Budismo

Tudo sobre o Festival de Wesak

Estátua de buda meditando.
Wang Shuang / 123RF
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Se você não é budista, é provável que nunca tenha ouvido falar do Festival de Wesak, mas sabia que esse é um dos eventos mais importantes do calendário oriental para aqueles que seguem o budismo?

O Festival de Wesak, segundo a sabedoria budista, é o momento mais significante do ano, porque é quando as forças celestiais se manifestam na Terra. Considera-se que é quando o próprio Buda envia uma bênção para a Terra. Descubra, neste artigo, as origens, o significado e como celebrar o Festival de Wesak, além da relação dele com a Astrologia!

O que é o Festival de Wesak?

Segundo a tradição budista, o Festival de Wesak é a data mais especial do calendário dos fiéis dessa religião, porque é nesse dia que Buda desce espiritualmente à Terra, durante uma lua cheia, derramando bênçãos, esperança e energias positivas sobre toda a humanidade. Em sinhalese (idioma do país Sri Lanka), Wesak (ou Vesak) é o mês lunar que acontece entre os meses de abril e maio do calendário gregoriano, que é o nosso calendário.

A forma mais comum de celebração do Festival de Wesak é meditar de maneira intensa e fervorosa, não apenas como se medita em dias comuns, pedindo a Gautama Buda aquilo que está em seu coração, mas, acima de tudo, agradecendo as coisas boas que foram recebidas ao longo do ciclo anterior.

O calendário budista tem algumas datas chamadas Uposatha, que pode ser traduzido como “dia de observância”, isto é, um dia em que é necessário estar mais interiorizado e voltado a práticas espirituais como introspecção, reflexão e meditação.

Em algumas regiões dos países Bangladesh, Camboja, Índia, Laos, Myanmar, Nepal, Sri Lanka, Tailândia, Vietnã e China, o Festival de Wasek, também chamado de Dia de Buda, é considerado feriado.

A origem do Festival de Wesak

Em 1950, na primeira conferência da World Fellowship of Buddhists (Associação Mundial de Budistas, em tradução livre), realizada no Sri Lanka, o conselho desse órgão decidiu escolher a lua cheia do mês de Wesak/Vesak como o aniversário de Buda. Essa foi apenas uma formalização dessa celebração, que já acontecia tradicionalmente há séculos.

Como celebrar o Festival de Wesak?

Cada país, região ou comunidade em que o budismo está presente celebra essa data de uma forma, e a celebração varia até mesmo de fiel para fiel, mas o mais comum é que sejam feitas meditações longas e fervorosas, em que todos os desejos, temores, esperanças e agradecimentos são expostos, para aproveitar-se da presença espiritual de Buda entre nós.

Em alguns lugares, os budistas usam somente roupas brancas na data, decoram suas casas com lanternas e despejam água sobre os ombros de suas estátuas de Buda, um símbolo de que todos precisam limpar suas mentes e suas vidas do medo, da raiva e do apego. Energias de amor, consciência e sabedoria são emanadas durante esses momentos meditativos, com o objetivo de atrair iluminação e sabedoria.

Monge tocando tigela tibetana.
Magicbowls / Pexels

Outras duas práticas comuns são oferendas a Buda e também a realização de uma puja especial. A puja é uma cerimônia em homenagem a Ganesha, um dos deuses mais conhecidos do budismo e divindade mais popular na Índia. Nesse ritual, mantras sagrados são entoados, incensos e lamparinas perfumam e iluminam o ambiente e flores são oferecidas a essa deidade, além de coco, doces indianos e o dhal, um prato indiano feito com lentilhas, legumes batidos e grão-de-bico.

Por fim, realizar boas práticas neste dia, como ações de solidariedade, doação e ajuda, é comum entre os budistas. Como as energias espirituais emanadas pela presença espiritual de Buda são bastante positivas, é proveitoso também emanar vibrações positivas e amplificar essa corrente de energia boa.

O Festival de Wesak em 2021

No ano de 2021, o Festival de Wesak vai acontecer exatamente em 27 de abril, às 00h31, que é quando ocorre uma lua cheia. No Brasil, aqueles que quiserem se beneficiar da energia dessa data devem começar suas meditações e rituais na noite de 26 de abril.

No ano de 2022, o Festival de Wesak vai ocorrer em 7 de maio.

Meditação no Festival de Wesak

Independentemente de você ser budista, o dia do Festival de Wesak é bastante propício para meditação, porque acontece no início de uma lua cheia. Existem ciclos de fluxo e refluxo de energia espiritual, e um desses ciclos está ligado às fases da Lua — esse ciclo é conhecido como ritmo plenilunar. O ápice desse ciclo de energia lunar, também chamado de maré alta, é a lua cheia, tempo em que a canalização de energia passa por um momento ímpar, especialmente se houver meditação em grupo.

Estátua de monge meditando.
Mike / Pexels

Se você dedicar uma parte do seu dia à meditação nessa data especial, portanto, vai fazer parte de um movimento de canalização de energia global, já que milhares — talvez milhões — de pessoas vão estar meditando ao mesmo tempo, pelo mesmo motivo.

O Festival Wesak e a Astrologia

Além de ser o dia do Festival de Wesak e, consequentemente de uma lua cheia, o dia 27 de abril de 2021 terá outra particularidade, que é o acontecimento de uma Superlua.

A Superlua é uma lua cheia, mas muito maior do que a lua cheia comum. Estima-se que ela fique 15% mais brilhante e 7% maior do que a lua cheia tradicional. Esse evento especial ocorre entre uma e seis vezes ao ano, dependendo do ciclo astronômico.

Essa Superlua de 27 de abril de 2021 ocorre com Urano e Aquário presentes no ascendente, trazendo muitas questões para aqueles que acreditam na Astrologia. Confira no tópico a seguir o que os astros nos dizem sobre essa data.

Significado da Superlua

Como ocorre com Aquário e Urano como ascendentes na base e estão em conjunto na casa 4 (representante do lar e da família), essa Superlua pode trazer acontecimentos impactantes, como sustos, reviravoltas e surpresas. Além disso, acontecimentos com grande repercussão e que fogem a qualquer controle, bem como revoltas e agitações repentinas, podem surgir nessa data ou próximos a ela.

Saturno, que está em tensão com Urano, traz uma energia de depressão, crises ou contenção, então traz algum desânimo, mas também mudanças ou desistências diretamente ligadas à estrutura de nossas vidas.

Nos dias próximos à Superlua — já que ela continua tendo influência por até 14 dias após sua ocorrência — evite tomar atitudes radicais e correr riscos que não sejam absolutamente necessários, bem como posturas imprudentes e impulsivas. É importante se comunicar bem, especialmente com a pessoa com quem você se relaciona romanticamente, porque Mercúrio (o planeta da comunicação) e Vênus (o planeta do amor) também estão nessa configuração tensa da Superlua.

Enfim, o Festival de Wesak é uma importante celebração do calendário budista, um dia em que podemos nos conectar com a vinda espiritual de Buda para a Terra. Rituais e celebrações podem ser realizados, mas o essencial é meditar e estar na presença dessa energia positiva, mentalizando seus desejos e agradecendo. Independentemente da sua religião, faça uma meditação nesse dia e aproveite para se interiorizar!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br