Aromaterapia Saúde Integral

Aromaterapia: para quê serve cada aroma?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras



A história da aromaterapia tem mais de 6 mil anos e há relatos de utilização pelos povos do Egito, Roma e Grécia. Os óleos essenciais são a base desta terapia integrante da osmologia, estudo dos aromas e odores.

A técnica harmoniza casas, alivia dores físicas e problemas emocionais e também é usada em tratamentos estéticos. Fato pouco conhecido é que, na França, a terapia é usada para prevenir infecções hospitalares.

A aromaterapia chegou a Europa durante as Cruzadas, e países como a Alemanha produziam óleos com ervas da África e do Extremo Oriente. No Brasil, os primeiros passos foram em 1925, com a extração do pau-rosa.

Os aromas mais conhecidos são:

  • Citronela: repelente de insetos.
  • Jasmim: bastante empregado em residências, alivia tensões emocionais e ainda é afrodisíaco.
  • Canela: afrodisíaco, o óleo essencial de canela é comum em motéis. O aroma ainda é indicado para resfriados e dores reumáticas.

Mas, existem vários outros óleos essenciais! Confira aqui para que serve cada aroma e coloque um deles em sua rotina:

Alcaravia: combate a enxaqueca, problemas intestinais e digestivos, e estimula o sistema respiratório e cardíaco.

Âmbar: auxilia na comunicação, prosperidade e vida amorosa.

Anis: é afrodisíaco, diurético, expectorante e aumenta a produção de leite.

Artemísia: regula o ciclo menstrual, epilepsia, convulsão.

Benjoim: alivia a tosse, dor de garganta, bronquite e artrite reumatoide.

Bergamota: combate a halitose, acne, herpes e problemas respiratórios.

Bétula: auxilia no tratamento do reumatismo, artrite, colesterol, cálculo renal, elimina toxinas, estimula a produção de glóbulos brancos.

Cânfora: indicado para problemas respiratórios, relaxamento muscular, varizes, celulite.

Capim Limão: bom para a concentração, é indicado para crianças agitadas.

Cravo: é afrodisíaco, diminui problemas respiratórios e ajuda na memória e meditação.

Grapefruit: auxilia no tratamento da depressão, circulação sanguínea, sistema nervoso, de pele e emagrecimento.

Gengibre: afrodisíaco, alivia dores musculares, diarreia e melhora as vias respiratórias.

Lima Mexicana: alivia a insônia, digestão, circulação, celulite.

Louro: combate a queda de cabelos, problemas de pele, afta, sinusite.

Mandarina: auxilia no alívio da má digestão, insônia, frieiras, retenção de líquidos.

Manjericão: combate a enxaqueca, fadiga mental, problemas urinários e estomacais.

Mirra: ajuda no tratamento da endometriose, regula ciclo menstrual, artrite e reduz o envelhecimento da pele.

Neróli: afrodisíaco, ajuda no combate à insônia, depressão e ativa o chakra cardíaco.

Olíbano: alivia crises de pânico, hipertensão, inflamações e traz relaxamento.

Toranja: atua no combate à depressão, sintomas da menopausa, problemas no fígado e celulite.

Quando começar a usar os óleos, conte para nós! Para saber mais sobre aromaterapia, confira no site: Óleos essenciais para cura e equilíbrio e Lavanda para insônia


Texto escrito por Sumaia de Santana Salgado da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]