Energia em Equilíbrio Meditação

Comprovação da meditação pela ciência

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Para muitas pessoas, a receita para se livrar de problemas e doenças é simplesmente fechar os olhos e conectar-se consigo mesmo. A meditação é uma prática muito frequente e vem demonstrando grandes resultados ao longo dos anos. Ultimamente a ciência está descobrindo que os benefícios da meditação são muitos e que, comprovadamente, eles vão muito além só do relaxamento.

A meditação começou na Índia e foi difundida em toda a Ásia, popularizando-se no ocidente com a ajuda do guru Maharishi Mahesh Yogi, que chegou até a convencer os Beatles a atravessarem o planeta para aprenderem como meditar da maneira correta.

Até a década passada essa prática não era considerada válida pelos médicos e pela ciência em geral. Com o passar dos anos, através de exames comparando quem fazia e quem não fazia meditação, a ciência passou a entender o porquê de a meditação fazer tão bem à saúde e realmente demonstrar resultados expressivos na melhora de pacientes com alguma patologia.

shutterstock_152265941Apesar de apresentar diferentes técnicas de meditação, o efeito final produzido no corpo humano é o mesmo. Falando em termos técnicos, a meditação aumenta a atividade do córtex cingulado anterior (área totalmente responsável pela atenção e concentração), do córtex pré-frontal (ligado à coordenação motora) e do hipocampo, área responsável por armazenar a memória. Além de estimular o cérebro, a meditação também estimula a amígdala, que é responsável por regular as emoções e, quando é acionada, acelera o funcionamento do hipotálamo, área responsável pela sensação de relaxamento.

Ao mesmo tempo, é preciso cuidado. Não podemos tratar a meditação como salvadora de todos os problemas pois a comprovação científica é bem específica. Para a ciência, a meditação auxilia na redução do estresse, traz melhorias para o sistema cardiovascular, trata de maneira eficaz a insônia e os distúrbios mentais, é um poderoso aliado no alívio da dor, reforça o sistema imunológico e melhora a concentração. Qualquer melhora em outras patologias que não essas, não são comprovadas pela ciência, mas podem sim serem frutos de uma prática de meditação constante.


  • Escrito por Marcela Cappato da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]