Autoconhecimento

8 atitudes de quem tem depressão, mas não demonstra

Pessoa com um quadro na frente do rostocontendo uma carinha triste
Stevanovicigor / Getty Images Pro / Canva
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em dados de 2017, a depressão afetava cerca de 4,4% da população mundial e 5,8% da população brasileira. Esses números alarmantes ainda não são suficientes para vencer o tabu que ronda a doença.

O senso comum defende que as doenças que não podem ser percebidas a partir de sintomas físicos não merecem a mesma atenção que essas outras. Acreditam que uma doença que se desenvolve na mente e que compromete os sentimentos e os pensamentos de uma pessoa não é tão importante assim.

Infelizmente, o desconhecimento sobre o que é depressão e sobre os efeitos da doença ainda dificultam o tratamento de quem está passando por isso. Em um esforço de conscientizar a sociedade e de alertar quem apresenta os sintomas da doença, preparamos um artigo elucidativo sobre ela.

A seguir, entenda em detalhes tudo que diz respeito a esse tema, saiba identificar uma pessoa que sofre de depressão e descubra o que é possível fazer para ajudar alguém que foi afetado pela doença. Amplie seus conhecimentos e compartilhe o que aprender para que a depressão deixe de ser um tabu!

O que é depressão?

Mulher depressiva abraçando os joelhos.
RyanKing999 / Canva

Depressão é o nome de uma doença psiquiátrica e crônica. Ela é caracterizada por uma tristeza profunda, que também pode se manifestar como dor, desesperança, desânimo, culpa, baixa autoestima, insônia (ou sono exagerado), falta de apetite ou necessidade de comer com frequência.

É importante salientar que a depressão não é a mesma coisa que tristeza. Uma pessoa se sentirá triste se for demitida, se perder alguém, se terminar um relacionamento ou se passar por um acontecimento negativo, mas isso não é, necessariamente, depressão. A seguir, veja quais são as possíveis causas dessa doença!

O que causa depressão?

Muitas pessoas acreditam que a causa da depressão é ocorrência de algum evento triste. No entanto a depressão nem sempre é gerada por fatores externos. Ela pode ser genética, desencadeada a partir de acontecimentos traumáticos, por estresse físico e psicológico, pelo consumo de drogas (lícitas e ilícitas), pelo uso de medicamentos, por outras doenças, como o hipotireoidismo e por uma oscilação hormonal.

É a partir da análise das causas da doença que podemos identificar como ela se diferencia de um simples estado de espírito. A depressão pode se manifestar a partir de alterações físicas no corpo, como no caso das alterações hormonais e do uso de medicamentos. E as consequências que elas trarão também terão efeitos nesse âmbito, não só na maneira que alguém se sente.

Como saber que eu tenho depressão?

Mulher sentada com os olhos fechados e as mãos sobre o rosto
MasimbaTinasheMadondo–1388843 / Pixabay / Canva

Uma vez que você sabe quais são os fatores que podem causar depressão e como ela se diferencia de uma sensação de tristeza, é possível aprender a identificar se você está sofrendo com essa doença. É preciso ressaltar que o diagnóstico para depressão só pode ser feito por um profissional da saúde, então procure auxílio médico.

Para começar a desconfiar de que você pode ter depressão, preste atenção aos seguintes sinais: sentir-se deprimido todos os dias, falta de interesse para realizar qualquer atividade, mudança de peso não intencional, alteração no sono, agitação de partes do corpo diariamente, fadiga, sentimento de culpa, dificuldade para se concentrar, queda na libido, baixa autoestima e pensamentos suicidas.

Se você apresentar qualquer um desses sintomas, o mais indicado é que você peça ajuda para uma pessoa confiável ou que você procure auxílio médico imediatamente. Assim, você saberá com certeza o que está acontecendo no seu corpo.

Atitudes de quem tem depressão e não demonstra

Caso você conviva com uma pessoa querida que está agindo de uma maneira diferente do normal, é possível que a depressão esteja se desenvolvendo nela. A seguir, veja quais são as atitudes de quem tem depressão e não demonstra.

