Saúde Integral

Dieta auxiliar na Síndrome do Intestino Irritável

Érica Galli
Escrito por Érica Galli

A síndrome do intestino irritável é um conjunto de sintomas que se manifesta muitas vezes sem alterações nos exames de laboratório e imagem, porém a intensidade deles levam o portador ao desespero, à depressão, à ansiedade, ao isolamento social, entre outras inconveniências. Porém, a Síndrome tem causa psicossomática, ou seja, é “ativada” por um problema emocional, gerando assim um ciclo vicioso onde problemas emocionais levam aos sintomas e os sintomas agravam os problemas emocionais. A síndrome pode se apresentar de três formas: Constipada, Diarreica ou Mista (ou seja, alterna entre um e outro). Para controlar a crise, é essencial que se cuide do emocional (ou seja, elimine a causa do problema), mas também da alimentação, já que é um período onde o sistema digestivo está mais sensível.

Para os diarreicos, recomendo:

Fresh vegetable smoothie on wooden table. Tomato, cucumber, carrot. Top viewLeite de arroz caseiro (comprado tem muito conservante): é superbarato e fácil de fazer, a receita pode ser encontrada na internet. Pode tomar 3 a 4x ao dia, durante o café, o lanche ou intervalo das refeições. Cuidado se você for diabético (muito carboidrato).

Chá de camomila + erva doce ou funcho + hortelã + cidreira (3x ao dia sempre frios).

Granola (seca) sem leite ou iogurte: pode ser com uma fruta (banana ou maçã, por exemplo) ou pura mesmo.

Arroz sem tempero, apenas com água e sal, peito de frango cozido ou grelhado com temperos naturais (cebola, alho, cheiro verde), peixe grelhado ou assado.

EVITAR:

Laticínios, feijão, gordura animal, margarina, doces, refrigerante e suco industrializado, verduras, legumes como beterraba, abóbora madura, berinjela, etc., que costumam soltar o intestino.

Para os constipados, recomendo:

Abóbora madura à vontade (doce, no feijão, sopa, refogada etc.), beterraba, berinjela, verduras principalmente o alface e o almeirão.

Ameixa, mamão, abacaxi

Muita água

Chá de rosa branca, hibisco, hortelã, erva doce, camomila (sempre mornos)

Iogurte natural, Yakult e outros probióticos como o kefir, por exemplo

EVITAR:

Fibras secas como a granola principalmente, preferir as fibras que provêm de frutas, legumes e verduras frescas, proteína em excesso (carnes, ovos etc.), não exagerar no arroz nem consumir leite de arroz. E, lembre-se, atividade física ajuda em ambos os casos, pois melhora a circulação sanguínea, reduz o estresse, melhora o peristaltismo, entre outros benefícios. A meditação também ajuda a relaxar e, com isso, controlar a vontade ou não de evacuar de causa emocional.

Sobre o autor

Érica Galli

Érica Galli

Natural de Amparo-SP, mora em Pedreira SP.

Graduada em Enfermagem (Trabalhou por quatro anos em um Posto de Saúde da Família na cidade de Pedreira).

Terapeuta Holística há cerca de seis anos, trabalha com diversas modalidades presenciais ou via Skype, entre elas:

- Psicoterapia Holística, Terapia de Vidas Passadas, Homeopatia, Florais de Bach e St. Germain, Ayurveda, Reiki Usui e Xamânico, Fitoterapia, Cromoterapia.

Estudiosa dos assuntos relativos a Espiritualidade, Metafísica, Poder da mente, entre outros há mais de dez anos.

Mantém o projeto “Terapia Solidária”, o qual visa levar atendimento terapêutico de qualidade a pessoas que precisam ou tem vontade de conhecer os métodos, porém não possuem condições financeiras para o custeio das sessões. O projeto dá nome a página do Facebook, que contem matérias sobre diversos assuntos relacionados a saúde e espiritualidade.

Telefone: (19) 9.9184-7564 via Whatsapp (para agendar atendimento e para tirar dúvidas relativos ao mesmo)
E-mail: [email protected]
Facebook: Terapia Solidária