Energia em Equilíbrio Yoga

Dia Internacional da Yoga: aprenda mais sobre esse marco histórico

Já ouviu falar sobre o Dia Internacional do Yoga? A data foi criada em 2014 e, no ano seguinte, a primeira celebração foi realizada, reunindo milhares de praticantes ao redor de todo o mundo. A comemoração, estabelecida pela ONU, tem objetivos muito bonitos e benéficos para toda a população. Veja mais sobre essa comemoração!

O Yoga é uma prática extremamente antiga que busca auxiliar as pessoas a viverem de maneira mais plena e autoconfiante por meio da conexão da mente, do corpo e da alma.

Com origem na Índia, esse estilo de vida transforma a relação das pessoas com o mundo e com elas mesmas. Mais do que isso, proporciona uma série de benefícios aos seus praticantes que, é claro, levam em consideração diferentes áreas de seus organismos.

Porém, apesar de possuir mais de 5.000 anos de existência, foi somente em 2014 que o Dia Internacional da Yoga foi estabelecido pela ONU (Organização das Nações Unidas), sendo que sua primeira celebração oficial ocorreu em 2015.

O que fez com que a sociedade finalmente reconhecesse a importância dessa prática de forma mundial? Por que essa data foi escolhida? Quais são os seus objetivos? Você encontra a resposta para estas e outras perguntas aqui. Continue lendo, pois sua evolução pessoal depende disso!

Por que é comemorada essa data?

A criação do Dia Internacional do Yoga partiu do primeiro-ministro da Índia e se transformou em uma das iniciativas com maior taxa de aprovação: mais de 170 países apoiaram essa causa.

De acordo com a ONU, essa celebração é importante pois trata de um estilo de vida que promove a saúde física e mental, além do amor ao próximo, do desenvolvimento da consciência, da sabedoria e da espiritualidade.

Em um mundo em que cada vez mais pessoas sofrem com diferentes condições e no qual o aumento dos índices de depressão, ansiedade e burnout é exponencial, apoiar, divulgar e estimular esse tipo de prática é extremamente necessário para o bem-estar de toda a população.

Além disso, essa comemoração também estimula a busca por métodos alternativos e holísticos, mas eficazes. Ou seja, fomenta o respeito por diferentes práticas e culturas.
Curiosamente, o Dia Internacional do Yoga foi estabelecido em 21 de junho, no Solstício de Verão do Hemisfério Norte. Neste período, o dia é mais longo e o sol brilha muito claro. Dessa forma, simboliza a luz e a clareza da mente que o exercício traz para os seus praticantes.

Benefícios de praticar yoga

Como você viu, o Yoga é uma prática reconhecida mundialmente. Isso ocorre, em grande parte, pelos benefícios que esse exercício promove para o corpo, a mente e o espírito. Veja só alguns exemplos:

  1. Diminui o estresse e a ansiedade
    O Yoga trabalha bastante a concentração, ajudando as pessoas a focarem o presente. Dessa forma, auxilia na eliminação de pensamentos persistentes e preocupantes sobre o passado e o futuro. A prática também foca a questão da respiração. Assim, promove a sensação de bem-estar, de paz e de otimismo, diminuindo o estresse e a ansiedade da rotina de seus praticantes.
  2. Melhora o sono
    Tudo o que foi citado anteriormente, junto com o fato de que o Yoga estimula a produção da melatonina, conhecido como o hormônio do sono, contribui para que os praticantes durmam mais e melhor. Ou seja, o Yoga combate a insônia e promove um descanso pleno e restaurador, o que contribui para a formação de um humor agradável e melhora as relações interpessoais das pessoas.
  3. Promove o condicionamento físico
    Todo mundo já ouviu falar sobre as posturas – ou asanas – do Yoga. E são elas as responsáveis por promover um excelente condicionamento físico aos seus praticantes, trabalhando a resistência e o fortalecimento dos músculos, bem como a flexibilidade, por exemplo. Isso faz com que seus praticantes fiquem em forma e encontrem mais facilidade para realizar outras atividades físicas.
  4. Alivia dores
    O autoconhecimento e a autoconsciência são elementos intrínsecos ao Yoga. Por isso é que esse é um exercício que promove o alívio de dores tanto por trabalhar as asanas e a respiração e, assim, exercitar diferentes órgãos e músculos de maneiras distintas, reduzindo também o estresse e a tensão, por exemplo.
  5. Aumenta a energia vital
    Juntando todos os benefícios acima, é possível dizer que o Yoga promove mais plenitude para o dia a dia das pessoas, estimulando a calma e o ânimo. Naturalmente, essa prática aumenta a energia vital dos indivíduos, que encaram sua rotina com mais motivação, otimismo e felicidade.
Um homem e uma mulher fazendo Yoga lado a lado dentro de uma sala fechada
Daxiao Productions / Shutterstock

Tipos de yoga

Mas como aproveitar todos os benefícios acima? Primeiro, você precisa encontrar uma linha do Yoga que te agrade. Pois é, essa prática é muito mais completa e variada do que a maioria das pessoas imagina. Por isso é importante escolher a categoria que mais combina com os seus objetivos e estilo de vida. Veja as principais:

Hatha Yoga

Também chamado de “Yoga clássico”, o Hatha Yoga é uma das linhas mais conhecidas dessa prática, afinal deu origem a todas as outras. Bastante tradicional, ela foca a realização de diferentes posições e a questão física da atividade, trazendo benefícios como a melhoria do condicionamento físico e alívio de dores.

Iyengar Yoga

O Iyengar Yoga é conhecido por ser bastante intenso: ele busca manter posturas por grandes períodos de tempo para, assim, potencializar os benefícios proporcionados por ela. Por isso normalmente conta com acessórios auxiliares, como blocos e almofadas. Com um ritmo mais lento e pessoal, também trabalha o emocional dos praticantes.

Kundalini Yoga

Focado na questão da mente e do espírito, o Kundalini Yoga atua por meio do trabalho em conjunto das asanas, das técnicas de respiração, dos mantras e da meditação. Com ele, os praticantes trabalham suas energias, os chakras, o bem-estar, a expansão da consciência e a plenitude.

Ashtanga Yoga

Rigoroso, o Ashtanga Yoga possui mais regras que devem ser seguidas à risca. Por exemplo, essa linha possui posições que devem ser executadas sempre na mesma ordem. Com diferentes fases, possui etapas mais leves e mais desafiadoras, acompanhando as necessidades e a evolução de cada praticante. Dessa forma, trabalha a concentração, a memorização e também a tonificação gradual do corpo.

Raja Yoga

Bastante indicado para quem já tem o costume de praticar a meditação, o Raja Yoga, ou “Yoga Real”, busca trabalhar o lado espiritual das pessoas. Dessa forma, não foca tanto a questão física, mas sim o emocional dos indivíduos e sua evolução pessoal.

Você também pode gostar:

Com todas essas informações na mente, dá para entender por que foi criado o Dia Interna’cional do Yoga, né? Uma prática tão completa, repleta de cultura e cheia de benefícios para o corpo, a mente, a alma e o espírito dos seus praticantes merece esse tipo de reconhecimento. Então faça a sua parte: compartilhe este artigo nas redes sociais e com seus amigos para participar dessa evolução mundial!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br