Plant-Based Plantas Medicinais Saúde Integral

Agrião: do amargor da erva ao seus inúmeros benefícios

Já pensou em aproveitar uma planta medicinal que, além de oferecer benefícios para a saúde (física, mental e espiritual), ainda dá aquele toque especial para as suas comidinhas? Parece um sonho distante, mas é algo possível com o agrião!

Esse vegetal, constituído por flores pequenas e de um verde bem escuro, é rico em diferentes tipos de vitaminas e nutrientes. Por isso é indicada por diferentes profissionais da saúde e, em muitas casas, já faz parte da dieta diária!

Originário da Ásia Central e da Europa, geralmente se dá muito bem em locais naturalmente úmidos e banhados por riachos, por exemplo.

Foi entre os povos romanos e gregos que ele passou a ser consumido com frequência, já que é altamente utilizado, até os dias de hoje, em especiarias e saladas. Mas seu uso não para por aí, e ele pode ser consumido de diferentes formas.

Quais são essas maneiras de consumo, então? Quais, exatamente, são os benefícios que o agrião fornece para as pessoas nos mais diferentes âmbitos? Existe algum tipo de contraindicação? E qual é a diferença entre ele e a rúcula?

Essas e outras questões serão respondidas neste artigo. Continue lendo para saber tudo sobre o agrião!

O agrião para a espiritualidade

Na espiritualidade, diferentes tipos de plantas medicinais são usadas para os mais variados propósitos. E o agrião, apesar de não possuir nenhum tipo de utilização ritualística, possui seus próprios benefícios em culturas diversas.

Ele é considerado, por exemplo, uma planta lunar. Isso quer dizer que ele pode ser utilizado por quem está passando por situações mais pessoais e sensíveis, como o crescimento pessoal, a melhoria da intuição, a magia da imaginação, entre outros.

Além disso, essa característica ainda indica que o agrião representa um ótimo recurso para quem quer evoluir seus projetos, suas metas e seus objetivos, já que ele intensifica as energias individuais e torna seus consumidores mais abertos a novas oportunidades, ideias e, de forma geral, à construção de coisas muito positivas.

Essa planta medicinal também possui forte relação com a umbanda, sendo relacionada a Ogum, um poderoso Orixá conhecido pela sua forte energia e capacidade de ajudar empreendedores e trabalhadores.

Por fim, o mundo onírico ainda diz que o agrião está relacionado com a vitalidade e com a força de vontade, podendo indicar tanto que você tem isso de sobra e está preparado para diferentes desafios quanto o fato de que você precisa trabalhar isso em sua vida para não ser derrotado por possíveis obstáculos.

Benefícios do agrião para a saúde

Como vimos brevemente, o agrião é uma hortaliça rica em vitaminas e nutrientes. Por isso, auxilia no tratamento de diferentes condições e traz benefícios impressionantes para a saúde de seus apreciadores. Vamos conhecer os principais:

  1. Reduz a pressão arterial: por ser rico em potássio, cálcio e magnésio, o agrião não só ajuda a reduzir a pressão arterial como melhora a saúde cardiovascular como um todo, prevenindo contra diferentes tipos de doenças.
  1. Melhora o funcionamento do intestino: essa hortaliça também é rica em fibras. Dessa forma, ajuda a garantir o bom funcionamento do intestino, evitando a prisão de ventre.
  1. Fortalece os ossos e os músculos: graças à sua composição com altos níveis de vitamina K, o agrião fortalece os ossos e os músculos. Isso porque ele facilita a absorção do cálcio, prevenindo contra a osteoporose e garantindo o crescimento saudável das crianças, por exemplo.
  1. Protege contra a diabete e o colesterol: os nutrientes presentes no agrião o tornam um ótimo aliado para quem luta contra o colesterol e a diabetes, já que a planta medicinal ajuda a controlar esses dois elementos no organismo.
  1. Dá mais energia para o corpo e a mente: já falamos sobre o fato de o agrião ser rico em nutrientes, né? Vitaminas como a C a e a A aparecem em abundância em sua composição. Isso contribui para a disposição das pessoas, garantindo que elas tenham mais energia física e mental.
  1. Ajuda no emagrecimento: por possuir um nível bem baixo de calorias, o agrião auxilia no emagrecimento. O melhor de tudo é que ele faz isso sem comprometer a saúde das pessoas, já que é rico em nutrientes e garante a saúde do organismo.
  1. Garante a saúde dos olhos: essa planta medicinal também possui quantidades benéficas de luteína e zeaxantina. Esses são carotenoides que protegem a retina e, dessa forma, realizam a manutenção da saúde dos olhos.
  1. Trata problemas respiratórios: o agrião é recheado de antioxidantes, além de possuir propriedades anti-inflamatórias. Por isso, trata problemas respiratórios como rinite, bronquite, sinusite, asma, entre outros, tudo isso enquanto evita outras doenças que poderiam afetar essa área do organismo.
  1. Combate o câncer: graças à sua composição, o agrião se mostrou muito eficaz no combate de células cancerígenas, ajudando tanto no tratamento quanto na prevenção.
  1. Evita o envelhecimento precoce: a vitamina C presente no agrião também o torna um importante aliado da pele. Dessa forma, previne contra as rugas e o envelhecimento precoce, garantindo a saúde da derme, que consegue absorver o colágeno com mais facilidade.

