Plantas Medicinais

Alfazema: tudo sobre essa grande aliada da saúde e espírito

A alfazema, também conhecida como lavanda e lavandula, é uma planta medicinal muito conhecida pelo seu aroma bastante agradável.

Por causa disso, ela é bastante utilizada em perfumes, aromatizadores e outros tipos de produtos naturais. Porém seus usos vão muito além do que a maioria das pessoas imagina, englobando até mesmo o tratamento de condições físicas (como problemas digestivos) e mentais (como relaxantes).

Por esse motivo, essa erva é usada de várias maneiras, desde chás até óleos naturais, banhos, massagens, entre outros, garantindo uma série de benefícios para os seus usuários.

Com origem no Mediterrâneo, na África Tropical e na Índia, a alfazema possui uma coloração azul arroxeada, podendo ser encontrada, além de em seu local natural, em regiões como Ilhas Canárias, África, Europa e Arábia.

Mas para obter todos esses benefícios, é importante que a alfazema seja manuseada corretamente. E, para isso, é necessário não somente entender bem quais são os poderes dessa planta medicinal, mas também saber como prepará-la para aproveitá-la ao máximo.

E, nesse artigo, é justamente isso que você vai ver. Vamos lá?

Para que serve alfazema

Ramos de alfazema sob a mesa
FinjaM de pixabay / Canva

Antes de tudo, é preciso entender exatamente para quê a alfazema serve. De maneira simplificada, essa planta medicinal auxilia em tratamentos que, em geral, beneficiam-se com o uso de elementos antioxidantes, analgésicos, terapêuticos, relaxantes, calmantes, antiespasmódicos e antidepressivos.

Ou seja, essa erva oferece uma série de vantagens para a saúde física, mental e espiritual dos seus usuários, garantindo maior bem-estar em seu dia a dia.

Benefícios da alfazema

Mas como, exatamente, essa planta transforma tanto a vida das pessoas? Quais doenças e condições ela trata? De que forma suas substâncias auxiliam nesses tratamentos? Separamos alguns benefícios marcantes que você precisa conhecer. Veja:

  1. Combate o estresse, a ansiedade e a depressão: A alfazema possui efeito calmante no organismo das pessoas, seja pelo seu consumo ou pela inalação do odor. Por esse motivo, ela ajuda a aliviar condições psicológicas como a ansiedade, a depressão e o estresse, melhorando o humor dos usuários.
  2. Ajuda na digestão: Por causa de seu efeito antioxidante e anti-inflamatório, a alfazema ajuda a garantir um processo digestivo mais saudável, diminuindo os gases e outros problemas estomacais e intestinais.
  3. Fortalece a imunidade: A alfazema também é rica em vitaminas B e C. Por isso auxilia a fortificar a imunidade das pessoas, tornando-as mais resistentes a diferentes tipos de doenças.
  4. Melhora a pele: Não é só a nossa mente que a alfazema consegue acalmar! Ela também possui esse efeito de relaxamento na nossa pele e, por isso, auxilia no tratamento de manchas e coceiras, além de dar um aspecto mais saudável
  5. Ajuda contra a insônia: Como já falamos, a alfazema tem propriedades calmantes. Consequentemente, tem grande poder sedativo e, por isso, é um grande aliado de pessoas que sofrem com insônia e dificuldades para dormir, garantindo uma noite de sono calma e muito energizadora.
  6. Alivia dores musculares e enxaquecas: A alfazema também possui efeito antiespasmódico. Esse fato, aliado às suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, faz essa planta medicinal se tornar um excelente recurso contra dores musculares e enxaquecas.

Como consumir alfazema

Legal, né? A alfazema possui uma série de propriedades que a torna uma grande aliada da saúde humana. Mas como obter todos esses benefícios? Primeiro, é preciso entender que essa planta pode ser utilizada de diferentes maneiras.

O chá de alfazema, por exemplo, é bastante comum. Fácil de ser preparado, tem um gosto adocicado bastante agradável ao paladar.

O óleo de alfazema também é muito conhecido. Utilizado em massagens e até mesmo durante o banho, ele possui aquele aroma tão característico e delicioso dessa planta.

Aliás, o cheiro da alfazema é tão agradável que a erva também é utilizada na produção de cosméticos como perfumes, desodorantes, sabonetes, cremes, shampoos e muito mais. E o mais legal? Suas propriedades continuam sempre muito presentes!

Nesse cenário, o banho de alfazema também é bastante comum e possui diferentes formas de ser realizado: você só precisa escolher a forma que mais te agrada.

Tabela nutricional

Valor energético 17 kcal
Carboidratos3,3g
Proteínas0 g
Gordura0g
Fibra alimentar1,7g
Sódio0mg
Informações nutricionais da alfazema referente a 5g da planta


Alfazema na espiritualidade

A alfazema é tão poderosa que possui grande poder até mesmo na questão da espiritualidade. A aromaterapia, por exemplo, é um importante aliado de questões mentais e energéticas e, nesse segmento, a planta medicinal atua como uma aliada indispensável graças às suas propriedades calmantes, que ajudam as pessoas a pensarem melhor e de forma mais organizada. Dessa forma, traz paz e harmonia para a vida dos indivíduos, ao mesmo tempo em que afasta energias ruins e promove a segurança.

