Categoria - Alimentação de animais

A nutrição é fundamental para os animais tanto quanto para nós. É importante que a alimentação seja balanceada e adequada para cada animal. Os animais de corte, ou seja, destinados ao consumo humano, exigem muita atenção ao manejo dos elementos contidos em sua nutrição, pois além de poder prejudicar o animal, tudo o que ele come pode influenciar diretamente no ser humano. Quando se trata de animais domésticos, como cães e gatos, também é necessária atenção ao que o bicho vai ingerir, apesar de eles serem como parte da família, não podem se alimentar das mesmas coisas que a gente. O olhar de pidão do seu pet pode ser muito intimidador, mas você não pode atender a todos os desejos dele. Preste atenção a esses alimentos que podem ser nocivos ao seu bichinho de quatro patas:

Alho e cebola: podem causar danos oxidativos aos glóbulos vermelhos, anemia e danos aos rins. Ao ingerir, o seu animal pode sentir fraqueza, dor de estômago e causar sangue na urina.

Chocolate: o nosso queridinho pode prejudicar o pet! Ingeridas em grandes quantidades, a cafeína e a teobromina podem ser letais. Vômito, aumento da frequência respiratória, irritação e dores abdominais podem ser consequência do consumo desse alimento.

Abacate: o fruto como um todo é tóxico para o animal e o caroço pode acabar causando sufocamento.

Uvas: a fruta e seus derivados podem causar insuficiência renal em cachorros e gatos, insuficiência hepática, vômitos, diarreia e pode ser letal.

Milho na espiga: o animal não sabe diferenciar qual parte pode comer, corre-se o risco de ele ingerir a espiga.

Existem outros alimentos que podem fazer mal, como comida vencida, laticínios, salmão cru, fígado, macadâmia, frutos com caroço, frango, café, entre outros. Por isso, tenha sempre atenção ao que está oferecendo ao pet e também não deixe ao alcance dele o que não pode ser ingerido.

Não encontramos o que está procurando. Tente a nossa busca.