Tabela nutricional

Veja a tabela nutricional do agrião. Os valores apresentados são referentes a uma porção de 100g da hortaliça:

Energia11 calorias
Proteína2,7g
Gordura0,2g
Carboidratos2,3g
Fibras3g
Vitamina A160 mcg
Betacaroteno1910 mg
Luteína + Zeaxantina5770 mcg
Vitamina C60 mg
Vitamina K250 mcg
Ácido fólico200 mcg
Potássio230 mg
Cálcio200 mg
Fósforo56 mg

Como consumir o agrião?

Agora que você já conhece todos os benefícios do agrião, chegou a hora de entender como obtê-los. E isso tem tudo a ver com a forma como ele é consumido.

Por exemplo, se você quer aproveitar bem os seus nutrientes e preservá-los para, assim, obter uma ação mais intensa em seu organismo, o indicado é que ele seja usado cru, ou seja, de forma natural.

Isso pode ser difícil para algumas pessoas, já que essa é uma planta medicinal com um sabor bem amargo. Mas não precisa se preocupar: se você o deixar de molho em uma bacia com água e vinagre ou limão por 15 minutos, pode amenizar essa característica.

Além disso, você também pode prepará-lo de várias outras maneiras e ainda assim aproveitar bem seus nutrientes: sucos, massas, patês, chás e saladas são apenas alguns exemplos, mas esse é um verdadeiro coringa, pois combina com as mais variadas receitas.

Outras formas de usar o agrião

Além do consumo tradicional do agrião que vimos anteriormente, essa hortaliça também pode ser utilizada de algumas maneiras diferentes.

O cataplasma de agrião, por exemplo, é colocado sobre a pele com diferentes objetivos: evitar vermelhidão, tratar bolhas ou simplesmente hidratar e estimular a saúde da derme.

Muitas loções também utilizam o agrião como ingrediente em sua composição. Dessa forma, limpam a pele, removem a oleosidade e até mesmo combatem a acne.

Por fim, ainda temos o óleo de agrião, que é utilizado, em sua maioria, como tratamento capilar, dando brilho, estimulando o crescimento e fortalecendo os fios.

Grãos de agrião sobre fundo infinito cinza
Alicia97 / Shutterstock

Existem contraindicações?

O agrião é uma planta medicinal natural que, em sua maioria, não apresenta grandes perigos. Porém pessoas grávidas devem evitar seu consumo, pois ele pode provocar o aborto. Além disso, não é indicado que lactantes façam uso da hortaliça.

É importante lembrar, também, que tudo em excesso faz mal — até mesmo elementos naturais. No caso do agrião, o consumo alto pode gerar irritações no estômago, na vesícula, no rim e nas vias urinárias.

Qual a diferença de rúcula e agrião?

Muitas pessoas confundem o agrião com a rúcula. E é compreensível: esses vegetais são bem parecidos, com folhas do mesmo tamanho e a característica cor verde. Porém são bem diferentes e, agora, você vai aprender a diferenciá-las.

O agrião é fino e tem uma coloração verde bem escura. Além disso, possui uma leve picância, podendo ser utilizado como erva aromática, substituindo a salsinha e a cebolinha.

Já a rúcula possui uma coloração mais viva e vibrante, além de ser mais grossa. Seu sabor também é menos forte e característico, tendo características mais suaves.

Receitas com agrião

Ficou com vontade de aproveitar bem as propriedades do agrião, né? Então pega o papel, a caneta ou abra o bloco de notas do computador para anotar essas receitas imperdíveis que trouxemos para você!