A erva, inclusive, possui ligações com religiões como a umbanda, já que é conhecida como a planta de Iemanjá e Oxum, sendo utilizada em diferentes rituais, desde benzimentos até banhos.

E, falando em banhos, a alfazema é muito utilizada nesse tipo de ritual. Realizado, normalmente, na parte da noite e antes de dormir, tudo o que é preciso para realizá-lo com eficiência é água morna misturada com um pouco de alfazema. Ao jogar essa mistura do pescoço para baixo enquanto mentaliza os seus pedidos e objetivos, isso vai eliminar todas as dúvidas e inseguranças da sua vida, renovando as suas energias.

Há contraindicações no consumo da alfazema?

A alfazema é uma planta medicinal que não apresenta grandes perigos à vida. Ela pode ser utilizada pela maioria das pessoas, sendo contraindicada apenas para quem está grávida, amamentando ou sofre com úlceras. Além disso, é preciso ficar de olho em possíveis reações alérgicas.

Ela também possui pouquíssimos efeitos colaterais: o principal deles é a sonolência, mas isso já é esperado, já que ela trata a insônia. Por isso não é indicado ingeri-la em excesso e, geralmente, as pessoas optam pelo seu uso na parte da noite ou antes de dormir.

Receitas com alfazema para o dia a dia

Chá de alfazema

Chá de lavanda com rodelas de limão.
Creative-Family de Getty Images

Nutritivo, delicioso, cheiroso e fácil de preparar! Esse é o chá de alfazema, que deixa você quentinho e relaxado. Veja como fazer o seu:

Ingredientes:

  • 250 ml de água
  • 1 colher de chá de alfazema picada

Modo de preparo:

Ferva a água em uma panela. Desligue o fogo quando ela começar a borbulhar e só então acrescente a alfazema. Feche o refratário e deixe a infusão atuar por cerca de 10 minutos. Depois, basta coar e aproveitar a sua bebidinha!

Banho de alfazema

Além do banho de alfazema tradicional, você também pode usar outra técnica que vamos te ensinar agora!

Ingredientes:

  • 100g de alfazema
  • 1 saquinho de tecido fino

Modo de preparo:

Coloque a alfazema em seu saquinho e amarre-o no seu chuveiro. Assim, sempre que você for tomar banho, a água vai entrar em contato com a planta e garantir que você seja banhado com suas propriedades.

Sabonete de alfazema

Fazer o seu próprio sabonete é mais fácil do que parece. Usando ingredientes naturais, você conta com benefícios incríveis. Olha só:

Ingredientes:

  • Base de glicerina para sabonete
  • Essência de alfazema
  • Formas de plástico ou silicone

Modo de preparo:

Corte a base de glicerina em pedaços médios e coloque em uma panela de vidro. Derreta em banho-maria e desligue o fogo. Depois, acrescente algumas gotas da sua essência de alfazema e mexa. Despeje a mistura nas fôrmas de silicone e deixe que esfrie naturalmente. Por fim, basta desenformá-los quando estiverem secos e aproveitar!

Aromatizador de alfazema

Velas e essência de lavanda
googlerankfaster de pixabay

O cheirinho calmante e agradável da alfazema é uma de suas características mais marcantes. Por isso é muito comum que a planta medicinal seja usada em aromatizadores. Faça o seu:

Ingredientes:

  • Ramos de alfazema
  • Saquinhos de lembrancinha

Modo de preparo:

Seque os seus ramos de alfazema e, depois, coloque-os nos seus saquinhos de lembrancinhas. Posicione-o em locais estratégicos, como gavetas e armários, e aproveite o seu cheirinho em todos os ambientes!

Bolachas de alfazema

A alfazema tem um gostinho adocicado delicioso. Por isso, além dos chás, podem ser encontrados em várias outras receitas. Veja essa de bolachas que separamos para você:

Ingredientes:

  • 4 colheres de sopa de manteiga
  • 4 xícaras de chá de açúcar
  • 4 colheres de sopa de sumo de limão
  • 1 gema de ovo
  • 200g de farinha
  • 1 colher de chá de alfazema
  • Raspas de limão

Modo de preparo:

Em uma batedeira, despeje a manteiga derretida e o açúcar até que se forme um creme homogêneo. Depois, acrescente as raspas e o sumo de limão, junto com a gema de ovo. Misture tudo com a farinha e a alfazema, moldando os seus biscoitos. Leve ao forno de 180º por meia hora e, depois, é só se deliciar!

Você também pode gostar:

Ufa! Quem diria que uma simples planta poderia ter tantos usos e benefícios, né? Essa é a beleza da natureza, que nos fornece tudo aquilo de que precisamos para viver felizes e de forma saudável. Esperamos que este artigo ajude e impulsione você a aproveitar bastante esses recursos naturais.

Outras plantas medicinais

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br