1) Simulação de felicidade

É comum que uma pessoa que sofre de depressão tente ocultar a doença quando está em público, já que ela ainda é alvo de muitos estigmas. Então pode parecer que essa pessoa está sempre feliz, mas, na verdade, essa felicidade é apenas uma simulação.

2) Irritabilidade constante

Pessoa sentada nas escadas com as mãos sobre o rosto.
Pixelfit / Getty Images Signature / Canva

Irritar-se com facilidade, em geral, é um sinal de que há algo errado no seu organismo. Esse é um dos sintomas da depressão, já que a partir dela uma pessoa perde o prazer de desenvolver qualquer atividade. Essa falta de vontade é o que pode levar a uma irritação constante, com coisas pequenas ou até com pessoas queridas.

3) Alteração na sensibilidade

Uma pessoa que sofre de depressão pode parecer desconectada de quem está ao redor dela. Assim, dificilmente ela conseguirá demonstrar alegria, prazer, carinho, afeto ou até mesmo sentimentos negativos, como tristeza e decepção. Como ela se sente deprimida o tempo todo, os outros sentimentos ganham menos espaço.

4) Redução do ritmo

Alguém que foi diagnosticado com depressão sente um desânimo e uma fadiga intensos, que parecem nunca ter fim. Então você pode perceber que essa pessoa não tem a mesma energia de antes, que ela não realiza as mesmas atividades que fazia e que não se interessa por tarefas que demandam muito esforço.

5) Alteração na alimentação

Uma pessoa depressiva pode se alimentar demais ou com pouca frequência. Talvez ela sinta necessidade de comer para buscar determinada sensação e para ter prazer em alguma coisa, mas também pode acreditar que comer não é uma atividade essencial. Alterações na alimentação são indícios de depressão, mas também de transtornos alimentares.

6) Recusa de convites

Se você costumava fazer uma atividade com frequência com uma pessoa e de repente ela parou de se interessar por isso ou passou a dizer que não sente mais vontade de te acompanhar, é possível que ela esteja desenvolvendo depressão. Com essa doença, os gostos e os hobbies de uma pessoa podem ser comprometidos, fazendo com que ela recuse convites que antes aceitava sempre.

7) Oscilações de humor

Homem triste olhando pensativo pela janela.
Marjan_Apostolovic / Getty Images / Canva

Todas as pessoas passam por oscilações de humor em determinados momentos do dia, de acordo com o que acontece nas vidas delas. Porém uma pessoa que sofre com depressão vive isso com muita intensidade. Em um dia ela está muito feliz e animada, enquanto no outro ela está desesperançosa e profundamente triste. É importante observar esse tipo de comportamento.

8) Demonstrações de culpa

Pedir desculpas excessivamente e acreditar que não é boa o suficiente para fazer qualquer atividade são sintomas de uma pessoa depressiva. Ela acredita que todos os problemas que estão acontecendo são culpa dela e que ela não é capaz de resolvê-los. Preste atenção em quem parece estar passando por isso!

Como ajudar uma pessoa com depressão?

Ajudar uma pessoa com depressão é um trabalho para profissionais da saúde. Muitas vezes acreditamos que podemos ouvir o que essa pessoa tem a dizer e dar alguns conselhos, mas a depressão é uma doença. Se uma pessoa estivesse com uma doença na saúde física, por exemplo, você tentaria ajudá-la ou recomendaria que ela fosse ao médico?

Por melhor que seja a sua intenção, não se ofereça para tratar a depressão de quem você ama. É preciso entender o que está causando a doença e qual é a maneira correta de tratá-la. Somente alguém com estudo pode fazer isso. Então, se você se preocupa com essa pessoa, ajude levando-a a um psicólogo.

Você também pode gostar

Mostre para ela que você está ao lado dela e que fará de tudo para acompanhá-la no tratamento adequado, além de que ela pode contar com você para procurar ajuda nos momentos de crise. Mas lembre de deixar explícito que você não tem capacidade para fazê-la se sentir melhor a longo prazo e que o acompanhamento profissional é a melhor solução.

A depressão é uma doença que pode se desenvolver de maneira silenciosa, mas que trará consequências graves para quem a tem, podendo afetar a saúde física. Fale sobre depressão, recomende tratamento médico para quem está sofrendo com os sintomas apontados e garanta que a sociedade converse mais sobre esse tema.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]