Suco de agrião

O suco de agrião é uma das formas mais populares de consumir essa planta medicinal. Isso porque conta com diferentes tipos de benefícios, já que desintoxica o corpo. E prepará-lo é muito fácil! Veja só:

Ingredientes:

  • 2 talos de agrião
  • 200ml de suco de laranja
  • 5 gotas de própolis

Modo de preparo:

Lave bem os talos do agrião para garantir que ele esteja bem limpinho. Depois, corte em cubinhos e coloque no liquidificador. Despeje o suco de laranja e a própolis e bata até que fique um líquido uniforme. Por fim, é só servir no copo e tomar!

Salada de agrião

Uma salada de agrião completa, além de ser muito nutritiva e servir como uma refeição completa, ainda é deliciosa e fácil de preparar. Olha só:

Ingredientes:

  • Meio maço de agrião
  • Meia cebola roxa
  • 1 tomate
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de café de suco de limão
  • 1 colher de sopa de azeite
  • Pimenta do reino a gosto

Modo de preparo:

Para começar, prepare o seu agrião, lavando-o bem e colocando as folhas em uma travessa bem bonita. Depois, pique a cebola e o tomate da forma que preferir e adicione na travessa. Para finalizar, basta temperar: despeje o azeite, o sal, a pimenta e o suco de limão. Misture tudo muito bem para que todos os ingredientes peguem o tempero e pronto! Agora é só se deliciar!

Patê de agrião

O patê de agrião é uma forma muito interessante de usar essa planta medicinal. Ele pode ser acompanhado de pãezinhos, de uma carne ou até mesmo de arroz, complementando bem o prato. Saiba como preparar:

Ingredientes:

  • Meio maço de agrião
  • Meia xícara de requeijão
  • Meia cebola
  • Meio limão
  • 150g de ricota
  • 2 dentes de alho
  • Pimenta do reino a gosto

Modo de preparo:

Como sempre, inicie o preparo lavando bem o seu agrião. Depois, pique as folhas, a cebola e o alho. Coloque tudo em um processador e bata até que os ingredientes adquiram um tamanho bem pequeno. Vá incluindo o suco de limão e bata até que fique uma massa homogênea. Inclua a ricota e bata mais um pouco. Quando finalizar essa parte, despeje a mistura em um pote e acrescente o requeijão e a pimenta. Misture bem e pronto! Você tem um patê delicioso que vai acompanhar sua refeição.

Arroz com agrião

O arroz é um dos alimentos mais queridinhos do brasileiro. Incremente-o com o agrião e tenha, em uma garfada, uma explosão de sabores e nutrientes! Confira:

Ingredientes:

  • 3 dentes de alho picados
  • 1 maço de agrião
  • 1 copo de arroz
  • 500 ml de água fervendo
  • Azeite
  • Sal

Modo de preparo:

Em uma panela, coloque azeite a gosto e frite o alho. Depois, acrescente o grão, o arroz e o sal e deixe refogar até que as folhas murchem um pouco. Tome cuidado para não queimar! Quando estiver no ponto, despeje a água fervendo e tampe a panela para que o arroz cozinhe. Quando tudo secar, transfira o seu arroz diferente e delicioso para uma travessa e aproveite!

Bolo de agrião

Quem disse que doce e agrião não se misturam? O bolo de agrião veio para superar esse mito e mostrar que ele pode, sim, ser uma deliciosa sobremesa. Entenda:

Ingredientes:

Para a massa:

  • 1/2 maço de agrião
  • 4 gemas
  • 150 ml de óleo
  • 1/4 de xícara de água
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 e 1/2 xícara de açúcar
  • 1 colher de sopa de fermento químico
  • 4 claras batidas em neve
  • Margarina para untar

Para a cobertura

  • 1 caixa de leite condensado
  • 1 colher de sopa de margarina
  • 7 colheres de sopa de achocolatado

Modo de preparo:

Em um liquidificador, despeje o agrião, as gemas de ovo, o óleo e a água. Bata bem, até que a mistura fique homogênea. Separadamente, em uma vasilha, misture a farinha e o açúcar e, aos poucos, vá acrescentando a mistura do agrião, misturando bem. Inclua o fermento e as claras batidas, sempre misturando bem. Unte a forma e jogue a massa, levando ao forno por cerca de 40 minutos e a 180º. Enquanto o bolo assa, faça o brigadeiro. Por fim, depois de desenformar, despeje a cobertura e aproveite essa delícia!

Você também pode gostar:

Impressionante como uma única planta, além de oferecer tantos benefícios para o nosso organismo, ainda pode ser preparada de várias formas, né? Tem agrião para todos os gostos! Agora, você já sabe tudo sobre ele e pode incrementar não somente a sua vida na cozinha, mas também a sua saúde! Aproveite bem essas informações.

Outras plantas medicinais

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br