Nutrição Nutrição Energética Receitas

Pitanga e a força do feminino

pitanga
Juliana Luz
Escrito por Juliana Luz
Ser mulher nos dias atuais não é tarefa das mais fáceis. Juntamente com a almejada independência, vieram novas responsabilidades que se acumularam com as antigas: maternidade, casamento, carreira, sucesso, beleza (com padrões cada vez mais rígidos), estudos, etc.

Sim, damos conta de tudo! Mas permitimos sermos cobradas e nos cobrarmos cada vez mais. Com isso, a autômata da perfeição para todos os setores de nossas vidas nos traz um caos emocional, já que obviamente nunca estaremos satisfeitas com os resultados, acarretando sofrimento e sensação de incapacidade.

Todas essas cobranças e barulho interno distanciam cada vez mais a mulher de sua essência interna, daquela energia que alimenta, nutre, cria, conquista e ama: a força do feminino.

É comum encontrarmos mulheres em diversas situações, executivas de grandes empresas e administradoras do lar, com os mesmos problemas: a desconexão com o fogo do feminino, a falta de sintonia com sua intuição, criatividade e poder transformador. Mais comum ainda nos dias de hoje são mulheres com problemas ovarianos, uterinos e de fertilidade. Mas como a nutrição energética pode contribuir para essa reconexão?

Esse rompimento da mulher com sua força do feminino atinge em especial o ponto energético que temos próximo ao umbigo, chamado chacra umbilical. Esse ponto vital é regido pelo elemento fogo, que nutre e nos conecta com a nossa essência feminina.

Nessa região, encontramos o útero e órgãos relacionados ao feminino. Quando nos esquecemos de nossa essência, normalmente esse ponto energético nos dá um aviso, que pode ser físico (como dores, problemas menstruais, falta de libido e patologias relacionadas), emocional (irritabilidade excessiva, choro muito solto ou seco, frieza e racionalidade em excesso) e energético (cansaço, falta de vontade, sono e depressão).

Para esses casos, é nítido que essa conexão precisa ser fortalecida. E o alimento, que para a nutrição energética melhor tem sintonia com esse ponto energético, é a pitanga. Essa pequena fruta alaranjada tem uma energia muito forte do elemento fogo, especificamente de cura do feminino.

pitanga

A pitanga fortalece o ponto energético umbilical, permitindo que a mulher se conecte com sua Afrodite interna, nutrindo a energia da criatividade, entusiasmo e autoestima. Engana-se quem pensa que essa energia é frágil e descartável para o padrão “masculinizado” dos dias de hoje. A força da mulher não é bruta, mas ela é capaz de transformar o mundo com um batom vermelho nos lábios e com o mais poderoso dos poderes: o amor.

Empodere-se com a pitanga, mulher!

Água aromatizada para o feminino

– 1 litro de água filtrada
– 20ml de água de rosas
– 5 pitangas levemente maceradas

Misturar todos os ingredientes em uma jarra e tomar ao longo do dia.

 

Sobre o autor

Juliana Luz

Juliana Luz

Nutricionista, terapeuta holística e astróloga. Atende em consultório com aconselhamento terapêutico, é facilitadora de cursos de gastronomia saudável, nutrição energética, autoconhecimento, ginecologia natural e círculos de mulheres, sendo uma das idealizadoras do projeto “Lua Azul - Despertar do Feminino”.

Pioneira em Nutrição Energética no Brasil e uma das sócias da empresa Cozinha da Iaiá – Geleias Terapêuticas .

Difunde a ideia de que o alimento nutre, não somente o corpo físico, como também fortalece a alma, por meio do equilibro físico, emocional e energético.

Contatos:

E-mail: [email protected]
Facebook: Cozinha da Iaiá | Julliana luz | Julliana Luz Terapeuta
Instagram: @cozinhaiaia | @jullianaluz_terapias
Celular : 11 9 4811 9149 (WhatsApp)
Site: www.nutricaoenergetica.com.br (Em breve)