corpo começa a ficar mais alerta e tolerante à dor. Por isso, é indicado que qualquer procedimento que envolva um certo desconforto, como depilação, por exemplo, seja feito nessa semana – mas em relação ao uso de medicamentos o corpo da mulher se torna mais sensível. Ainda nesse período, o desejo sexual aumenta!

Silhueta de mulher no pôr-do-sol e lua crescente,
Alexandro David / Pexels
Terceira semana do ciclo – Lua Cheia

É nessa fase que a ovulação acontece! Aqui o humor e o desejo sexual estão em ascensão, assim como a Lua está brilhante no céu. Nesse momento as convicções da mulher estão mais firmes e é possível tomar decisões com mais facilidade.

Quarta semana do ciclo – Lua Minguante

Aqui a energia lunar diminui e o corpo feminino começa a se preparar para se recolher até a Lua Nova. É exatamente nessa fase que a TPM chega e as alterações de humor são percebidas. Por isso, é preciso evitar situações desgastantes ou que possam resultar em conflitos. A mulher fica mais sensível à dor e pode sentir diversos dos sintomas citados anteriormente.

É importante ressaltar que essa divisão de ciclos foi feita a partir de um ciclo de 28 dias, mas pode ser usada também em ciclos de durações diferentes – basta dividir o tempo em quatro partes!

Você também pode gostar

TPM e aprendizados

A TPM antecede o ciclo menstrual, que consiste em uma fase de recolhimento da mulher. Por mais que nessa fase possa haver inúmeros desconfortos, é exatamente nesse momento que a mulher entra em contato com a Mãe Natureza e evidencia a sua conexão com o Universo. O ato de se recolher faz com que a mulher respeite o seu tempo, as suas sensações e os seus sentimentos. A TPM ensina a mulher a respeitar o seu próprio tempo, a cuidar do seu corpo e da sua mente.

Como no período pré-menstrual a mulher fica mais sensível, automaticamente a sua intuição se aflora. A TPM é um momento propício para observar a si mesma e encontrar um equilíbrio emocional e espiritual. Mas, assim como é possível acessar boas coisas no seu interior, ao aprofundar-se no seu próprio ser, a mulher também se depara com as suas sombras internas. É nessa hora que o amor-próprio deve ser praticado e o caminho para o perdão é expandido – a mulher acessa os seus vícios, medos e todas as sensações desconfortáveis, e tem a possibilidade de evoluir.

A Lua possui inúmeras energias, e durante a TPM a Feiticeira potencializa as energias lunares e as torna mais acessíveis ao mundo externo. Dentro desse contexto, a percepção feminina se torna mais aguçada, seja ela em pensamentos, emoções, ambientes etc. Já quando o assunto é a Mãe Terra, nessa fase de tensão a mulher é nutrida e consegue expressar a sua força de criação.

A mulher é fonte de poder, e a TPM é um momento de transformação que torna possível uma conexão maior dela com o seu espírito e suas energias.

Como lidar com a TPM?

A primeira coisa que deve ser feita para lidar com a TPM de forma harmoniosa é entender o que ela representa e respeitar o seu tempo. Entenda que você sentirá alterações de humor, no corpo, e mesmo assim as coisas estarão bem! Você precisa se permitir sentir o que esse ciclo lhe oferece, encarar o seu período de reclusão para que o seu corpo e a sua mente sejam renovados.

Mulher branca segurando coletor menstrual com uma rosa dentro.
cottonbro / Pexels

Os sintomas da TPM podem ser desconfortáveis, mas é possível adotar medidas bem simples para amenizá-los e até mesmo para curtir essa fase mais emocional e sensível. Você sente vontade de comer doce? Coma, mas sem exageros! Você está irritada e sente a necessidade de ficar sozinha? Fique! Faça coisas de que você gosta e que lhe promovam bem-estar. Você está sensível? Chore! Não se culpe nem se cobre muito nesse momento. Aproveite as energias lunares para beneficiar o seu interior!

Meditar, inalar óleos essenciais na prática da aromaterapia, usar roupas confortáveis, regular a alimentação, praticar exercícios e até mesmo fazer uma meditação guiada por aplicativos de celular pode amenizar os sintomas da TPM.

Se os efeitos dessa tensão forem muito intensos, converse com as pessoas que fazem parte do seu convívio. Avise que você está mais suscetível às explosões sentimentais ou à irritabilidade. O período pré-menstrual é um momento totalmente SEU, e VOCÊ pode decidir como passará por ele.

Quando se deve procurar um médico?

Se você não consegue controlar a TPM apenas com alterações na sua rotina, marque uma consulta com um profissional da área – ginecologista ou endocrinologista – e relate os seus sintomas. Anote a data da última vez que você menstruou, o nome do anticoncepcional que você toma (se tomar) e o nome dos medicamentos que você utiliza frequentemente. Além disso, existe um transtorno chamado TDPM (transtorno disfórico pré-menstrual), que consiste em uma variação mais grave da TPM e que apresenta sintomas mais intensos, podendo afetar relacionamentos e o trabalho. Procurar ajuda médica é uma opção extremamente válida, que pode ser de grande auxílio para esclarecer qualquer dúvida e aliviar os seus sintomas.

Três mãos femininas segurando um pote cor de rosa com desenhos vermelhos.
The Female Company / Unsplash

Agora que você já sabe o que é, como a TPM funciona e o que ela representa dentro do Sagrado Feminino, respeite esse momento e fuja da demonização que a sociedade faz sobre essa fase feminina. Os ciclos pré-menstrual e menstrual são períodos importantes na vida da mulher e proporcionam muitas coisas boas para o seu ser. A mulher é forte, guerreira e está em constante evolução!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]